Buscar

04 janeiro 2017

Processo de alistamento militar pode ser online

Resultado de imagem para alistamento militar 2015
A partir deste ano, o alistamento militar no Ceará e em outros 19 estados pode ser feito pela internet. O procedimento, para jovens que completam 18 anos em 2017, pode ser realizado online até o dia 30 de junho. O processo de seleção para o Serviço Militar nas Forças Armadas brasileiras (Marinha, Exército e Aeronáutica) é obrigatório.
“O Brasil é um país continental, muito grande. Desde 2015 o alistamento online vinha sendo implementado em macrorregiões brasileiras”, cita o chefe do Posto de Recrutamento e Mobilização do Exército de Fortaleza, major Cavalcante Júnior. Em 2017, é a primeira vez que o sistema é usado de forma mais ampla no País.
Conforme ele, além de vantagens como a comodidade, o novo serviço traz mais acessibilidade. “O jovem que está em trânsito, em outro país, pode debutar seu alistamento onde estiver. É mais rapidez na regularização da situação militar”, destaca.
Além do Ceará, o serviço está disponível, desde o último domingo, dia 1º, em: Amapá, Alagoas, Bahia, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins.
“É importante salientar que o alistamento é obrigatório para o homem e voluntário para mulher. Elas podem prestar serviço por intermédio de admissão nas escolas de formação ou participar de concurso nas escolas das Agulhas Negras ou de Sargento de Armas”, comenta o major.

Opiniões

Para os jovens, o alistamento online facilita o acesso. “A gente vive em um mundo tão conectado, todo mundo numa correria tão grande, que poder se alistar através do celular é um grande diferencial”, diz o estudante Nivandro da Costa Lopes, que completa 18 anos em fevereiro. Os planos de futuro, entretanto, não incluem o serviço militar. O rapaz quer terminar o ensino médio, estudar Gastronomia e morar nos Estados Unidos. 
Antônio Machado Filho, que também faz 18 anos em 2017, diz que não sabe muito sobre o processo de alistamento militar. “Não sei muita coisa sobre isso, só que é obrigatório. Mas ter a opção de fazer o processo online evita de a gente ir lá (na junta militar), agendar, pegar fila. Me falaram que sempre tem gente esperando pra se alistar”, conta.

Serviço

O endereço para realização do alistamento é: www.alistamento.eb.mil.br

O processo deve ser realizado obrigatoriamente até o dia 30 de junho por todos os homens que completam 18 anos em 2017.
Após o alistamento online, o jovem receberá um número de protocolo e poderá, pelo site, saber se prossegue na seleção.
Para realizar o alistamento online é necessário dados dos seguintes documentos: Certidão de nascimento; ou de casamento; ou nacionalização; ou identidade; e Cadastro de Pessoa Física (CPF).
Há necessidade de possuir um número de telefone celular válido no Brasil e uma conta de e-mail particular.
Caso não possua número de celular ou e-mail, o jovem precisará ir até uma junta de serviço militar. De acordo com o Exército, todos os municípios possuem uma junta.

Fonte: O POVO

Papa lamenta morte de detentos em presídio do Brasil

Resultado de imagem para Papa FranciscoO papa Francisco fez orações pelas vítimas da rebelião no presídio de Manaus na primeira audiência geral de 2017, realizada nessa quarta-feira (4). Ao todo, 60 pessoas morreram no Complexo Penitenciário Anísio Jobim após a rebelião. A informação é da Agência Ansa.
"Ontem, chegaram notícias dramáticas do Brasil sobre o massacre ocorrido no presídio de Manaus, onde um violentíssimo confronto entre grupos rivais causou dezenas de mortes", disse o pontífice nas mensagens finais da audiência.
 "Exprimo dor e preocupação pelo que aconteceu. Convido a todos para rezar pelos mortos, pelos seus familiares, por todos os detentos daquele presídio e por aqueles que lá trabalham. E renovo meu apelo para que os institutos penitenciários sejam locais de reeducação e de reinserção social e as condições de vida dos presidiários sejam dignas de pessoas humanas", afirmou o papa.
Após um momento de silêncio, ele pediu que os presídios de todo o mundo "sejam locais de reinserção, que não sejam superlotados" e concluiu solicitando que todos rezassem uma Ave Maria.
O papa Francisco manifesta apreço pela questão dos encarcerados, pedindo condições dignas e humanas para gestores do sistema prisional de todo o mundo. Ele, inclusive, visita prisões ao redor do mundo - sempre que possível - quando faz viagens internacionais.