Buscar

09 janeiro 2017

“Nenhum santo foi ao céu”, diz deputado cearense sobre massacres em prisões

O deputado estadual cearense Fernando Hugo (PP) usou as redes sociais para comentar recente rebelião que terminou com quase 60 presos mortos em Manaus, no Amazonas. Em vídeo divulgado no Facebook, o deputado cobrou medidas que evitem novos massacres do tipo, mas destacou: “Nenhum santo foi ao céu”.
“Manchete chocante, em todo e qualquer jornal do Brasil: 56 mortos, delinquentes prontos, marginais etiquetados. Não pensem que desse montante existe uma maioria de santos, anjos, arcanjos, de representantes da cidadania”, disse o deputado.
Entre medidas, Fernando Hugo cobra lei que separe criminosos condenados por crimes leves e “bandidos da mais alta periculosidade”. “É hora de separar o joio do trigo (…) separar, deixando os descuidistas, que furtaram, roubaram, do banditismo de alta periculosidade”, diz.
O deputado cobra ainda lei que obrigue presos a trabalharem na prisão. “Deus nos livre de outros desqualificados como cidadãos que devem existir lá. Eu falo como cristão, natureza que o momento exige”, disse.
Massacre
Desde o início do ano, diversas rebeliões têm sido registradas em presídios brasileiros. Até agora, quase cem presidiários sob a tutela do Estado foram mortos em todo o País. Situação chamou atenção até do papa Francisco, que pediu orações para os presos e vítimas das chacinas.
“Quero expressar tristeza e preocupação com o que aconteceu. Convido-vos a rezar pelos mortos, pelas suas famílias, por todos os detidos na prisão e por aqueles que trabalham nela”, disse.
Fonte: O POVO

Nenhum comentário:

Postar um comentário