Buscar

31 outubro 2016

Cid, Ciro e Camilo impõem derrota a Eunício e Tasso


O governador Camilo Santana (PT) e os irmãos Cid e Ciro Gomes (PDT), ao vencerem as eleições no segundo turno em Fortaleza e Caucaia, impuseram novas derrotadas aos senadores Eunício Oliveira (PMDB) e Tasso Jereissati (PSDB) e ao ex-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PR). Na Capital, Tasso e Eunício abraçaram a candidatura do Capitão Wagner (PR) contra o prefeito reeleito Roberto Cláudio (PDT). Em Caucaia, os caciques do PMDB e do PSDB subiram no palanque do tucano Eduardo Pessoa contra o vencedor Naumi Amorim (PMB).
O resultado geral das eleições municipais de 2016 fortalece o grupo político liderado pelos irmãos Ferreira Gomes e pelo governador Camilo Santana. O grupo venceu as eleições nos maiores colégios eleitorais do Ceará – Fortaleza, Caucaia, Juazeiro do Norte, Sobral, Crato, Iguatu, Tianguá e Quixadá.
A vitória em pequenas cidades amplia o raio de atuação política de Camilo, Cid e Ciro e tem importância significativa na disputa pelo Governo do Estado e ao Senado em 2018. Com o resultado final das eleições nesse domingo, Camilo fica credenciado para concorrer à reeleição, enquanto uma das vagas ao Senado terá como candidato o ex-governador Cid Gomes.
A vitória do prefeito Roberto Cláudio ganha relevância diante da disputa acirrada no maior colégio eleitoral do Estado. A força da oposição ficou evidenciada com a aliança formada pelo PSDB, PMDB, PR e Solidariedade. Em 2014, quando Eunício, na disputa pelo Governo do Estado, ficou em primeiro lugar na Capital, a oposição deu os primeiros sinais de que, na sucessão municipal, a corrida pela Prefeitura seria acirrada. A oposição é derrota, mas sai mais forte ainda.


Fonte: Ceará Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário