Buscar

06 dezembro 2016

Vírus Gooligan ameaça usuários de Android no Brasil

Conhecido como Gooligan, o vírus do tipo malware já foi bloqueado mais de 1 milhão de vezes no Brasil pela PSafe, empresa de segurança e performance mobile. Em todo o mundo são mais de 13 mil celulares infectados diariamente. O vírus age rapidamente e afeta milhares de pessoas que possuem celulares com sistema operacional Android.
O golpe começa quando o usuário baixa um aplicativo que está infectado, geralmente de lojas não oficiais. Neste momento, o hacker rouba os dados da conta da Google (Gmail) e tem acesso total ao celular da vítima, podendo roubar fotos e arquivos, baixar apps maliciosos, avaliar outros aplicativos e até mesmo clicar em propagandas de forma automática, gerando, assim, receita para os cibercriminosos.
Para se ter uma ideia, os cliques automatizados em publicidades realizados por meio desse ataque podem gerar cerca de 320 mil dólares (mais de R$ 1 milhão) de receita por mês para os hackers. De acordo com Emilio Simoni, Gerente de Segurança da PSafe, já foram identificados mais de 4 mil versões diferentes do mesmo vírus Gooligan.
Fique atento para as dicas: baixar e instalar apenas apps disponíveis em lojas oficiais (Google Play); verificar às permissões requisitadas pelos aplicativos, observando se estão compatíveis com as necessidades do app; utilizar senhas fortes, que contenham pelo menos 10 caracteres, incluindo letras maiúsculas e minúsculas, números e caracteres especiais.
É fundamental estar com um antivírus instalado e atualizado. Veja um lista com excelentes opções de antivírus para Android, escolha um e proteja-se!
PSafe 
Kaspersky Internet Security
McAfee Mobile Security

Fonte: O POVO

Nenhum comentário:

Postar um comentário