Buscar

23 fevereiro 2016

Além da Capital, PMDB, PSDB e PR estarão unidos em outras cidades

colagemA aliança que poderá marcar a vida do PMDB, PSDB e PR na Capital se estenderá a outras cidades da Região Metropolitana de Fortaleza e municípios do Interior do Estado. Em Fortaleza, o capitão Wagner, pré-candidato do PR, é o ponto de convergência da coligação com o PMDB e PSDB que está sendo discutida.
O segundo maior colégio eleitoral do Ceará, a cidade de Caucaia, tende, também, a unir os três partidos. Com 210 mil eleitores, Caucaia terá a eleição em dois turnos se um dos candidatos não receber, no primeiro turno, mais de 50% dos votos válidos.
O ex-presidente da Câmara Municipal, vereador Eduardo Pessoa, está deixando o PRP para se filiar ao PSDB e concorrer à Prefeitura com o apoio do PR. O ex-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa, articulou a mudança de partido de Eduardo Pessoa, de quem é primo. A filiação está programada para 11 de março, mas a agenda depende do senador Tasso Jereissati.
O desafio do PR e PSDB é incluir na coligação o PMDB, hoje entregue ao ex-deputado federal e ex-prefeito José Gerardo Arruda. Como tentativa de se manter vivo politicamente, José Gerardo prega que é candidato a prefeito, mas, condenado por improbidade administrativa, está inelegível.  Com isso, o PMDB poderá se aliar ao PSDB e apoiar à candidatura de Eduardo Pessoa.
Em Maracanaú, o martelo, como diz o prefeito Roberto Pessoa, está batido na formação da aliança entre PSDB, PMDB e PR. O PR vai às urnas com o prefeito Firmo Camurça, candidato à reeleição, para enfrentar o grupo do ex-prefeito Júlio César. O filho de Júlio, deputado estadual Júlio César, será o nome lançado pela oposição com o provável apoio do PDT. A aliança do PMDB, PSDB e PR passará, também, pelas cidades de São Gonçalo do Amarante, Eusébio e Maranguape.
O grupo tende a se unir, também, em Juazeiro do Norte, terceiro maior colégio eleitoral do Ceará. Uma aliança em apoio à candidatura a reeleição do prefeito Raimundo Macedo está sendo discutida, também, pelos dirigentes do PMDB, PSDB e PR. Outras duas cidades da Região Metropolitana do Cariri – Barbalha e Crato, entram nesse debate com a estratégia dos dirigentes das três siglas em indicarem um único candidato para concorrer às eleições de prefeito.
Fonte: Ceará Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário