Buscar

04 fevereiro 2016

Homem é preso por aplicar fraude no seguro DPVAT

moto acidente
Ao tentar forjar um Boletim de Ocorrência (BO) para ter acesso ao Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres (DPVAT), um homem recebeu voz de prisão dentro da Delegacia de Acidentes e Delitos de Trânsito (DADT) da Polícia Civil do Ceará (PCCE). O caso ocorreu nesta quarta-feira (03), em Fortaleza.

Francisco Flávio Costa de Sousa (22), que responde por homicídio, sofreu um acidente em dezembro de 2015, no bairro Vila Velha, em uma colisão entre sua motocicleta e um carro. Ele não sofreu ferimentos graves.
Para registrar o BO, os policiais descobriram que Flávio havia levado os documentos de outra motocicleta. Ao ser indagado pela autoridade policial, o suspeito disse que já havia negociado sua moto e não tinha mais o documento dela, por isso, resolveu levar os papeis de outro veículo – pertencente ao pai de sua namorada – achando que, assim, o procedimento seria realizado com êxito. O plano não deu certo. O homem foi indiciado por falsidade ideológica. As diligências sobre o caso continuam e o proprietário do documento apresentado na delegacia deverá ser ouvido.
Outros casos
De acordo com o delegado César Wagner, titular da DADT, outras três pessoas foram indiciadas ainda hoje (03) por tentarem bular BOs para conseguirem os benefícios do seguro. Entre os suspeitos está um homem que tentou receber o seguro pela morte do pai, alegando ter sido causada por acidente de trânsito. Contudo, o homem morreu por causas naturais.
Ainda segundo o titular da especializada, a Polícia Civil vai intensificar os trabalhos no sentido de impedir a prática criminosa. A DADT é a única delegacia responsável pela emissão de BOs para o seguro DPVAT em Fortaleza.
Fonte: Ceará Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário