Buscar

20 janeiro 2016

Mulher é presa com 230 pedras de crack em Brejo Santo

pedras-de-crack1
Uma rápida ação realizada pela Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE) resultou, na noite dessa segunda-feira (18), na apreensão de 230 pedras de crack e na captura de uma mulher. A ofensiva foi realizada no município de Brejo Santo.

Uma denúncia anônima relatava que uma mulher chamada Maria Gildete Pereira da Silva (58), que não possuía passagem pela Polícia, estaria comercializando drogas na região do Centro da cidade. De imediato, os policiais se dirigiram a uma residência localizada na Rua Padre Abath. Ao chegar ao local, encontraram a suspeita.
Após buscas na residência, os PMs localizaram 230 pedras de crack. Uma parte do entorpecente estava escondida atrás de caixas de refrigerante e cerveja e a outra parte dentro de um pote que continha água. Quando questionada sobre a propriedade do material ilícito, ela negou que a pertencia. No imóvel, foram encontrados ainda R$ 990,70 em espécie, além de dois celulares e um cartão magnético.
De acordo com apurações, outros membros da família da mulher se encontram presos por tráfico – seu filho, conhecido como “Toicinho”, seu neto e sua nora. Maria Gildete foi conduzida à Delegacia Regional de Juazeiro do Norte, onde foi autuada em flagrante no artigo 33 da Lei de Entorpecentes – por tráfico de drogas. Posteriormente, a mulher foi encaminhada à Delegacia Regional de Brejo Santo e permanece à disposição da Justiça.
Fonte: Ceará Agora

Falta de capacitação de pilotos contribuiu para queda do avião de Eduardo Campos

994887-19012016dsc_7128-_0
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Uma série de fatores pode ter determinado a queda do avião na qual morreu o ex-governador de Pernambuco e então candidato à Presidência da República, Eduardo Campos. O relatório sobre o acidente foi revelado na tarde desta terça-feira (19) por oficiais do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa). Entre os fatores que contribuíram para o acidente estão a falta de capacitação da tripulação para operar a aeronave e a escolha de uma rota fora dos padrões previstos. O acidente foi na manhã de 13 de agosto de 2014, em Santos, no litoral paulista.
De acordo com o relatório, nem o piloto Marcos Martins, nem o copiloto Geraldo Magela da Cunha tinham feito cursos para pilotar aquela aeronave, modelo Cessna 560 XL. Martins tinha curso para operar uma aeronave de modelo anterior, mas o copiloto não tinha treinamento no modelo usado no dia do acidente, nem no anterior. “A falta de conhecimento da tripulação pode ter feito com que suas ações ficassem atrasadas em relação à sequência de eventos da cabine.”
Além de não ter feito o curso para operar a aeronave, os padrões de voz do copiloto gravados durante o voo demonstraram que ele aparentava fadiga e sonolência. Além disso, em treinamentos e voos anteriores, ele havia se comportado de forma “passiva no voo”, não respondendo adequadamente a situações de emergência, assinala o relatório.
O documento do Cenipa revelou que a tripulação da aeronave fez a aproximação da pista de pouso de modo diferente do padrão. Minutos antes do acidente, o piloto informou por rádio que tinha tomado os procedimentos para pouso, mas a posição da aeronave era outra. Ele deveria ter feito duas curvas no espaço aéreo próximo à pista de pouso – chamadas “bloqueio” e “rebloqueio” –, mas seguiu direto em direção à pista, em uma espécia de “atalho”.
Além disso, a tripulação não solicitou ao controle de tráfego aéreo informações sobre as condições de visibilidade da pista em nenhum momento. Na hora do acidente, chovia, havia névoa e a visibilidade era prejudicada. No momento do impacto, a aeronave voava em uma velocidade muito mais alta do que o comum. Os motores, que geralmente resistem a impactos, ficaram deformados.
As revisões do avião estavam em dia e os sistemas de funcionamento da aeronave eram adequados.
Relatório Alternativo
Um relatório alternativo será apresentado amanhã (20), às 9h30, pela Associação Brasileira de Parentes e Vítimas de Acidentes Aéreos, em São Paulo. Segundo a associação, todas as famílias concordaram com a confecção do relatório, mas três delas têm advogados acompanhando de perto as famílias do piloto, do co-piloto e de um passageiro. A associação adiantou que o relatório vai expor falha mecânica da aeronave, um Cessna 560 XL.
A aeronave, prefixo PR-AFA, decolou do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, com destino ao Aeroporto de Guarujá, no litoral paulista. Quando se preparava para pouso, por volta de 10h, o avião arremeteu devido ao mau tempo. Em seguida, o controle de tráfego aéreo perdeu contato com a aeronave.
Alem de Eduardo Campos, morreram no acidente os pilotos Geraldo Magela Barbosa da Cunha e Marcos Martins e Alexandre Severo e Silva, Carlos Augusto Leal Filho, Pedro Valadares Neto e Marcelo de Oliveira Lyra, assessores do ex-governador de Pernambuco.
Em relatório preliminar divulgado em janeiro do ano passado, o Cenipa já havia descartado as hipóteses de que o Cessna tivesse colidido com aves, drones ou outras aeronaves. Também foi desconsiderada a ocorrência de incêndio durante o voo. Segundo esse relatório, divulgado em janeiro, o avião não estava voando invertido antes da queda, e os motores funcionavam no momento do impacto com o solo.
Fonte: Ceará Agora

