Buscar

12 janeiro 2016

FMB - Danilo Forte e Capitão Wagner participarão do I Simpósio de Políticas Publicas em Baturité

Abrindo o segundo dia do I Simpósio de Políticas Públicas e Diretos Fundamentais: Faces e Interfaces, a Faculdade do Maciço de Baturité, através do Diretor Geral Edilson Silva Castro, do coordenador do simpósio Alysson Castro, trarão nesta terça-feira (12), o Deputado Federal Danilo Forte e o Deputado Estadual Capitão Wagner, ambos palestraram para cerca de 300 universitários além de autoridades políticas da região do Maciço de Baturité.
Ambos os deputados abordaram em suas palestras temáticas diferentes: O Deputado Federal Danilo Forte, abordará o tema “A Crise do Federalismo e a Ascensão do Municipalismo”, já o Deputado Estadual Capitão Wagner, falará sobre “Revogação do Estatuto do Desarmamento e Segurança Pública”.
O segundo dia de simpósio acontece no Auditório da Faculdade do Maciço de Baturité, a partir das 19h. As inscrições podem ser feitas através do site da FMB ou presencial. Caberá ao participante levar 2kg de alimentos.

Portal Aracoiaba News

8ª denúncia contra o prefeito Bosco Cigano é acatada em Baturité

Nesta segunda-feira (11), aconteceu o início dos trabalhos legislativos de 2016, sua primeira sessão aconteceu de forma ordeira e democrática, vários fatos importantes para Baturité foram debatidos de forma pacifica, o que contribuiu para avanços importantes nesta noite.
Havia uma expectativa grande com relação ao início dos trabalhos pelos munícipes também, por conta do recebimento de mais uma denúncia contra o prefeito de Baturité João Bosco Pinto Saraiva. Desta vez ela foi posta em discussão e por unanimidade acatada o seu recebimento pelos vereadores presentes.
O teor das denúncias apresentadas pelo cidadão o Sr. Antônio Sebastião Cruz Lima contra o prefeito, são gravíssimas. Referem-se ao parecer do TCM de número 30201/2012, onde apontou fatos graves relacionados a pagamentos antecipados de ordens de serviços, transferência bancária ocorridas em 21/02/2012 no valor de R$ 152.365,82 (cento e cinquenta mil, duzentos e sessenta e cinco reais e oitenta e dois centavos), isso sem existência de documentação contábil, nota de empenho, autorização de pagamento e sem a realização da obra.  No vídeo abaixo é possível conhecer todo o teor da denúncia de forma detalhada.
Diferente das outras denúncias, está possui características peculiares, o atual momento não é muito favorável ao Sr. Prefeito. Este amargou a perda de muitos apoiadores após seu retorno, aliados de outrora hoje são ferrenhos opositores. Soma-se a tudo isso a baixa popularidade do atual prefeito e a proximidade das eleições municipais, onde se acredita que ninguém queira associar seu nome a figura do prefeito.
Algumas pessoas relatam que a denúncia demorou a ser apresentada pela casa, segundo o regimento interno, essas já deveria ter sido apresentada antes. O que leva a dúvidas. Será que a população poderá ficar tranquila quanto a legalidade do processo?
A comissão processante ficou composta pelos seguintes membros:
Nilton Guedes Filho
Nilton Guedes Filho
Valderez Lopes de Oliveira
Valderez Lopes de Oliveira
Frederico Ozanam Castelo Branco Moreira
Frederico Ozanam Castelo Branco Moreira



Presidente: Nilton Guedes
Relator: Valdin do Zé Vilar
Membro: Ozanan Moreira.

Maria do Socorro Araujo Lima
Maria do Socorro Araujo Lima
A ausência nesta primeira e importante sessão ficou por conta da Vereadora Socorro do Açudinho que apresentou razões para sua ausência.
Após este momento foi instituída a Comissão de Ética da Câmara municipal de Baturité. O secretario da casa Sr. Liduino Cardoso, leu as regras do código de postura. O interessante é que parece que estes códigos foram inspirados nas atitudes dos próprios vereadores nos anos de 2013, 2014 e 2015. Espera-se que as regras sejam seguidas pelos senhores vereadores. O que deixará os cidadãos felizes pelo retorno do respeito aquela que é a casa do povo.
Outra importante revelação nesta noite, foi feita pelos funcionários municipais na categoria dos Agentes de Endemias, que de forma organizada levaram suas reivindicações a plenária da casa. Seu representante Sávio explanou o que até aquele momento já havia sido realizado para que os mesmos recebessem os benefícios já conquistados pela categoria.
Segundo o presidente da categoria dos agentes de endemias Leal Junior, relata que o repasse realizado pelo governo federal já estaria na conta do município desde dezembro de 2015, faltando somente o Sr. Prefeito autorizar o pagamento. Esta diferença seria de cerca de R$ 7.400,00 reais sendo que o governo federal repassará mais de R$ 9.000,00 reais. Vale lembrar que a legalização do piso salarial da categoria, acorrera na administração da prefeita interina Cristiane Braga relatado por Leal Junior.
Abriu-se o debate entre os vereadores onde todos se posicionaram a favor da categoria. A presidente da Câmara Irmã Edileusa pediu a palavra para dizer que manteve conversas com o prefeito por telefone e o mesmo prometera solucionar o pagamento após a análise de seus advogados, ela por sua vez dissera que iria esperar somente esta semana.
O vereador Nilton Guedes respondeu: “ é por que ele não quer pagar” “ ele quer uma saída para não realizar o pagamento”. No final os vereadores se comprometeram em apoiar os agentes até se preciso fosse, com serviços advocatícios.
IMG_9443No relato dos agentes aconteceu uma explanação de muitos outros problemas, como o pagamento de incentivos que também é legal e não estaria sendo pagos, bem como as condições precárias de trabalho, avisando inclusive correr o risco de acontecer à paralisação da categoria nos próximos dias.A primeira sessão foi muito diferente das últimas acontecida naquela casa tanto com relação ao tempo de trabalho cerca de 01:35:00 (uma hora e trinta e cinco minutos) como em produtividade. Os munícipes esperam que este ano seja retomada a ordem e a democracia naquela casa. Estaremos de olho.
Texto: Claudio Ramos
Fotos: Aristony Moura

Fonte: TV MACIÇO

Faculdade do Maciço de Baturité realizou cerimônia de abertura do I Simpósio sobre Políticas Públicas e Direitos Fundamentais

A Faculdade do Maciço de Baturité (FMB), instituição credenciada pela portaria 160, de 03 me março de 2015, realizou na noite da última segunda-feira (12), a abertura do I Simpósio de Políticas Públicas e Direitos Fundamentais: Face e Interfaces. O evento é um marco divisor na região do Maciço de Baturité e contou com a presença de centenas de discentes, docentes e pesquisadores, que discutem temas relacionado às políticas voltadas para a população.
O simpósio é um espaço de atualização e visibilidade das relações e questões entre políticas públicas e promoção dos direitos fundamentais.
Em seu discurso de abertura, o diretor geral da FMB, Edilson Silva Castro, ressaltou a importância do Simpósio como incentivo à produção científica no âmbito regional e destacou o papel decisivo da educação no crescimento regional. “Incentivamos a realização de eventos como o Simpósio por entendermos que os temas que serão discutidos no evento possibilitam uma formação crítica e reflexiva aos nossos discentes”, afirmou.
O Professor ainda destacou as parcerias que juntos protagonizam projetos que têm como foco o desenvolvimento a partir da educação superior. Edilson Castro parabenizou o jovem universitário e coordenador do evento, Alysson Castro pela iniciativa de promover um evento de tamanha proporção e enfatizou a importância do Simpósio, especialmente pela atenção dedicada às questões inerentes as políticas públicas.
Para o coordenador do simpósio, Alysson Castro, a educação deve ocupar a centralidade nas políticas públicas que fomentam o crescimento econômico e social de qualquer território. Alysson destacou a reconhecida qualidade de ensino da Faculdade do Maciço de Baturité, que “vem apresentando resultados positivos para o a região do Maciço em relação à produção de conhecimento”.
Também participou do evento e em seguida palestrou para os presentes, o Professor Rui Martinho Rodrigues ao qual debateu sobre o tema “Revogação do Estatuto do Desarmamento e Segurança Pública.”.

PALETRA
O estatuto do desarmamento proíbe publicidade e exposição de armas em vitrinas e aquisição de armas de calibres potentes. Exige, para que se possa ter uma arma bem guardada em casa, exame psicológico, registro no Sistema Nacional de Armas e renovação anual da licença etc. O porte ilegal passou a ser crime. Modificar especificações técnicas de uma arma, como serrar o cano de uma espingarda, também é proibido. Antes do referido estatuto inexistiam tais restrições. As proibições em nada contribuíram para reduzir a criminalidade. Duvidar da tese segundo a qual as restrições aludidas são eficazes redutoras da violência tornou­-se motivo de anátema.
Não existe correlação positiva entre a posse de armas e crime. Estados com muitas armas podem ter índices mais baixos de crimes (Rio Grande do Sul); estados com a mesma quantidade de armas têm índices desiguais de criminalidade. Dá-­se o mesmo na comparação entre países. Os EUA são o país das armas nas mãos dos cidadãos. Lá ocorrem 16 mil homicídios/ano em uma população de aproximadamente 300 milhões. Aqui temos drásticas restrições quanto às armas e temos 50 mil homicídios/anos sobre uma população de 200 milhões.
No Brasil não se divulgam estatísticas sobre o uso de armas legais nos crimes. Nos EUA as armas legais são usadas em 0,1% dos crimes.
Leis restritivas não tiveram o menor efeito sobre a criminalidade, nem no Brasil nem em outros países. O direito de defesa sofre restrição, caso se negue aos cidadãos o direito ao meio de defesa. Pessoas mais vulneráveis ficam expostas ao crime sem meio de defesa. A legislação restritiva da posse e porte de armas não impediu o aumento da criminalidade no Brasil. À criminalidade não resulta de crimes praticados em momentos de descontrole. Os 280 homicídios praticados em apenas um ano, no Bom jardim, foram praticados no curso de guerras de gangs, disputa de territórios, ciclos de vinganças ou foram latrocínios. Nenhum deles foi praticado em um momento de descontrole.
Tais aspectos não são considerados. Os formadores de opinião “do bem” escondem tais fatos porque sem eles ficariam sem um pretexto para exibir “superioridade moral e intelectual”; porque têm medo de desafiar a inquisição do santo oficio politicamente correto; ou porque se acostumaram a repetir sem pensar o que a intelligentsia diz. O Simpósio, em boa hora, discute a revisão do malfadado estatuto, que contraria a consulta popular sobre sua validade.

PROFESSOR RUI MARTINHO RODRIGUES
Possui graduação em Administração pela Universidade de Fortaleza (1981), graduação em Direito pela Universidade de Fortaleza (2001), mestrado em Sociologia pela Universidade Federal do Ceará (1990) e doutorado em História pela Universidade Federal de Pernambuco (2001). Atualmente é professor associado da Universidade Federal do Ceará. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em História da Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: educação, história oral, memória, história e história educacional.
A programação do evento segue durante toda a semana, com apresentações e palestras voltadas para o tema: “Políticas Publicas e Direitos Fundamentais”.
Programação - I Simpósio de Políticas Públicas e Direitos Humanos: Faces e Interfaces

11 de janeiro - (abertura)
Apresentação do projeto - Alysson Castro.
Prof. Rui Martino: Revogação do Estatuto do Desarmamento e segurança pública.

12 de janeiro
Dep. Danilo Forte: a crise do federalismo e a ascensão do municipalismo
Dep. capitão Wagner: Revogação do Estatuto do Desarmamento e segurança pública.

13 de janeiro
Célio Studart: "O uso dos mecanismos de democracia direta e a realidade sociopolítica brasileira: Constituição Cidadã?”.
Alysson Castro: Inovação na política através da juventude: Conflitos e soluções.

14 de janeiro
Vereador João Alfredo: O descaso do poder público com o Meio Ambiente.
Prof. Edmar Souza - a conservação da biodiversidade da serra de Baturité na perspectiva das unidades de conservação

15 de janeiro
Paulo Quezado: mídia e presunção de inocência: o indúbio pro réu e a realidade criminal brasileira.

Local: Auditório da Faculdade do Maciço de Baturité (FMB)
Endereço: Rua Edmundo Bastos, s/n, Baturité/CE. 
Mais informações 

Site da FMB ou pelo telefone (85) 3347 2774

Destaque Aracoiaba News – Lourdes Maria beleza que encanta

A Revista Eletrônica ARACOIABA NEWS tem a grata satisfação de estampar em sua 38ª edição dominical a modelo Lourdes Maria.
Lourdes Maria Lopes Pessoa, 16 anos, filha de Antônio Francisco Pessoa e Maria das Graças Lopes, modelo, estudante do 2º ano do ensino médio e atleta esportiva. Nasceu e mora em Fortaleza, adora viver em sua cidade. Esporte, fotografias e seu trabalho como modelo são paixões declaradas pela modelo.
Lourdes já participou de diversos campeonatos em diversas modalidades nas esferas municipal, estadual e federal. Apaixonada por basquete, dança, Muay Thai, pratica malhação na academia Ideal Fitness. Nas horas vagas sua paixão e comprometimento são por moda e fotografias.
Lourdes Maria participou de vários desfiles e concurso, já foi Princesa Miss Colegial em 2014, em uma disputa acirrada afinal todas as beldades eram lindas, mas como só podia ser escolhida uma para que pudesse representar durante um ano sua escola e por seu mérito, elegância, desenvoltura foi ela Lourdes foi eleita. Títulos conquistados com humildade, persistência, apoio da família e amigos.
“Foi uma das melhores experiências, faço trabalhos também de modelo, mas sem comprometimento com nenhuma agencia”, destacou.
A jovem estudante sonha alto e quer se formar na área da saúde, além de conquistar o público fora com seu carisma, beleza e o que se tem de bom.
“Sou nova ainda e tenho certeza que ainda muita coisa boa estar por vim. Tem uma frase que eu gosto bastante: Se lutarmos todos os dias para realizar nossos sonhos, não sobrara tempo para pensar em derrota. Então lute por eles e é o que eu to fazendo”, assim finalizou.
Elegante, bonita, olhar sereno, pele suave, ainda quase menina, ela é orgulho da cidade dentro da Grande Fortaleza. O mais surpreendente é que, além de abafar quando desfila e posar para as lentes profissionais.
Lourdes, está ganhando as passarelas e preferências de estilistas, revistas, lojas, empresas e em geral com essa elegância, beleza e uma excelente desenvoltura ao desfilar, assim sendo, vem ganhando destaque por onde passa! Quem tem carisma, talento, luz, bons princípios e sabe o que quer tem o sucesso agendado daqui a pouco. Tempo não lhe falta, talento é o que mais lhe sobra.
Aguardem o próximo Destaque!!

