Buscar

16 março 2017

Suspeitos de furtarem combustível de oleodutos da Petrobras são presos

Imagem relacionadaCinco pessoas foram presas em uma operação para desarticular uma quadrilha especializada em furto de combustível de oleodutos da Petrobras. O prejuízo com os desvios é estimado em R$ 33,5 milhões. A operação “Ouro Negro” acontece na manhã desta quinta-feira (16) no Rio, em São Paulo e em Minas Gerais.
O grupo desviava combustível e petróleo dos dutos da Transpetro, na Baixada Fluminense, para revenda ilegal. Segundo a polícia, era usada a técnica da trepanação, que consistia na instalação de uma derivação clandestina na tubulação perfurada sem que haja a necessidade de fechar o abastecimento do produto.
As ligações clandestinas foram instaladas em vários terrenos em Caxias, Magé, Nova Iguaçu e, até mesmo, próximo ao Arco Metropolitano. Depois da extração de diesel, gasolina, álcool e até petróleo cru, tudo era levado para refinarias clandestinas em Minas Gerais e São Paulo.
A investigação começou em 2015 e a estimativa é que tenham sido desviados, por ano, 14 milhões de litros de combustíveis da Petrobras. De acordo com a denúncia, a quadrilha atuou entre junho de 2015 e março deste ano.
A operação continuava em andamento às 8h20. Ela é feita pela Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA), da Polícia Civil, em conjunto com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (Gaeco-MPRJ).

Mandados de prisão

A Justiça expediu 11 mandados de prisão nesses três estados e 26 de busca e apreensão. No Rio de Janeiro foram presos dois donos de combustíveis, o ex-policial militar Carlos Alberto Ferreira e Jane Pereira. De acordo com as investigações, eles eram proprietários de postos de combustíveis em Caxias e sabiam da origem ilícita do combustível.
O chefe da quadrilha no Rio de Janeiro não foi encontrado. Denilson Silva Peçanha, conhecido como "Maninho", é considerado foragido. Além de ser responsável pela perfuração e retirada dos combustíveis, Maninho também era responsável por garantir o envio do produto para outros estados, por meio de emissão de notas fiscais fraudulentas.
Outro denunciado, Roniery de Oliveira Alves, era o braço-direito de Maninho e estabelecia rotas dos caminhos e conduzia os motoristas até os locais de perfuração. Adenir de Carvalho fornecia os caminhões, e Sularman de Oliveira era responsável pela atividade da trepanação.
Charles Augusto Ponciano e o já falecido Maximiliano Calixto Oliveira eram responsáveis pelo arrendamento do terreno onde ocorriam os furtos e cuidavam da segurança armada do local.
Outros denunciados eram motoristas que recepcionavam os caminhões nos estados e os dirigiam ao destino final.
Em São Paulo, foram presos Renato Junior Santos de Oliveira e Renato Tavares de Oliveira, que são pai e filho. Eles eram donos de uma empresa de transporte que levava o produto roubado para refinarias clandestinas.

Crimes

Os denunciados são acusados dos crimes de organização criminosa para a prática de furto qualificado de combustível e de petróleo cru.
Alguns integrantes da quadrilha já respondem por furto qualificado de combustível em processos isolados nas Comarcas de Magé e Vila Inhomirim. Já Maninho responde por crimes de tentativa de homicídio e tortura, entre outros, na Comarca de Duque de Caxias.

Fonte: G1

Porteiro é preso por esconder carros roubados no local de trabalho no CE

Porteiro adulterou a plava de um dos veículos de luxo escondidos no próprio local de trabalho em Fortaleza (Foto: SSPDS/Divulgação)A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio de policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC), prendeu dois homens envolvidos em um esquema de roubo e adulteração de veículos. De acordo com a polícia,  o local usado por eles para esconder os automóveis: no estacionamento de um condomínio de luxo. A ação policial foi desenvolvida nessa segunda-feira (13) e ainda resultou na localização de dois carros tomados de assalto. 
O porteiro de 32 anos, que não possuía antecedentes criminais, escolheu o próprio local de trabalho para dar sequência ao esquema criminoso no qual ele é envolvido. O suspeito escondia carros roubados em um condomínio de luxo situado na Rua José Vilar de Andrade, no Bairro Sapiranga, em Fortaleza. Sua prisão foi efetuada ainda no local.
A polícia afirmou que os investigadores chegaram ao suspeito após receberem uma denúncia anônima de que ele trocou as placas de um carro de cor prata dentro do condomínio e, em seguida, deixou o mesmo estacionado em uma via próximo dali. Os policiais também foram informados que esta já era a terceira vez que o porteiro levava automóveis para o residencial.
Os agentes de segurança se deslocaram até o local e avistaram o porteiro tirando fotos do carro de luxo – que possuía emplacamento de João Câmara/RN. Os policiais constaram que as placas não correspondiam a nenhum veículo e realizaram a abordagem. As chaves do veículo estavam na bancada da guarita do condomínio e, durante buscas no empreendimento, as placas originais do carro foram apreendidas em uma sala que serve como almoxarifado. O automóvel foi tomado de assalto no último dia 10, no Centro.

Prisão do comparsa

Em conversa com a polícia, o suspeito alegou que estava guardando o veículo para outra pessoa por dinheiro, mas em seu celular os investigadores localizaram fotos do transporte e conversas com outro criminoso sobre o próximo destino dele: Horizonte.
Dando continuidade as investigações, o comparsa do porteiro, outro homem de 27 anos, que também não possuía antecedentes criminais, foi preso em sua residência, no Bairro Tancredo Neves, com outro carro roubado, de cor vermelha e subtraído em novembro de 2016.
Os dois presos foram encaminhados à sede da DRFVC e autuados em flagrante por receptação, associação criminosa e adulteração de sinal identificador de veículo. As investigações sobre as atividades criminosas de ambos continuam e também visando à captura de outros envolvidos no esquema.

Fonte: G1

Aeroporto de Fortaleza tem obra parada e expectativa de se tornar hub

Previstas para serem concluídas em dezembro de 2013, as obras de ampliação do Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza, seguem paradas e causando transtornos para quem precisa utilizar o terminal e até para a população da cidade. (Foto: Gioras Xerez/G1 Ceará)Um dos cinco aeroportos a serem leiloados nesta quinta-feira (12) em São Paulo, o Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza (CE), tem um canteiro de obras parado anexo ao hall de embarque desde 2014. Quem vencer a concessão terá que lidar com o problema para poder ampliar a capacidade do terminal – que disputa o posto de centro de conexão de voos da Latam no Nordeste.
Terceiro entre os mais movimentados da Região Nordeste e o 12º do Brasil, de acordo com a Secretaria de Aviação Civil, o aeroporto de Fortaleza, passará à iniciativa privada junto com os terminais de Porto Alegre (RS), Salvador (BA) e Florianópolis (SC).
Iniciadas em 2010, as obras de ampliação do terminal cearense estão paradas desde maio de 2014, quando o contrato com o consórcio executor foi rescindido. O canteiro de obras fica ao lado da área de check-in - material e equipamento estão expostos e se deterioram com a exposição ao sol e chuvas.
A primeira etapa das obras de ampliação - que daria suporte ao fluxo de passageiros durante a Copa do Mundo - deveria ter sido concluída em dezembro de 2013, mas apenas 25% ficaram prontos. Em janeiro de 2014, a Infraero reconheceu o atraso e implantou um "puxadinho" de R$ 3,5 milhões para atender a demanda extra da competição.
A ampliação previa aumento no número de pontes de embarque de sete para 16, e o terminal de passageiros seria ampliado de 38 mil metros quadrados para 133 mil metros quadrados. Na época, a obra tinha investimento total de R$ 350 milhões. Atualmente, o aeroporto tem capacidade para atender 6,4 milhões de passageiros por ano. Com a ampliação, a capacidade passaria para 11,2 milhões.
O valor da manutenção e limpeza da obra são diluídos nos custos de mesma natureza e operacionais do aeroporto, segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). Há uma rotina de inspeções no canteiro para evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti.
Oferta
A oferta inicial no leilão deverá ser de R$ 360 milhões - equivalente a 25% do valor total da outorga - segundo o Governo Federal. O Pinto Martins tem a maior outorga mínima da rodada (R$ 1,440 bilhão). Outorga é o valor que o concessionário terá de pagar ao Governo Federal para explorar o equipamento.
A entrega à iniciativa privada representa, para o governo estadual, um incremento da cadeia produtiva do turismo no Ceará, que é responsável atualmente por 11,5% do PIB local.
O valor é o maior entre os quatro aeroportos. A concessão deve aumentar o fluxo de passageiros no terminal dos atuais 6,5 milhões de passageiros/ano para 27,6 milhões de passageiros/ano, em 2047, fim do prazo de concessão.

Hub da Latam

Leilão para concessão do aeroporto de Fortaleza ocorre na quinta-feira (Foto: Gioras Xerez/G1 Ceará)
Um dos "atrativos" do aeroporto de Fortaleza para os investidores é a possibilidade de Fortaleza sediar o hub - o centro de conexão de voos - da Latam. Atualmente, a principal rota operada no local é Fortaleza-Aeroporto Internacional de Guarulhos (SP).
Como incentivo para a implantação do hub, a Assembleia Legislativa do Ceará já aprovou a isenção do ICMS, incidente em operações e prestações relacionadas com a construção, instalação e funcionamento do hub. As cidades do Recife (PE) e Natal (RN) também estão na disputa.
Estudo realizado pela própria Latam mostra que a instalação poderá gerar cerca de 35 mil empregos diretos e indiretos e crescimento de 6% no PIB cearense, o que representa impacto de R$ 9,9 bilhões na economia do estado em um período de cinco anos de operação.
Segundo o estudo, mais de um terço do impacto econômico (39%) virá dos setores de transporte e armazenagem, 17%, do setor de atacado e varejo e 12% dos setores de hospedagem e alimentação.
Outro estudo feito pela consultoria Arup, a pedido da Latam, estima ainda que o hub em Fortaleza possa movimentar, a partir de 2018, 2 milhões de passageiros adicionais por ano, em 24 aeronaves operadas diariamente (entre 2.500 e 3.000 passageiros na hora-pico). Em 2038, o número de passageiros poderia chegar a 3,2 milhões por ano, em 36 aeronaves operadas diariamente (mais de 4.000 passageiros na hora-pico).

Investimentos

Muitos passageiros evitam comer nas lanchonetes e restaurantes do Aeroporto de Fortaleza. Os preços não são nada convidativos (Foto: Gioras Xerez/G1 Ceará)O terminal cearense requer o terceiro maior patamar de investimento - quem arrematar o terminal terá de aplicar R$ 1,4 bilhão em melhorias.
De acordo com o edital, após a homologação a concessionária vencedora do leilão terá prazo de 180 dias para apresentar à Anac o Plano de Gestão da Infraestrutura (PGI) para todo o período da concessão. O Programa deverá descrever as ações de gestão da infraestrutura, rotinas de auto inspeção, manutenção preventiva e coordenada, expansão e modernização da infraestrutura.
A concessionária deverá estabelecer melhorias no sistema de pista e taxiways, ampliar o pátio de aeronaves, o terminal de passageiros, o estacionamento de veículos e o terminal de cargas. Além disso, a concessionária assumirá todas as obras em andamento.

Reclamações e melhorias

Os usuários também esperam a melhoria do serviço: preço do estacionamento e da alimentação lideram as reclamações dos passageiros ouvidos pelo G1 no aeroporto. O terminal tem cerca de 176 pontos comerciais - 149 ocupados.
Para o empresário Miguel Arcanjo Martins, 56 anos, os preços são muito altos. "Um achocolatado, por exemplo, em caixinha, você encontra em qualquer mercantil por R$ 2,00. Aqui custa algo em torno de R$ 5,00 ou mais. Eu prefiro não comprar. Só em último caso, quando o vôo atrasa ou quando aperta a fome", diz.
A Infraero disse que o valor dos produtos ofertados é de livre definição dos concessionários, atentando para as normas de regulação das relações de consumo. A adminstradora ressalta que oferece, atualmente, 20 opções de alimentação entre restaurantes e lanchonetes e que tem buscado iniciativas para estimular a concorrência nos estabelecimentos.
A estudante de Fortaleza Ariane Feitosa Araújo, 19 anos, prefere levar o lanche de casa. Quando sai depois do horário do almoço escolhe comer na própria residência para evitar gastos desnecessários. "Eu evito comer aqui. Fiz nessas últimas viagens poucas refeições no aeroporto. A comida até que é gostosa, mas os preços não são convidativos. Um prato comum, por exemplo, com suco sai por mais de R$ 30,00. Só como aqui em último caso", explica.

Área de desembarque

O turista de Rondônia Thiago Silva gostou da infraestrutura do aeroporto de Fortaleza, mas criticou as informações no desembarque.
"Eu achei que há poucas placas informando a saída. Como também achei o desembarque muito lotado. Muita gente e pouco táxi. Um tumulto que poderia ser resolvido com a expansão da área de desembarque. O espaço poderia ser mais amplo para não ficar tanta gente em um mesmo local", disse.

Estacionamento

O estacionamento também foi citado pelos usuários. O aposentado Francisco Wescley  Mendonça, 72 anos, esperava o filho vindo de Cuiabá (MT) e afirmou que o preço é muito abusivo - e que, para ele, poderia ser repensado pela administração do aeroporto.
"É um preço acima do normal. Cidadão desembolsar quase R$ 15,00 para poder ficar apenas uma hora em um estacionamento é um absurdo. Se o voo atrasar? Se demorar mais um pouco o valor duplica para quase R$ 30,00", reclama. A Infraero informou que os preços praticados nos estacionamentos dos aeroportos administrados pelo órgão são definidos com base em pesquisa de mercado. O estacionamento Master Park não enviou resposta ao G1.

Fonte: G1

Prefeitura de Russas abre mais de 800 vagas para seleção pública

Imagem relacionadaEstão abertas as inscrições para o novo Concurso Público realizado pela Prefeitura de Russas, com 840 vagas em nível fundamental, médio/ técnico e superior.
Com carga horária de 20h a 40h semanais e salários que variam de R$ 880,00 a R$ 8.599,80, os cargos disponíveis são:

Nível Fundamental: Agente de Limpeza Pública (65); Auxiliar de Serviços Gerais (130); Vigia (31); Agente Comunitário de Saúde (48); Motorista (31); Motorista de Ambulância (6) e Operador de Máquinas Pesadas (2).

Nível Médio/ Técnico: Agente de Administração (72); Agente de Combate de Endemias (16); Agente Social (10); Atendente de Farmácia (19); Auxiliar de Laboratório (3); Auxiliar de Saúde Bucal (10); Auxiliar de Serviços Médicos (20); Auxiliar de Topografia (1); Fiscal de Obras e Posturas (4); Fiscal de Tributos Municipais (4); Fiscal de Vigilância Sanitária (2); Técnico em Contabilidade (1); Técnico em Enfermagem (18); Técnico em Meio Ambiente (2) e Topógrafo (2).

Nível Superior: Assistente Social (16); Bibliotecário (1); Cirurgião Dentista (9); Educador Físico (1); Enfermeiro (17); Engenheiro Civil (2); Farmacêutico Bioquímico (4); Fisioterapeuta (8); Fonoaudiólogo (3); Geólogo (1); Médico Veterinário (1); Nutricionista (3); Procurador (1); Psicólogo (8); Terapeuta Ocupacional (4); Médicos nas especialidades de Clínico Geral (15); Psiquiatra (1); Neurologista (1) e Infectologista (1); e Professores nas áreas de Pedagogia (103), Língua Portuguesa (33); Língua Estrangeira (10); Arte e Educação (5); Educação Física (25); História (10); Geografia (10); Ensino Religioso (5); Ciências (12) e Matemática (33).

Os interessados podem se inscrever no site, até o próximo dia 23. Os candidatos que não têm acesso à internet poderão realizar sua inscrição de forma presencial no posto facilitador localizado na sede da Prefeitura, na Avenida Dom Lino, nº 831, Centro, no horário das 08h às 12h e das 14h às 17h, durante todo o período de inscrição. A taxa de participação varia de R$ 60,00; R$ 80,00 a R$ 120,00, de acordo com  o nível de escolaridade.
Todos os candidatos devrão fazer uma prova objetiva prevista para ser aplicada no dia 26 de março de 2017, inscritos ao cargo de Procurador serão submetidos a avaliação discursiva, já para a função de Professor haverá prova de títulos. 
Este Concurso Público tem validade de dois anos e pode ser prorrogado por igual período, para mais informações consulte o edital.

Garota Vip: saiba quanto custa para curtir Ivete e Safadão no Castelão

Nesta quarta-feira, 15, foram divulgados os valores dos ingressos do Garota Vip, que acontece no dia 29 de abril, na área externa da Arena Castelão. Com três espaços (Arena, Camarote Front e Lounge Open Bar), os preços variam entre R$ 50 a R$ 220. Ivete Sangalo, Wesley Safadão, Gabriel Diniz e Wallas Arrais são as atrações desta edição.
Como informou o blog “Vai, Forrozão!”, o evento criou uma polêmica no início de fevereiro por conta dos jogos finais do Campeonato Cearense. Inclusive, uma das partidas acontece no dia seguinte ao show, 30 de abril.
A festa tinha a tradição de acontecer no dia anterior ao feriado do “Dia do Trabalhador”, 1º de maio, mas por conta da polêmica o show foi antecipado. O evento é intitulado “Onde Tudo Começou”. Os ingressos  começam a ser vendidos nesta quinta-feira, 16, na Social Tickets (RioMar), Loja do Siriguella, Zefirelli ( Kennedy, Parangaba) e pelo site www.bilhetecerto.com.br.

Confira os valores

Arena
Meia – R$50,00
Inteira – R$100,00

Camarote Front
Meia – R$100,00
Inteira – R$200,00

Lounge Open Bar
Feminino
Meia – R$165,00
Inteira – R$220,00

Lounge Open Bar
Masculino
Meia – R$210,00
Inteira – R$280,00

Serviço

Informações: 85 3264.8091


Fonte: O POVO

Cursinho pré-vestibular da Uece recebe currículos para seleção de professores estagiários

Resultado de imagem para EstudantesO curso pré-vestibular UeceVest recebe, a partir desta quarta-feira, 22, até o próximo dia 3, o currículo para seleção de professores estagiários às disciplinas de Língua Portuguesa, Física, Química, Matemática, Geografia, História, Biologia e Espanhol, a serem ministradas nos municípios de Horizonte e Pacoti.
Poderão participar estudantes de graduação da Uece, UFC e IFCE, que estejam cursando a partir do terceiro semestre. Os interessados devem enviar currículo com histórico escolar e declaração de matrícula ou comprovante de matrícula para o email uecevest_itaperi@yahoo.com.br ou entregar na coordenação do UeceVest, no Campus Itaperi.

Wesley Safadão é boicotado pelas rádios do Rio de Janeiro; entenda

Wesley Safadão está sofrendo boicote por parte das rádios do Rio de Janeiro. A música “Você Partiu Meu Coração”, que o cantor divide os vocais com Anitta e Nego do Borel, só foi aceita pelas rádios Mix e Transamérica sem a parte cantada pelo cearense. As informações são do colunista Léo Dias, do jornal O Dia.
O motivo teria sido o medo que as emissoras pop têm de uma possível rejeição dos cariocas em relação a Safadão. Por causa disso, Borel precisou regravar o hit para que fosse executada nas rádios, com a intenção de que todos os trechos nos quais se ouvia o forrozeiro fossem cortados.
Antes, a sertaneja Paula Fernandes também já havia sido cortada de uma música com Taylor Swift pelas rádios do Rio de Janeiro. “Você Partiu Meu Coração” entrou no top 15 do iTunes da Argentina. 

Confira vídeo:

Fonte: O POVO

CE tem chuvas em 109 cidades; em Quixadá raio cai no centro da cidade

Resultado de imagem para Raio
O Ceará registrou chuva em pelo menos 109 municípios nesta manhã desta quarta-feira (15), segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). A maior precipitação foi em Viçosa do Ceará, na Região da Ibiapaba, com 115.0 milímetros.
Em Quixadá, Região Central e Inhamuns choveu apenas 9.6 milímetros, mas segundo moradores entre as 19 e 23 horas a cidade recebeu várias descargas elétricas e ventos. Um morador registrou o momento em que caía um raio no Centro da cidade. (veja vídeo acima)
Outras cidades que apresentaram as maiores precipitações foram Missão Velha (77 mm), Ubajara (70 mm), Flecheirinha (65 mm), Ipu (58 mm), Ibiapina (56.5 mm), Araripe (53 mm), São Benedito (49 mm), Ibaretama (48.5 mm) e Barbalha (47 mm).

Chuvas no Nordeste

Funceme informa que de acordo com a imagem do satélite imagem do satélite, das 8h30min local, mostra nuvens em todo o Ceará, principalmente no centro-sul do estado. A Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), principal sistema indutor de chuvas no Nordeste, tem seu posicionamento próximo à costa norte do Nordeste brasileiro.

Previsão para semana

Ao longo desta quarta-feira, a Funceme prevê céu nublado com chuvas na Serra da Ibiapaba e no centro-sul do Ceará. Nas demais regiões, nebulosidade variável com possibilidade de chuvas.
Para quinta-feira (16), nebulosidade variável com eventos de chuva em todas as regiões cearenses no decorrer do dia.
Já para sexta-feira (17), ao longo do dia, nebulosidade variável com possibilidade de chuvas isoladas na faixa litorânea e sul do estado. Nas demais regiões, céu parcialmente nublado a claro.

Fonte: G1

Prejuízo de noivos com empresa de decoração é de R$ 300 mil, diz polícia

Grupo de noivos denunciam empresário que recebeu pelo serviço de decoração em festas de casamento e dizer não ter condições de executar (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)A Polícia Civil do Ceará estima que o prejuízo de um grupo de noivas que contrataram os serviços de uma empresa de decoração que não cumpriu os contratos seja superior a R$ 300 mil. Até a tarde desta quarta-feira (15), o delegado Jaime de Paula Pessoa, titular da Delegacia de Defraudações e Falsificações, ouviu 35 vítimas, que falaram que pagaram antecipadamente pela decoração das festas de casamento.
"Pelo que nós ouvimos de várias vítimas que compareceram aqui [delegacia], podemos dizer que temos um prejuízo acima de R$ 300 mil, tomando como média que cada uma sofreu um prejuízo de R$ 2 mil. É claro que já ouvimos pessoas que tiveram prejuízos de R$ 8 a R$ 10 mil", disse o delegado.
Segundo um dos noivos, pelo menos 90 casais que contrataram a empresa Flávio Decorações dizem que foram enganados pelo empresário e cobram explicações. O decorador foi contratado pelos noivos para realizar os eventos, mas neste mês informou que não poderia realizar as decorações porque a empresa havia falido.
O delegado Jaime de Paula afirmou que está finalizando os depoimentos para realizar um levantamento das vítimas e seguir com as investigações. O delegado comenta que as vítimas tiveram prejuízo financeiro e também danos pessoais com o imprevisto.
"Várias noivas já tinham eventos marcados para o fim de semana. Além do prejuízo financeiro, há também um abalo psicológico, porque as noivas vão ter que correr para conseguir o serviço ou casar sem o serviço contratado".
A assessoria jurídica que representa a empresa Flávio Decorações afirmou que o empresário está entrando com processo de falência devido à crise econômica.

