Buscar

04 abril 2016

WhatsApp atualiza e agora você pode enviar respostas rápidas e escrever em negrito, itálico e riscado

Whatsapp
A última atualização do WhatsApp, tanto para sistema Android (a partir da versão 2.12.535) como iOS (da 2.12.17 em diante), possibilita o usuário escrever em negritoitálicoriscado. 
A utilização do novo recurso exige a digitação de alguns caracteres antes e depois da palavra que se deseja escrever.
Para escrever em negrito é preciso digitar “asterisco” (*) antes e depois das palavras.
negrito
Em itálico, basta digitar antes e depois das palavras “underline” (_). Confira o exemplo:
itálico
E, por fim, o riscado é escrito quando se digita “til” (~) antes e depois de escrever o que se deseja. Olha só:
riscado
Para quem tem o sistema operacional Android,  o WahtsApp permite mais uma novidade: o usuário pode enviar uma resposta pela tela inicial do celular quando chega a notificação de mensagem. Um botão aparecerá na tela de notificação e, ao clicar nesse botão, outra tela abrirá possibilitando o envio da mensagem, por escrito ou por áudio,  sem precisar entrar no aplicativo. Veja a foto abaixo. A atualização correspondente a essa nova função é 2.12.560. Lembrando que  isso não será algo exclusivo aos usuários do novo Android, chamado de N. Essa última novidade aparecerá também em outras versões do sistema.
29164852692476
Fonte: O POVO

Ceará e Fortaleza são eliminados da Copa do Nordeste


ceará-x-fortaleza1Os times do Ceará e Fortaleza foram desclassificados da Copa do Nordeste neste domingo (3) após o jogo “de volta” das quartas-de-finais. O Tricolor foi à Fonte Nova, em Salvador, e empatou em 1 X 1 com a equipe do Bahia. Como no primeiro jogo na Arena Castelão o placar foi de 2 X 1 para os baianos, o tricolor cearense acabou eliminado.
O Fortaleza chegou a marcar primeiro, aos 20 minutos do 2º tempo com Eduardo, após cruzamento de Daniel Sobralense, mas o Bahia empatou aos 39 minutos, decretando sua passagem para a semifinal do torneio.
No Castelão, o Ceará teve pior sorte, pois perdeu novamente para o Santa Cruz, dessa vez por 1 gol a zero. No primeiro jogo, em Recife, o Vovô já havia perdido por dois tentos a um. Bahia e Santa Cruz jogam agora pelas semifinais.

Fonte: Ceará Agora

Roberto Cláudio e Camilo acompanham famílias atingidas pelas chuvas

camiloO prefeito Roberto Cláudio e o governador Camilo Santana visitaram, nesse domingo, famílias de desabrigados e os principais pontos de alagamento na Capital, decorrentes das últimas chuvas na cidade. O objetivo foi o verificar o estado das regiões afetadas, além da tomada de medidas emergenciais, por meio de parceria entre a Prefeitura de Fortaleza e o Governo do Estado do Ceará, para diminuir os impactos do fenômeno meteorológico.
“Estamos visitando os principais pontos de alagamento da cidade de Fortaleza. Houve, para além da precipitação chuvosa acima da média, características especiais, as áreas ao lado de grandes rios que foram mais afetadas, não só elas, mas principalmente. A gente está identificando cada um desses pontos de alagamentos e realizando atividades, em alguns deles, com máquinas e equipamentos do Governo do Estado, em apoio à Prefeitura, fazendo ações de drenagem, limpeza, desentupimento e garantindo proteção às famílias”, declarou o Prefeito.
camilo2
O gestor de Fortaleza lembrou, ainda, a ação social de proteção e abrigo às famílias atingidas pelas chuvas, além da formação de comitê entre órgãos e agentes públicos do Governo e Prefeitura para prevenir questões e dar celeridade às ações.
Para o governador Camilo Santana, é necessário, além de ações da Prefeitura e Governo do Estado, a conscientização da população para diminuir os alagamentos em Fortaleza. “A primeira atitude que a Prefeitura tomou foi acolher as famílias desabrigadas. Tivemos uma chuva de 132 mm acompanhada de uma sequência de chuvas dos últimos dias. Historicamente, Fortaleza tem problemas de drenagem. O prefeito Roberto Cláudio vem desenvolvendo vários investimentos na área. Temos três questões, algumas áreas que precisam de mais drenagem, embora todo o esforço que a Prefeitura tem feito o problema do lixo, com as pessoas jogando lixo na rua, obstruindo galerias, bocas de lobo e também ações necessárias em rios”, completou.
Ao todo, as chuvas dos últimos dias deixaram 26 famílias desabrigadas, até a 0h deste sábado (02/04), estando todas acolhidas pelas ações da Defesa Civil, que vem promovendo espaço seguro, com alimentação e cuidados adequados neste período emergencial, como é o caso de Jordana Lima (28), mãe de dois filhos que teve de deixar sua casa no Cocó, após as fortes chuvas. “A Defesa Civil nos retirou de lá, nos abrigou aqui no colégio e vem cuidando muito bem da gente, dando assistência com tudo, almoço, lanche, janta, colchonete. A expectativa da gente é poder voltar logo para casa. A água ficou até a cintura na rua toda, essa foi uma das piores que já vi”, afirmou.
camilo3
Cristiano Ferrer, coordenador especial de Proteção e Defesa Civil, comentou que um conjunto de questões  naturais possibilitou os alagamentos em algumas regiões da cidade. “Nós temos a maioria dos nossos chamados concentrados na Regional VI, bacia do Lagamar. Estamos com chuva na cabeceira, maré alta e bacia do Cocó com elevação de mais de 2,5 m. É isso o que vem ocasionando esses alagamos no Lagamar, Boa Vista e Jangurussu. Salientamos que toda essa área vem passando por ações de retirada de famílias e drenagem”, lembrou.
Com o término das chuvas, terão continuidades as ações de infraestrutura, por meio de grande mutirão de limpeza e operação tapa buraco. Além disso, é solicitado que a população descarte o lixo apenas nos dias das coletas e nos locais adequados, prevenindo novos alagamentos. Onze equipes da Defesa Civil atuam na cidade de Fortaleza para melhor acolher e solucionar questões emergenciais. A expectativa é que as chuvas concentradas devam continuar na Capital por pelo menos mais 48h.
Fonte: Ceará Agora

Acidente mata família em São Benedito

IMG-20160403-WA0042Um grave acidente ocorreu neste domingo na CE 187 no município de São Benedito, há cerca de 3 km da sede, no bairro Ipiranga. O motorista de um veículo Celta de cor prata não atendeu a ordem de parada de uma Blitz da Polícia Rodoviária Estadual (PRE). Os policiais iniciaram então uma perseguição e na fuga o Celta acabou colidindo com uma moto que vinha em sentido contrário.
A colisão acabou matando os três ocupante da moto, Ednaldo Lima, Rayla Lima e o seu filho, entre 3 e 5 anos, cujo nome não foi revelado. Os três residiam no bairro Cidade Alta. O Celta capotou e saiu da pista, ficando o motorista preso nas ferragens. O passageiro do veículo foi socorrido às pressas ainda com vida para a UPA de São Benedito.
Populares se revoltaram contra os policiais da PRE. Aos poucos foram chegando mais e mais pessoas ao local e iniciaram o protesto, ameaçando linchar os policiais e colocando fogo em pneus para impedir o trânsito no local. Os policiais, por sua vez,atiraram para o alto para conter a multidão. A situação foi controlada. Além de policiais de São Benedito, atenderam à ocorrência policiais de Carnaubal e Guaraciaba do Norte.
Fonte: Ceará Agora