Buscar

22 abril 2016

UFC recebe novos cursos de mestrado e doutorado em três campus

Foto: Natasha Mota/Agência DiárioA Universidade Federal do Ceará (UFC) recebe cinco novos cursos de mestrado e doutorado em sua grade de pós-graduação. O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe) aprovou, nesta quarta-feira (20), a criação de um doutorado e quatro mestrados nos campus de Fortaleza, Quixadá e Sobral.
A capital cearense receberá o Mestrado Acadêmico em Ciências do Movimento Humano, vinculado ao Instituto de Educação Física e Esporter (Iefes), com colaboração do Departamento de Fisioterapia, da Faculdade de Medicina.
Em Fortaleza, também foi aprovado o Mestrado Acadêmico em Sistema e Mídias Digitais, associado ao Instituto UFC Virtual e ao curso de Antropologia, que reunirá mestres da UFC e da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), onde o grupo docente já atua em parceira com universidades de Moçambique, Cabo Verde e Portugal.
A cidade de Sobral receberá o Doutorado em Biotecnologia e o campus de Quixadá passará a ter o Mestrado em Computação, inicialmente com 15 vagas abertas.
Fonte: VERDINHA

CEARÁ - Polícia Militar abre concurso público com 4200 vagas

Foto: Diário do NordestePolícia Militar do Ceará abriu um concurso público para policiais efetivos. Aprovado pela Assembleia Legislativa do Estado, o projeto prevê a criação de 4200 vagas até 2018. A novidade do concurso será com relação a idade dos candidatos.
Pessoas com menos de 18 anos poderão se inscrever, desde que tenham atingido a maioridade no início do curso. Por outro lado, pessoas com mais de 30 anos também poderão ingressar, caso tenham idade inferior a essa no ato da inscrição.
Os futuros novos policiais efetivos deverão trabalhar nas Unidades Integradas de Segurança (Unisegs), nas unidades do Batalhão de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio), no Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur), no Batalhão de Divisas e na segurança das unidades prisionais e dos centros socioeducativos.
Com informações do Diário do Nordeste.

MPF pede estudos à Anatel sobre impactos da venda de internet fixa por franquia

offline-cabo-internet-conexao-1442852376460_615x300O Ministério Público Federal (MPF) solicitou estudos técnicos realizados pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para avaliar os impactos econômicos e concorrencial da venda de internet de banda larga fixa por franquia. O pedido, enviado por ofício ao presidente da Anatel, João Batista de Rezende, nesta quarta-feira, 20, tem o objetivo de esclarecer o posicionamento favorável da agência à adoção de franquias de dados para venda de novos planos de internet fixa. As informações foram divulgadas no site da Procuradoria-Geral da República.
Além do estudo detalhado, o Ministério Público Federal, por meio da Câmara de Consumidor e Ordem Econômica, solicitou informações sobre a adequação do novo modelo de fornecimento do serviço à Lei 12.965/2014, conhecida como Marco Civil da Internet, ao Código de Defesa do Consumidor e ao Regulamento Geral dos Direitos dos Consumidores.
No ofício, o MPF revela preocupação com a posição favorável da Anatel ao estabelecimento de franquia de dados, assim como a possível redução de velocidade ou suspensão do serviço de internet por parte das empresas prestadoras do serviço. A Procuradoria enfatiza que a adoção das medidas afeta milhões de consumidores que utilizam a internet para estudo e trabalho, e não somente para o lazer.
O documento também destaca que a ampliação da liberdade para que empresas imponham limitações de tráfego de dados poderá acarretar o aumento de práticas que descumpram o princípio da neutralidade da rede, regulamentado pelo Marco Civil da Internet considerando as proibições explícitas aos serviços over-the-top (OTT), como Netflix, Google e iTunes, que são vendidos separadamente, mas rodam sobre banda larga.
O incentivo a condutas anticompetivivas no mercado é outro fator que preocupa o Ministério Público Federal, devido ao poder de mercado que as prestadoras detêm. O ofício ressalta que mais de 90% do mercado é representado pelas empresas Oi, Net e Telefônica, impedindo a entrada de serviços alternativos que ofereçam concorrência.
A Câmara de Consumidor e Ordem Econômica deverá se reunir nesta sexta-feira, 22, com representantes da Superintendência de Relações com Consumidores da Anatel para esclarecer o conjunto de medidas recentes estabelecidas pela agência.
Para fortalecer a atuação do Ministério Público Brasileiro na cobrança pelos direitos do consumidor quanto à venda de internet de banda larga fixa por franquia, a Procuradoria da República no Distrito Federal (PRDF) – unidade do Ministério Publico Federal que atua na primeira instância – decidiu instaurar inquérito civil para cobrar explicações da Anatel sobre a medida cautelar emitida pela agência, que proíbe empresas de limitar o acesso de usuários da banda larga fixa sem aviso prévio e sem oferecer ferramentas que permitem acompanhar o consumo de dados.
O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) também instaurou procedimento para investigar os serviços de acesso à internet comercializados pelas companhias telefônicas por franquia.
Em reunião nesta quarta, 20, os órgãos definiram que devem atuar em conjunto, permitindo o intercâmbio de informações entre as unidades. A parceria é resultado da assinatura do termo de cooperação técnica para o compartilhamento de dados referentes às condutas reiteradas de prestadores de serviços públicos regulados contrárias aos direitos dos consumidores.
O objetivo do acordo, segundo as informações divulgadas no site da Procuradoria-Geral da República, é “corrigir falhas identificadas na regulação e/ou em omissões por parte de agência reguladora ou de outro órgão público federal, que tenham causado danos a direitos dos consumidores de serviços públicos regulados”.
Fonte: Estadão Conteúdo
Fonte: Ceará Agora

Sebrae entrega prêmio Prefeito Empreendedor

prefeito empreendedorSeis prefeitos cearenses, vencedores da etapa estadual do Prêmio Prefeito Empreendedor, vão receber a premiação na próxima segunda-feira, (25), em solenidade a ser realizada no edifício-sede do Sebrae Ceará. Ao todo, eles venceram em oito categorias. No total, vinte e quatro prefeituras cearenses concorreram nesta edição da premiação.
O prefeito de Fortaleza, Roberto Claúdio, por exemplo, foi o vencedor do primeiro lugar geral da etapa estadual da IX Edição da premiação, com o Projeto “Programa Empreendedorismo Sustentável”. Ele venceu, também, na categoria “Compras governamentais”, com o Projeto “Uso do poder de compras do município de Fortaleza junto aos pequenos negócios para indução do desenvolvimento local”.
Os outros prefeitos vencedores foram a prefeita Mônica Gomes Aguiar, na categoria “Pequenos negócios no campo”, com o projeto “Fortalecimento da atividade da pesca artesanal no município de Camocim como estratégia de desenvolvimento econômico e social”. Na categoria “Inovação e Sustentabilidade” o vencedor foi o prefeito Cirilo Pimenta, com o projeto “Estratégia para minimizar o colapso de água no município de Quixeramobim”.
Já na categoria “Desburocratização e formalização”, a vencedora foi a prefeita de Tauá, Patrícia Aguiar, com o projeto “Rotas do saber”. O prefeito Otacílio Pinheiro Macedo venceu na categoria “Inclusão produtiva com segurança sanitária’, com os bons resultados alcançados pelo projeto “Sistema de inspeção municipal de Milhã- Garantindo a procedência aos ´produtos e acesso a mercado aos produtores locais”.
Por fim, na categoria G 100, que reúne municípios com mais de 80 mil habitantes, com baixa renda per capita e alta vulnerabilidade social, venceu o prefeito Átila Cordeiro Câmara com o projeto “Programa de Inovação e Empreendedorismo de Maranguape”.
Criado em 2001, o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor é um instrumento destinado a incentivar o desenvolvimento econômico dos pequenos negócios, identificando, avaliando, valorizando e disseminando as ações realizadas pelos municípios e que geraram impacto positivo para o empreendedorismo local.
Agora, os vencedores estaduais vão concorrer à premiação nacional em 12 categorias, inclusive a de “Melhor Projeto Nacional”, um prêmio para o melhor projeto de cada região e prêmios por cada categoria. Além disso, eles passam a integrar a Rede de Prefeitos Empreendedores e seus respectivos projetos vencedores serão disponibilizados para consulta no site do Prêmio e no Portal do Desenvolvimento Local.
Com Sebrae-Ceará
Fonte: Ceará Agora

Wesley Safadão ameaça pedir a guarda de filho com a ex-mulher

Wesley Safadão voltou a ter atritos com a ex-mulher Foto: Thiago Freitas / Agência O Globo
O filho mais velho de Wesley Safadão voltou a ser motivo de discórdia entre ele e sua ex-mulher, Mileide Mihaile. O cantor vem exigindo mais tempo para ficar com o pequeno Yhudy, de 5 anos, e ameaçou brigar na Justiça pela guarda do menino. Essa não é a primeira vez que Safadão ameaça pedir a guarda do filho.
A outra foi quando Mileide começou o namoro, reprovado por ele, com um jogador de futebol baiano. O romance acabou durando pouco por conta da pressão de Safadão.
Wesley Safadão com a ex-mulher, Mileide Mirraily
Wesley Safadão com a ex-mulher, Mileide Mirraily Foto: reprodução
Wesley e Mileide tiveram uma separação conturbada, até hoje motivo de polêmica entre os fãs. Thyane Dantas, a atual de Safadão, era amiga de sua ex-mulher. A loira se envolveu com o cantor enquanto ele ainda era casado. Ao saber da traição, a mãe do menino resolveu dar fim ao casamento. Com Thyane, Wesley tem uma filha de 1 ano.

Fonte: EXTRA.GLOBO