Polícia apreende 109 pedras de crack na Caucaia

presos algemados
Policiais militares do Comando de Polícia Comunitária (CPCom) receberam uma denúncia anônima, via Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), que dois homens, estavam traficando drogas na Rua Vitória, bairro Potira III em Caucaia, Área Integrada de Segurança 7 (AIS 7).

A composição foi ao local e abordou José da Silva Vital (20), vulgo “Júnior”, e um adolescente de 16 anos. Com eles, foram encontradas 109 pedras de crack, e a quantia de R$ 16,25. Os suspeitos foram conduzidos ao 18º Distrito Policial (DP), onde José, que não possuía antecedentes criminais, foi autuado por tráfico de drogas e corrupção de menor e um Boletim de Ocorrência Circunstanciado (BOC) por tráfico de drogas, foi registrado para o adolescente.
Fonte: Ceará Agora

Ministério prevê três meses de seca no Nordeste

chuva_roca
O fenômeno climático El Niño permanecerá influenciando o clima do país nos próximos meses. Haverá diminuição de chuvas no Norte e Nordeste e aumento de chuvas no Sul. A conclusão é do Grupo de Trabalho sobre Previsão Climática Sazonal do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), que se reuniu hoje (19) para elaborar a previsão para os meses de fevereiro, março e abril deste ano.

O pesquisador Paulo Nobre, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), diz que o El Niño que está ocorrendo agora é parecido com o fenômeno que ocorreu em 1997 e 1998, quando houve uma grande seca na Região Nordeste. “Há uma possibilidade de que a diminuição do total de chuvas seja expressiva; que não se trate apenas de uma pequena redução. O que podemos esperar é que os períodos entre chuvas se alarguem”. Segundo ele, o total de chuva abaixo da média e a distribuição irregular represente uma necessidade de ações preparatórias para reduzir o impacto da seca.
Para a Região Sul, ele alerta que as chuvas deverão aumentar, nos próximos meses, exigindo atenção. “A preparação é saber que vem mais chuvas na Região Sul, que pode ou não atingir o estado de São Paulo, alguns meses sim, outros não. O sinal mais forte do El Niño na Região Sudeste é o aumento de temperatura”, disse. Em relação à temperatura, os próximos três meses devem ser de dias mais quentes em todo o Brasil, com exceção do Sul, onde as temperaturas devem ficar em torno da média devido à maior quantidade de chuvas.
Segundo o ministro da Ciência e Tecnologia, Celso Pansera, a análise do grupo vai orientar as ações do governo nas áreas de geração de energia, produção agrícola e o uso da água para abastecimento humano e animal. “A partir desses modelos, a Agência Nacional de Águas, o Ministério de Minas e Energia, associados aos nossos institutos, farão as análises do estoque de água, da previsão para os próximos meses, e onde vai ter que aumentar ou reduzir as vazões nos próximos meses”, disse.
O Grupo de Trabalho sobre Previsão Climática foi criado em 2013 e reúne representantes do Inpe, do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia e do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais, entidades vinculadas ao ministério.
Fonte: Ceará Agora

ARATUBA - Neto do Pai João atende o clamor das ruas e mantém sua pré-candidatura

Presidente da Câmara e Pré-candidato a Prefeito de Aratuba,
Neto do Pai João
Renovação total! Essa é uma das ideias do  presidente da Câmara de Aratuba, Neto do Pai João, que já deixou seu nome à disposição para a disputa da prefeitura em 2016.
O Presidente da Câmara de Aratuba, Neto do Pai João, voltou a reafirmar a pré-candidatura a prefeitura de Aratuba nas eleições deste ano.
Em entrevista concedida na tarde desta terça-feira (19), Neto argumentou ser urgente a necessidade de mudança na administração da cidade afirmando que há um ciclo de atraso em Aratuba.
“Nossa pré-candidatura está mantida. Aratuba precisa e tem urgência de criarmos um novo caminho e quebre esse ciclo que há anos atrasa a nossa cidade”, ressaltou.
Ele também não poupou a atual administração municipal, afirmando que a mesma é muito falha, principalmente no tocante a saúde, educação, infraestrutura, juventude e agricultura.
Plenário da Câmara de Aratuba
Neto diz que já tem um projeto para 2016, com ideias novas, pessoas que querem renovar Aratuba, ver o município com outros olhos, não só em um lugar aonde vem prometendo e  nada é cumprido, nada é feito e cada dia piora.
O pré-candidato lembrou que o hospital está paralisando suas atividades, funcionários efetivos da educação em greve, salários em atrasos, o que simboliza uma falta de planejamento e respeito para com o povo sofrido, ao qual dedica seu tempo para servir ao município.
Neto do Pai João também lembra que a virtual candidatura representa o novo na política de Aratuba. Segundo o parlamentar, a população fez experiências desastrosas com as gestões e não aceita mais gestores incompetentes. “Aratuba precisa de renovação”
“Eu queria deixar uma mensagem de esperança e dizer a população de Aratuba que se mantenha viva, se mantenha na ativa. Não vamos deixar a esperança morrer. Eu estou aqui, estou à disposição do povo de Aratuba, estou à disposição para a gente conversar, debater ideias e conversar com o que seja melhor”, finalizou.

ARATUBA UMA NOVA HISTÓRIA
Aratuba -  Foto Google
A primeira situação que a gente sente em Aratuba é que ela precisa de uma moralidade, de um respeito. A gente precisa praticar isso, mostrar que a população merece o respeito. Isso é uma medida que tem que ser imediata, tem que ser um exemplo. A gente que quer ser um administrador público temos que ser exemplo, temos que dar exemplo que os caminhos têm que ser de respeito, de honra, de princípios dignos, de família. Então, é isso que a gente tem que transmitir, nós, como pessoas públicas, temos que ter esse sentimento que a primeira iniciativa, o primeiro a fazer é trazer a ordem e a moralidade para a nossa cidade.

PERFIL DO PRÉ-CANDIDATO
No seu primeiro mandato, Neto procurou desenvolver um trabalho voltado para o atendimento às demandas sociais principalmente as que chegam todos os dias ao seu conhecimento, para isso, ele fez vários requerimentos como: recuperação e instalação de calçamento em várias regiões de Aratuba; Instalação de um posto avançado dos Correios no Distrito de Pai João; Construção de 56 casas populares; Construção do Posto de Saúde – Pai João; Construção do Posto de Saúde – Brejo; Abastecimento d’ água – Serrinha de Baixo; Abastecimento d’ água – Serrinha de Cima; Restauração da rede de abastecimento d’ água nas localidades de Boa Vista, Salgado e Camarão; Recuperação de estradas em várias localidades; Instalação de equipamentos de segurança nas principais vias de Aratuba; Construção e reparos de vários bueiros; Reformas das quadras esportivas do município e vários, acadêmica de saúde do Distrito de Pai João e outros requerimentos.
Já no segundo e terceiro mandato Neto do Pai João tem repetindo a dose, sempre presente nas comunidades, ouvindo as demandas do povo, fiscalizando e buscando alternativas de solução.
“Interagir com as pessoas, ouvir as reivindicações, atender a população, fiscalizar o Poder Executivo, é obrigação do Vereador. Fiz tudo isso no meu primeiro e segundo mandato, e vou continuar da mesma maneira no meu terceiro mandato, exercendo minha função com responsabilidade e buscando criar Projetos de Lei que realmente possam beneficiar a população de Aratuba”, declarou Neto. O vereador foi reeleito pelo PMDB - Partido do Movimento Democrático Brasileiro e presidente do legislativo por três vezes.
Atuando como Vereador Presidente da Câmara de Aratuba Neto do Pai João continua ajudando seu povo, legislando e defendo seus direitos. Como pai é um eterno apaixonado por seus filhos. Hoje continua empresário e Vereador, e para Neto o amor ao povo de Aratuba é sua razão de continuar enfrentando os desafios do dia-a-dia junto de seus conterrâneos. 
O foco do parlamentar continua sendo o povo tão amado por ele, antes de ser vereador e pré-candidato a prefeito, Neto é filho dessa terra amada e amigo de cada aratubense.

Ao ARACOIABA NEWSsó tenho a agradecer o espaço, eu só tenho a agradecer, sou leitor assíduo e ele é uma referência na região. Então, para mim, diariamente eu tenho o prazer de visitar o ARACOIABA NEWS e me inteirar das notícias. E lhe parabenizar pelo trabalho que tem um papel importantíssimo, principalmente no momento em que a gente vive no país, estamos precisando desse poder de policiar, de estar ativo. Então, parabéns pelo ARACOIABA NEWS, é um prazer e conte sempre comigo para o que precisar.