Distrito de Pedra Branca, em Aracoiaba foi beneficiado com a perfuração de um poço profundo

O Distrito de Pedra Branca, localizado no interior de Aracoiaba, tem passado por uma situação difícil e constante com a falta de água. Nos últimos dias, por iniciativa da vice-prefeita Maria Valmira (D. Bill) e do Prefeito Antônio Cláudio, a comunidade foi beneficiada com a perfuração de um poço profundo.
O Prefeito Antônio Cláudio e a vice-prefeita Maria Valmira, não têm medido esforços quando o assunto é a melhoria de vida da população, principalmente os que sofrem com a seca.
O poço será de grande relevância para a comunidade, daí a preocupação da Administração Uma Cidade de Todos em trabalhar em prol da construção do poço, para que dessa maneira, facilite o abastecimento de água naquela região.
Segundo a vice-prefeita a ação vai beneficiar todo Distrito de Pedra Branca com água de qualidade. "Foi uma surpresa que eu fiz a Pedra Branca. Ninguém sabia da chegada da perfuratriz. Para a minha alegria e a satisfação dos beneficiados foi possível fazer um poço”, vibrou a vice-prefeita.
A vice-prefeita Maria Valmira, ainda relata que quando residia em Pedra Branca, à mesma tinha que se deslocar de Pedra Branca, ao leito de um rio “Cacimba” (Riacho do Negro), para buscar água. Hoje vendo a carência e falta de água potável em sua terra natal, Maria Valmira sensibilizada com seu povo, decidiu escavar o poço em Pedra Branca, sendo que foi uma de suas prioridades como vice-prefeita e filha de pedra.
De acordo com o Prefeito Antônio Cláudio, as obras foram executadas com recursos próprios. Em outras localidades, a Prefeitura realizou serviço de limpeza e ambos estão atendendo aos moradores. "Vamos continuar trabalho firmes e fortes. Só o trabalho constrói", finalizou o Prefeito.

Novos conselheiros tutelares de Aracoiaba tomam posse

O prefeito Antônio Cláudio e o presidente do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (COMDICA), Bruno Kelsen, empossaram nesta segunda (11), 05 novos conselheiros tutelares eleitos em pleito histórico, realizado em outubro do ano passado. A solenidade aconteceu na Câmara Municipal de Aracoiaba. Além dos eleitos, outros cinco foram listados para suplentes.
Durante a cerimônia, os conselheiros participam da leitura do Termo de Posse e assinam a Ata Oficial que legitima a responsabilidade sobre seus direitos e deveres para o exercício da função. Os empossados terão quatro anos de mandato e se preparam para enfrentar desafios impostos pelo cargo, que vão além das suas atribuições normais.
Eleitos pela comunidade para acompanharem as crianças e os adolescentes e decidirem em conjunto sobre qual medida de proteção para cada caso. Devido ao seu trabalho de fiscalização a todos os entes de proteção (Estado, comunidade e família), o Conselho goza de autonomia funcional, não tendo nenhuma relação de subordinação com qualquer outro órgão do Estado.
Toinha da Passagem Funda, Ana MoreiraSantinha do Chico Miguel, foram reeleitos para mais um mandato, Edmilson Candido e Dedé passam a fazer parte do colegiado como a grande surpresa das eleições deste ano.

Atuação
Os novos conselheiros tutelares serão encarregados pela sociedade de zelar pelo cumprimento dos direitos da criança e do adolescente, instituídos pelo Estatuto da Criança e do Adolescentes (ECA). Os Conselhos Tutelares começaram a ser instalados em 1990 e operam no enfrentamento à negligência, à violência física e psicológica, à exploração sexual e quaisquer tipos de violação de direitos contra crianças e adolescentes.

Conheça os 05 primeiros colocados
1º Toinha da Passagem Funda
2º Ana Moreira
3º Santinha do Chico Miguel
4º Edmilson Cândido
5º Dedé da Lagoa de São João

Conheça agora 05 suplentes:
6° Patrícia
7° Vanderlucia Castro
8° Valdevam Marcelino
9° José Rosileudo
10° Odelidia