Buscar

07 dezembro 2016

Baturité – Sem saúde população tem que recorrer ao município de Aracoiaba


Um bilhete colado no portão de entrada da Unidade Municipal de Pronto Atendimento (UMPA) reatrata a situação caótica em que vive a Saúde do município de Baturité. Moradores que precisam de atendimento médico estão sendo obrigados a se deslocar até Aracoiaba, aumentando a demanda do município vizinho.
A pouco menos de 30 dias para terminar o ano, Baturité está sendo administrada pelo quarto prefeito, após a saída de Bosco Cigano, Cristiane Braga (vice), Irmã Edileuza (Presidente da Câmara) e agora Hérberlh Mota (Primeiro Secretário).
A população ainda denuncia que a falta de medicamentos também acontece no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), além da ausência de profissionais médicos. 
A situação no município não é das melhores cabe agora ao prefeito em exercício Hérberlh Mota buscar soluções coisa que ninguém mais acredita devido ao tempo resumido, tendo que resolver principalmente a questão salarial a ser resolvida.

Com informações Neto Rodrigues

Nenhum comentário:

Postar um comentário