Processo de falência

A advogada Karla de Alcântara Nogueira Borges, que representa a empresa Flávio Decorações, esclareceu a empresa está entrando, nos próximos dias, com um procedimento na Justiça decretando falência. Nesta quarta-feira, a empresa emitiu uma nota de esclarecimento comunicando o fato.
Sobre os contratos fechados diretamente com o decorador, a advogada ressaltou que o empresário está entrando também com um procedimento de insolvência civil. Este processo se equivale à falência de uma empresa, mas ocorre quando a pessoa física possui um saldo devedor maior que as receitas adquiridas.
A advogada Karla de Alcântara disse ainda que "a empresa, em nenhum momento, teve a intenção de enganar as pessoas, tanto é que comunicou antecipadamente às noivas, através de nota pública e mensagens". A equipe jurídica acrescentou que as pessoas que não tiveram os contratos cumpridos poderão se habilitar no processo de falência para tentar reaver os valores.

Fonte: G1

Tijuquinha é o terceiro açude a sangrar em 2017


O primeiro dia de sangria do açude Tijuquinha alegrou moradores da região e atraiu visitantesAinda era noite quando o barulho da água atravessando a barragem acordou o sono de dona Maria das Dores Lopes, 67 anos. “Quando eu acordei e abri a janela, já tinha esse mar de água”, alegrou-se a dona de casa, que mora a poucos metros do açude Tijuquinha, em Baturité, a 95,4 quilômetros de Fortaleza. Com as chuvas de ontem, o reservatório voltou a sangrar depois de 11 meses.
“Pra gente que mora aqui perto e depende dele, é a felicidade. Quando ele tá seco, a gente anda muito pra pegar água de lavar roupa, ajeitar a casa...”, reparte Maria das Dores, que há alguns dias já guardava a expectativa de ver o açude transbordando. Da janela de casa, ela acompanhava a chegada da água e armazenava esperanças.
O açude, com capacidade para 880 mil metros cúbicos (m³), não é dos maiores do Estado. O Castanhão, por exemplo, consegue armazenar 370 milhões de m³. Dos cinco anos de seca no Ceará, o Tijuquinha conseguiu sangrar em todos, mas vinha enfrentando dificuldades este ano. Até o começo de março, estava com 19,3% da capacidade. “Eu tava preocupada de, numa altura do ano, o açude ainda não ter sangrado”, compartilhou a costureira Rosiane Pereira, que carregou o marido e a filha para ver de perto a “lavagem” do açude. “Para mim, isso é sinal de alegria. O contrário da seca é sempre muito bonito”.

Açudes

Com a sangria do Tijuquinha, sobe para três o número de açudes sangrando no Estado. Os outros são o Caldeirões, no Alto Jaguaribe, e o Maranguapinho, na Região Metropolitana de Fortaleza. 
As chuvas de ontem também garantiram que o Ceará superasse pela primeira vez no ano os 8% do volume total de armazenamento e tem agora 8,06%. As precipitações de ontem deram ainda aporte a 88 reservatórios cearenses, de acordo com a Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh). Isso permitiu que cinco açudes deixassem de estar secos e outros seis saíssem do volume morto. Outros 22 seguem sem água.
O aporte acumulado nos primeiros 15 dias deste mês (270 milhões de m³) é quase o dobro do que os reservatórios conseguiram armazenar em março de 2016 (150 milhões de m³). O Castanhão, que abastece Fortaleza e Região Metropolitana, é o que mais recebeu aporte neste ano. Atualmente, o reservatório tem 5,5% da capacidade, com 72 milhões de m³.

Fonte: O POVO