Buscar

09 janeiro 2017

Amazonas pede presença da Força Nacional para conter crise no sistema prisional

Resultado de imagem para Força Nacional
O governo do Amazonas pediu ao Ministério da Justiça o apoio da Força Nacional de Segurança Pública para enfrentar a crise no sistema penitenciário. A solicitação de reforço de pessoal e equipamentos foi feita por meio de ofício do governador José Melo ao ministro Alexandre de Moraes, nesse domingo (8).
Segundo o Ministério da Justiça e Cidadania informou, o ministro já autorizou ajuda federal para a área de segurança aos estados do Amazonas, de Rondônia e Mato Grosso.
O efetivo da Força Nacional vai auxiliar as forças policiais locais a controlar a situação nos estabelecimentos penitenciários de Manaus (AM). Desde o dia 1º de janeiro, pelo menos 64 presos foram mortos em três unidades: Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), Instituto Penal Antônio Penal (Ipat) e na Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde quatro detentos foram mortos na madrugada deste domingo (8).
No ofício enviado ao ministério, o governador do Amazonas reconhece que o tumulto e as mortes registradas ontem foram determinantes para que ele decidisse solicitar o apoio federal. Localizado em plena região central da capital manauara, o presídio foi reativado em regime de urgência para receber presos transferidos de outras unidades e que estavam ameaçados de morte.
“O trabalho que está sendo feito desde o dia 1º de janeiro, não só no sistema prisional em si, mas na busca incessante de captura de foragidos e no aumento do policiamento investigativo e ostensivo nas ruas de Manaus e no interior do Estado, está levando os envolvidos (Polícia Militar, Civil, Secretaria de Segurança Pública e inteligência) a limites preocupantes, do ponto de vista físico e psicológico”, ressalta o governador em trecho do ofício.
Segundo o governador, o problema no sistema penitenciário não é isolado. É um problema nacional cuja resolução depende da união de todos. “Diante do fato novo, do limite em que se encontram os integrantes do sistema e da recomendação feita pelo Comitê de Crise em conjunto com o Ministério Público Estadual, solicitamos o envio da Força Nacional, sem prejuízo das demais solicitações”, disse.
Na semana passada, o governo estadual já tinha pedido ao ministério o envio de tornozeleiras eletrônicas, scanners corporais, bloqueadores de sinal de celular e recursos para ampliar e reaparelhar o Instituto Médico Legal e o Instituto de Criminalística.

Fonte: O POVO

“Nenhum santo foi ao céu”, diz deputado cearense sobre massacres em prisões

O deputado estadual cearense Fernando Hugo (PP) usou as redes sociais para comentar recente rebelião que terminou com quase 60 presos mortos em Manaus, no Amazonas. Em vídeo divulgado no Facebook, o deputado cobrou medidas que evitem novos massacres do tipo, mas destacou: “Nenhum santo foi ao céu”.
“Manchete chocante, em todo e qualquer jornal do Brasil: 56 mortos, delinquentes prontos, marginais etiquetados. Não pensem que desse montante existe uma maioria de santos, anjos, arcanjos, de representantes da cidadania”, disse o deputado.
Entre medidas, Fernando Hugo cobra lei que separe criminosos condenados por crimes leves e “bandidos da mais alta periculosidade”. “É hora de separar o joio do trigo (…) separar, deixando os descuidistas, que furtaram, roubaram, do banditismo de alta periculosidade”, diz.
O deputado cobra ainda lei que obrigue presos a trabalharem na prisão. “Deus nos livre de outros desqualificados como cidadãos que devem existir lá. Eu falo como cristão, natureza que o momento exige”, disse.
Massacre
Desde o início do ano, diversas rebeliões têm sido registradas em presídios brasileiros. Até agora, quase cem presidiários sob a tutela do Estado foram mortos em todo o País. Situação chamou atenção até do papa Francisco, que pediu orações para os presos e vítimas das chacinas.
“Quero expressar tristeza e preocupação com o que aconteceu. Convido-vos a rezar pelos mortos, pelas suas famílias, por todos os detidos na prisão e por aqueles que trabalham nela”, disse.
Fonte: O POVO

Corte de luz por falta de pagamento na conta é proibido em todo território brasileiro

O consumidor que não pagou uma conta de luz há mais de 90 dias não pode mais ter a eletricidade cortada – desde que as faturas posteriores à conta atrasada estejam quitadas. Essa é a nova determinação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para proteger o fiel pagador que, eventualmente, esqueceu de pagar uma fatura – que é antiga demais ou pode não ter sido enviada pela concessionária.
A regra está prevista na Resolução 414/2010 (que foi publicada no último dia 15 de março, editada para evitar confusões. Isso porque, às vezes, um morador tinha a luz cortada por causa do atraso no pagamento de um boleto em atraso há anos – em muitos casos quem deixou de pagar nem é mais o morador do imóvel.
“Não se pode penalizar o consumidor que por acaso esqueceu ou falhou no pagamento – e a concessionária teve 90 dias para lembrá-lo e não o fez. A distribuidora não pode cortar com base numa conta que ficou esquecida lá atrás, sendo que o consumidor fez os pagamentos posteriores. É para evitar esse tipo de situação”, diz Romeu Donizete Rufino, diretor da Aneel.
A mesma norma ainda prevê que a suspensão de fornecimento por falta de pagamento da conta de energia só poderá ser feita em dias úteis da semana e durante o horário comercial (8h às 18h), e não mais a qualquer momento como era possível antes. Isso porque, segundo Rufino, não é o corte que interessa ao consumidor e à concessionária, mas sim um serviço de boa qualidade e o pagamento em dia da fatura.
“Se houver um corte de energia no final do dia da sexta-feira, por exemplo, o consumidor poderia eventualmente pagar, quitar e só teria a energia de volta na segunda-feira. O propósito não é esse, não é deixá-lo sem energia. Essa medida vem para protegê-lo e não deixá-lo sem o serviço essencial no final de semana”, completa Rufino.

Com informações do Portal Vargem Grande

Com R$ 40 milhões em dívida, cidade de Quixadá decreta calamidade

Prefeito Ilário Marques decreta estado de calamidade financeira em Quixadá  (Foto: Prefeitura de Quixadá/Divulgação)
A exemplo do que ocorreu com os estados do Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, a cidade de Quixadá, no interior do Ceará, decretou estado de calamidade financeira. De acordo com o prefeito recém-empossado do município, Ilário Marques, Quixadá acumula dívidas de quase R$ 40 milhões, equivalente a 25% do orçamento anual da cidade de 85 mil habitantes.
"Fica decretada a situação de calamidade financeira no âmbito do Município de Quixadá em razão do crescente déficit financeiro decorrente do histórico crescimento de despesas para as quais as receitas originarias, derivadas e transferidas têm sido insuficientes dado o severo momento econômico mundial e nacional", registra o decreto assinado por Ilário Marques.
Quixadá é a primeira cidade do Ceará a decretar estado de calamidade financeira. O decreto do gestor municipal precisa ser reconhecido pela Assembleia Legislativa do Ceará, que está atualmente em recesso parlamentar.
Segundo Ilário Marques, em 2016, 60% do orçamento do município foi destinado ao pagamento do funcionalismo público, incluindo gastos com gratificações e horas extras, o que agravou a situação financeira da cidade.
Para Marques, o "excesso" de gastos com o setor foi uma "omissão das duas últimas gestões na arrecadação própria, estabelecendo uma situação financeira que tem provocado dificuldade no Município inclusive para efetuar pagamento dos servidores públicos". Outro fator que o gestor destaca no documento é a crise em âmbitos nacional e internacional.

Fonte: G1

Papa Francisco pede orações para pessoas sem-teto

Resultado de imagem para Papa FranciscoO papa Francisco chamou a atenção, na missa deste domingo, para os desabrigados que estão sofrendo pela onda de frio que se mantém na Europa na última semana. Apenas na Itália, oito pessoas morreram devido ao frio extremo no continente. Entre as mortes, está a de um homem que morreu no porão de um edifício em Milão e outro na rua, próximo ao rio Arno, em Florença.
Francisco orou por aqueles que "infelizmente não sobreviveram" ao frio e também pediu "que Deus aqueça nossos corações para que ajudemos os sem-teto". O Vaticano distribuiu alguns sacos térmicos de dormir para sem-teto, que protegem até os 20 graus negativos. 

Fonte: O POVO

Líder da Igreja Mundial do Poder de Deus é esfaqueado durante culto

O apóstolo Valdemiro Santiago, líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, foi atingido com uma faca no pescoço durante culto, na manhã deste domingo, 8, no centro de São Paulo. Ele mesmo relatou o fato nas redes sociais, em vídeo direto do hospital.
Valdemiro estava em um templo da igreja no Brás, e o suspeito de esfaqueá-lo foi preso em flagrante, de acordo com informações do 8º Distrito Policial (Brás). O homem foi flagrado com um facão e disse à Polícia que teve uma discussão com o pastor há algumas semanas.
O suspeito, Jonathan Gomes Higino, 20, afirmou que Santiago o provocou em um culto na Mundial. “Vamos crucificar ele”, teria lhe dito o apóstolo na ocasião.
“Eu estava impondo as mãos, acabando de ouvir um milagre, um testemunho, e entrou alguém por trás, não sei, não vi quem era, e deu uma facada no pescoço, ou uma navalha, não sei”, contou o pastor.
O apóstolo pediu para que orassem por ele e confirmou que voltará a pregar. “Eu perdoo a pessoa que fez isso”, disse.

De 513 para 405. PEC reduz número de deputados

Está em análise no Senado, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 38/2016 que reduz o número de deputados federais para 405. Pelo projeto, o número mínimo de deputados federais passará de 8 para 4, nos estados com menor população, e o número máximo de 70 para 50, nos estados mais populosos.
O projeto estabelece que o limite mínimo de quatro deputados nos estados menos populosos será atingido de forma escalonada, no quarto pleito após a promulgação da Emenda Constitucional. A mesma regra valerá para as unidades da Federação com número de deputados superior ao mínimo proposto.
Para o autor da proposta, senador Álvaro Dias (PV-PR), a PEC tem o objetivo de diminuir o grave problema de desequilíbrio no que diz respeito à representação das bancadas dos Estados na Câmara dos Deputados e a consequente diminuição dos gastos públicos.
Álvaro citou dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) que comprovam a disparidade da representação dos estados. Os números revelam que Roraima conta com 515 mil habitantes e São Paulo com 44,7 milhões. Diante da possibilidade constitucional vigente, Roraima com o número mínimo de representação teria 1 representante para cada 64 mil habitantes, já São Paulo com o número máximo de representantes teria 1 para cada 628 mil.
Álvaro ressaltou que a sobre-representação não é exclusiva do Estado de Roraima, atingindo também, de forma intensa, as representações dos Estados do Amapá, Acre, Tocantins e Rondônia, cujas bancadas atingem mais do que o dobro da proporcionalidade populacional.
“Um decréscimo na quantidade total de parlamentares, além de contribuir para a homogeneidade da representatividade, vai ao encontro do objetivo global de redução de gastos públicos e do tamanho do Estado”, disse.

Fonte: O POVO

Cearense de 13 anos encanta Victor & Léo no The Voice Kids

Allexandre Nunes encantou os jurados do reality musical (Foto: Isabella Pinheiro/Gshow)
O cearense Allexandre Nunes, de 13 anos, encantou os jurados Victor & Léo na estreia do “The Voice Kids”, da TV Globo, neste domingo, 8. O garotinho, que mora no bairro São Cristovão, em Fortaleza, cantou a música “Vai Me Perdoando”, da dupla sertaneja, que virou a cadeira. Ele começou a mostrar seu potencial aos cinco anos de idade e atualmente faz shows na cidade natal. “Ele faz shows particulares, como festinha de aniversário”, conta ao “Vai, Forrozão!” a empresária Denise Dias.
Após sua apresentação e aprovação, Allexandre improvisou um dueto no palco do reality musical com os sertanejos e elogiou Ivete Sangalo. “Você que é linda”, disse ele. Nos bastidores, o garoto não segurou o choro. “É uma emoção muito grande”.
A fase das batalhas será o próximo passo do cearense no programa. “Estou imensamente feliz, afinal é um sonho para ele tudo isso que está acontecendo”, comemora Denise.
Segundo a empresária, Allexandre se preparou bastante para este momento. “Trabalhamos tanto por um objetivo que é dele ser um cantor profissional e esse é um grande passo, grande oportunidade”, afirma a empresária.

Fonte: O POVO

Morre menino com leucemia que realizou sonho de conhecer Safadão

safadao_
O céu está em festa. Wesley Safadinho, como foi apelidado o menino Wesley, de cinco anos, faleceu neste domingo, 8. O garotinho, que era fã de Wesley Safadão, tinha leucemia e fazia tratamento na Associação Peter Pan, em Fortaleza. 
A notícia foi confirmada pela voluntária Edivânia Martins por meio de uma publicação no Facebook. Antes de partir, Wesley Safadinho foi visitado por Safadão no dia 30 de dezembro do ano pasado.
Em entrevista ao “Vai, Forrozão!”, Edivânia contou que a criança ficou feliz com a visita do ídolo.
“A criança amou a visita , foi no  começo da noite e o Wesley safadão foi muito gentil com as mães de todas as crianças. “Eu não sei como chegou até o Wesley , mas só sei que muita gente mesmo ficou de compartilhar a mensagem, mas uma assessora do Wesley entrou em contato com uma funcionária do Peter Pan antes do natal, mas devido a agenda só agora foi possível a visita”, comentou”, disse a voluntária.

img-20170108-wa0019

Em um vídeo, que ficará para sempre na lembraça dos famílias e amigos, o garotinho canta um trecho da música “Aquele 1%” em que diz: “Tô namorando todo mundo. 99% anjo perfeito, mas quele 1% é vagabundo”.  O pequeno Wesley era natural do município de Irauçuba.
Para a voluntária foi a realização do sonho do pequeno Wesley e que as crianças ficam felizes quando se sentem amadas. “Sonhos são sonhos, não existem sonhos maiores ou menores”, comenta.

Fonte: O POVO

Motorista morre após atropelar PM e colidir em viatura durante uma ocorrência em Nova Russas

Um motorista morreu após atropelar um soldado da Polícia Militar que fazia o atendimento da ocorrência de um capotamento, na noite desse domingo, 8, em Nova Russas. O motorista do celta, que atingiu o policial e uma viatura, ainda não foi identificado. O estado de saúde do PM é grave.
O soldado Alexandre Alves, 30, lotado na 2ª Cia. do 7º Batalhão da Polícia Militar (BPM) estava em pé durante a ocorrência do capotamento no trecho conhecido como "Curva da Morte", na divisa com Crateús.
O motorista do veículo capotado teve apenas escoriações, e duas viaturas policiais estavam no local realizando os primeiros levantamentos.
Por volta das 18h30min, o celta que estaria trafegando em alta velocidade passou no local onde os policiais estavam em pé, no atendimento do capotamento. Os outros PMs conseguiram correr, mas o soldado Alves foi atingido pelo veículo perto de uma das viaturas e levado ao hospital de Nova Russas.
O motorista do Celta morreu no impacto da colisão dele em uma das viaturas que atendiam a ocorrência do capotamento.


Segundo informações repassadas pela 2ª Cia. do 7º BPM, o soldado Alves teve traumatismo craniano e será transferido para o Instituto Doutor José Frota em um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer).

Em protesto contra governo, PMs deflagram operação para lotar delegacias

Os policiais militares do Ceará deflagraram neste fim semana a operação "tolerânca zero" para lotar as delegacias plantonistas de ocorrências. A ação, que consiste no atendimento de toda e qualquer ocorrência policial, tem o objetivo de pressionar o governo pelo reajuste salarial.
O presidente da Associação dos Profissionais da Segurança (APS), sargento Reginauro Sousa, diz que o protesto ''tem grande adesão da categoria''. "Qualquer tipo de infração, seja uma denúncia de som alto ou briga de vizinhos, a viatura chega", informou.
Com o atendimento indiscriminado de ocorrências, inclusive as de baixa gravidade, as delegacias ficam superlotadas e a cidade desguarnecida de viaturas, explica Reginauro. "Estão todos pegando muitos procedimentos, mas falta estrutura para dar conta de demandas dessa natureza e acaba que a cidade fica sem policiais", afirma.
A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) respondeu apenas, sobre o protesto, "que tanto o policiamento ostensivo, realizado pela Polícia Militar, quanto o atendimento feito nas delegacias plantonistas, seguem normalmente, sem prejuízo para a população".
Na Delegacia da Criança e do Adolescente, por exemplo, foi registrado neste domingo, 8, crime ambiental de adolescente que teria matado um pássaro.
Mensagem que equipara o salário dos policiais militares e bombeiros à média do Nordeste foi enviada pelo governador Camilo Santana (PT) à Assembleia Legislativa do Estado (AL-CE) em 30 de dezembro.
No entanto, os PMs alegam que a proposta "está longe do necessário''. "Hoje, o principal pedido é sensibilizar o governo para que ele faça o que ele prometeu e discutir a última mensagem de reajuste salarial para a categoria".
A assessoria de imprensa do Ministério Público Estadual do Ceará (MPCE)  informou que deve haver, na manhã desta segunda, 9, uma reunião entre os promotores que atuam na área da Segurança Pública e Controle Externo com o procurador Geral, Plácido Rios. Após esse encontro, segundo a assessoria, é que o MPCE deve se manifestar sobre a operação.

Erramos

A reunião ocorrerá com os promotores do MPCE e não com representantes da Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário do Estado do Ceará (CGD), como publicado anteriormente.