Buscar

11 novembro 2015

A aratubense Marcela Alves é notícia na mídia nacional

Foto: Arquivo pessoal
Foto: Arquivo pessoal
Atualizada às 13h52
O nome é Marcela Alves, de 24 anos. A jovem, natural de Aratuba, na Serra de Baturité, no Ceará, já nascera próxima às estrelas do céu e com uma curiosidade: entendê-las. Em sua trajetória, Marcela fez pesquisas financiadas pela Nasa, na Arizona State University, e ganhou um concurso da ONU, além de ter conquistado um prêmio de menção honrosa numa competição mundial da Google ao criar, junto à equipe da Empowerit, uma plataforma para ajudar mulheres empreendedoras.
Seu primeiro contato com a ciência foi desde muito cedo, quando começou a estudar matemática na escola e ler sobre a vida dos cientistas. A curiosidade da jovem também surgiu com as estrelas que conseguia ver do céu de Aratuba. “Para fugir um pouco dos problemas que minha família enfrentava por causa das dificuldades, gostava de ficar olhando para o céu. O céu de Aratuba é muito bonito. Desde criança eu queria entender aquele céu”, conta Marcela, que tinha cinco irmãos, uma mãe dona de casa e um pai agricultor.
Durante a infância e adolescência em Aratuba, a jovem foi medalhista nas olimpíadas de astronomia e matemática, o que trouxe a ela, em 2005, a chance de participar de um curso de verão no Departamento de pós Graduação em Matemática da Universidade Federal do Ceará. “Desde a minha adolescência, eu trabalhei em projetos como ‘Clube da Árvore’, que incentivava as escolas brasileiras a preservarem o meio ambiente; ‘Projeto Amigos da Leitura”, ideia de incentivo à leitura; grupos de teatro; grupo de percussão e grêmio estudantil”, pontua Marcela. Ela residiu em Aratuba até ganhar uma bolsa integral do ProUni e se mudar para Fortaleza.
Pesquisa científica auxiliou estudante a superar desafios
Durante a faculdade, Marcela participou de dois projetos de iniciação científica. “Fui estagiária de desenvolvimento de software no Microsoft Innovation Center Fortaleza e no Instituto Atlântico“, revela. Em 2013, sua história começou a ganhar destaque.
O período de seu intercâmbio nos Estados Unidos, por meio do programa “Ciências Sem Fronteiras”, foi proveitoso para a estudante. Lá, ela ajudou a fundar o Brazilian Club por causa das dificuldades com a língua inglesa. “Brazilian Club era um clube universitário registrado para ajudar os brasileiros que estavam indo para a Arizona State University com informações e dicas para ajudar os alunos a encontrar estágio, promover eventos de divulgação na nossa cultura e divulgação das pesquisas que são desenvolvidas por brasileiros dentro da ASU”, explica Marcela, formada em Ciências da Computação pela Faculdade Farias Brito.
Foto: Arquivo pessoal
Foto: Arquivo pessoal
A carreira da jovem cientista estava apenas começando. Marcela participou de um projeto de pesquisa patrocinado pela Nasa, na Universidade do Arizona, chamado “Cosmology and Astrophysics Research with the Hubble Space Telescope“, em que a comunidade acadêmica estuda as dados coletados pelo telescópio Hubble.
Em seguida, a estudante começou a participar de um grupo de estudos em Cosmologia e Astrofísica e estudou processamento de imagens. Ao apresentar um projeto ao Wolfram Science, os pesquisadores acharam interessante e a estudante foi selecionada para a Escola de Verão da Universidade de Bentley, em Massachusetts, se tornando a primeira mulher brasileira na história aceita para o curso de verão do instituto de ciência.
mulher cientista ainda se encontra em menor número em relação aos homens, mas a jovem acredita que isso pode mudar. “Eu quero deixar a mensagem de que sim, nós podemos ser o que quisermos. Passei por situações muito tristes até mesmo dentro da minha família. Tem sido uma luta sofrida. Quero que as minhas amigas saibam que elas não estão sozinhas, muito anjos aparecem pelo caminho e nos ajudam a chegar nos nossos objetivos. As mulheres fizeram coisas maravilhosas para a Ciência e vão continuar fazendo”, conclui.
Atualmente, Marcela Alves é participante do projeto “Youth and Trade” da Organização das Nações Unidas (ONU), que visa contribuir para a emancipação econômica em países menos desenvolvidos e é desenvolvedora de software no Instituto de Projetos e Pesquisa da Universidade Estadual do Ceará (IEPRO), onde trabalha com um aplicativo móvel de educação à distância para pessoas com necessidades especiais num projeto financiado pela empresa Dell.
Fonte: VERDINHA

Comissão Mista do Orçamento adia votação da LDO de 2016

Ricardo-Barros-433x240
Um acordo fechado por integrantes da Comissão Mista do Orçamento (CMO) adiou nesta quarta-feira, 11, a apreciação do projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2016 na CMO. Com o início da votação em plenário, o que regimentalmente impediria a votação da proposta, os parlamentares da base aliada e da oposição decidiram retomar a reunião da comissão na quinta-feira às 10 horas, para votar a LDO do próximo ano, em especial o abatimento menor da meta fiscal de 2016 com os investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Mais cedo, o relator da LDO de 2016, deputado Ricardo Teobaldo (PTB-PE), concordou com a sugestão feita em público pelo relator da Lei Orçamentária do próximo ano, deputado Ricardo Barros (PP-PR), de reduzir de R$ 30 bilhões, como defendeu inicialmente para R$ 20 bilhões a dedução dos investimentos do PAC da meta fiscal.
Na prática, a medida, se for aprovada pela comissão e pelo Congresso, aumentaria o superávit primário “real” para o próximo ano. O governo defende uma economia para o pagamento dos juros da dívida pública de 0,7% do PIB (o que representa R$ 43,8 bilhões). A proposta inicial de Teobaldo “legalizaria” um superávit de R$ 13,8 bilhões (0,22% do PIB), mas os governistas querem reduzir o teto de abatimento do PAC para propor um superávit maior, de R$ 23,8 bilhões (correspondente a R$ 0,38% do PIB).
Mesmo antes de iniciar o momento de votação do projeto, a oposição no colegiado protestou contra a eventual mudança. O deputado Domingos Sávio (PSDB-MG) disse que a proposta demonstra que o governo não quer passar “austeridade fiscal”. “Quero antecipar que a gente recebe com tristeza esse adendo”, criticou. Outro deputado tucano, Caio Nárcio (MG), disse que os R$ 20 bilhões de dedução do PAC é uma manobra. “Esse governo não merece a nossa confiança”, disse.
A expectativa é que o parecer de Teobaldo vá à votação nesta quinta-feira, 12. Se aprovado, segue para o plenário do Congresso.
Fonte: Ceará Agora

Os prejuízos para a população de Canindé com o entra e sai de prefeitos

canindé
A disputa política pelo cargo de prefeito de Canindé, que se estende até agora no Poder Judiciário, deixa a população confusa e atrapalha o andamento de projetos importantes para os moradores da cidade.

Muitas pessoas desconhecem quem irá governar o município a partir de hoje, se será Celso Crisóstomo que retornou ao cargo no ultimo dia 22 de outubro através de decisão do Tribunal de Justiça depois de ser cassado pela Câmara Municipal ou Paulo Justa que é reconhecido como Prefeito legítimo do município por uma decisão do Juiz da 1ª Vara Antônio Josimar Almeida Alves.
A disputa se arrasta desde o dia 05 de junho quando a Câmara afastou Crisóstomo por 90 dias com a acusação de atos de improbidade administrativa, sendo que o gestor conseguiu retornar ao cargo no dia 31 de agosto e sendo afastado novamente no mesmo dia através de decisão do juiz da 2ª Vara Paulo Sérgio dos Reis, permanecendo afastado até o dia da cassação do seu mandato pela Câmara no dia 04 de setembro.
Celso Crisóstomo mesmo com o mandato cassado conseguiu liminar junto do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará no dia 22 de outubro e retornou ao cargo.
Prejuízos
No meio da confusão, os moradores não sabem quem está certo ou errado, mas lamentam que a guerra política esteja prejudicando o andamento da máquina pública. “A população é a maior prejudicada com as brigas políticas. A população precisa ter suporte e sem saber quem é o prefeito não há como dar respaldo às ações governamentais. A cidade que tem o maior Santuário Franciscano da América Latina sofre com problemas nos setores de saúde, transporte, moradia e cidadania”, comentou o pedreiro, Antônio Lopes de Campos, de 40 anos.
O comerciário, André Oliveira Almeida, de 30 anos, também reclamou que a confusão política prejudica a população. “Não sei quem é o prefeito atual. A cidade vive um entra e sai de prefeito constante nos últimos meses. O grande problema é que os projetos não andam na Prefeitura. A cidade vive com problemas nas áreas de saúde e educação”, disse.
A vendedora Ana Paula Martins, de 38 anos, mora em Canindé há apenas cinco anos.
“Vim de Fortaleza e tinha a imagem de que uma cidade pequena como Canindé tivesse uma qualidade de vida melhor. Mas a verdade é que há problemas sérios nas áreas de educação e saúde. E as questões políticas na Prefeitura interferem diretamente na resolução desses problemas”, comentou.
O comerciante, Francisco Martins, afirmou que administrativamente a cidade está parada. A confusão política está prejudicando a cidade. O entra e sai de prefeitos é muito complicado. “É necessário melhorar muito nas áreas de saúde, educação e segurança”, disse.
“Não há uma continuidade nos projetos que são iniciados nas escolas porque a troca de prefeitos é constante. As políticas públicas para áreas importantes ficam comprometidas”, afirmou a estudante Gabriela Oliveira.
Os servidores públicos também sofrem com essa situação, pois segundo a direção do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Canindé, por conta da situação política que hora vivência o município de Canindé, os pagamentos foram suspensos pelo vice-prefeito, o Sr. Paulo Justa, que por conta de uma decisão judicial assume mais uma vez a prefeitura.
“Não entendemos a razão de suspender as ordens de pagamentos dos salários dos servidores e também do IPMC, pois são servidores de carreira e realizam sua atividade independente do Prefeito A ou B”.
E os inativos? Os pensionistas? Os que estão com problemas de saúde? Mas, como tudo sobra para os mais fracos, ficamos sem salários e nem perspectiva de receber. Diz a nota divulgada no site da instituição.
Os serviços de saúde também estão prejudicados, segundo moradores faltam medicamentos e médicos na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e PSF.
Os fornecedores não querem mais prestar serviços ao município sem saber ao certo se irão receber pela prestação dos trabalhos na municipalidade.
O comércio também fica prejudicado devido ao atraso salarial dos servidores e há não movimentação financeira.
A pergunta que se faz nesse momento é até quando essa situação vai perdurar? O povo clama por uma resposta e não aguenta mais tanto sofrimento e chega até a pedir um interventor no município.
A situação é tal que exige sem dúvida manifestação definitiva da justiça no sentido de deixar claro quem, de fato, pode usar a faixa de prefeito na terra de São Francisco. Com informações do correspondente do Jornal Alerta Geral, em Canindé, Wellington Lima.
Fonte: Ceará Agora

Juiz afasta conselheira tutelar por receber ilegalmente Bolsa Família

justiça
O juiz José Valdecy Braga de Sousa determinou o afastamento de Janaína Duarte de Sousa do Conselho Tutelar do Município de Santa Quitéria, distante 222 km de Fortaleza. Ela é acusada de receber ilegalmente o benefício Bolsa Família, o que caracterizaria a prática de improbidade administrativa.

Na decisão liminar, o magistrado destacou que havendo “fortes indícios da prática de atos de improbidade administrativa, somado ao risco de prejuízo à instrução processual, o afastamento do cargo de agente público deve ser decretado”.
De acordo com denúncia do Ministério Público do Ceará (MP/CE), Janaína teria mentido no fornecimento de informações ao ingressar, em 2013, nos quadros do Conselho Tutelar. Com a prática, ela passou a acumular ilicitamente o salário referente ao cargo e o benefício assistencialista.
A mesma atitude foi repetida por ocasião da eleição dela para o Conselho Tutelar no período 2016/2019. No referido pleito, a acusada conseguiu ser reconduzida ao cargo.
Por essa razão, o MP/CE ingressou com ação de improbidade administrativa na Justiça. Requereu liminarmente o afastamento do cargo, o impedimento de assumir na nova gestão em 2016 e a suspensão do salário. Alegou que ela não preenche o requisito da idoneidade moral para exercer a função pública.
Ao analisar o caso, o juiz decidiu por afastar Janaína, assim como suspendeu a nomeação e posse dela para a recondução ao cargo em 2016, até o julgamento do mérito da ação. Ele explicou que o afastamento das “funções de conselheiro tutelar, por liminar concedida em ação civil pública, não acarreta a suspensão nos vencimentos em face de expressa vedação ao art. 20, parágrafo único, da Lei nº 8.429/92”.
O magistrado ressaltou ainda que a decisão não configura punição antecipada, pois que não lhe causa prejuízos nos seus vencimentos. “Da mesma forma, não fere a presunção de inocência, eis que não importa em aceitação de sua culpa, mas tão-somente em uma cautela necessária para se evitar danos à instrução processual”.
Com TJCE
Fonte: Ceará Agora

PSDB defende afastamento de Cunha da presidência da Câmara

carlos sampaio
O líder do PSDB, Carlos Sampaio, leu nesta quarta-feira (11), no plenário da Câmara dos Deputados, nota oficial do partido pedindo o afastamento do presidente Eduardo Cunha, da presidência da Câmara. Ele afirmou que as explicações do mesmo, sobre a existência de conta em seu nome no exterior foram inconsistentes e insatisfatórias.

“Nossa bancada se reuniu após sua defesa oral na terça-feira, em rede nacional, e tomou uma posição clara. O que temos com a presidência dessa casa é o respeito mútuo, mas tomamos essa decisão com independência, apesar de considerarmos seu trabalho importante. Queremos que o presidente veja que nossa posição, como soberana”.
Ele defendeu a abertura do processo de impeachment da presidente Dilma, “que deve começar, como começou o processo contra vossa excelência. ” A nota foi assinada pelos 53 deputados da bancada tucana. O deputado disse que afastado do cargo, Cunha poderá defender-se das acusações no conselho de ética e na Justiça.
Fonte: Ceará Agora

Governo Itinerante atende localidade de Encosta de Baixo

O Governo Itinerante é um Programa da Administração “UMA CIDADE DE TODOS" que transfere a sede do Governo Municipal para as localidades.
Administração Municipal de Aracoiaba realizou na localidade de Encosta de Baixo nesta quarta-feira (11/11), o Projeto “Café na Comunidade”, cumprindo mais um compromisso da administração.
Acompanhado do secretariado municipal, o Prefeito Antônio Cláudio ouviu as solicitações dos moradores e discutiu, já junto à equipe de governo e a comunidade, providências para solucionar os problemas.
O Governo Itinerante tem como objetivo levar os serviços públicos para as localidades longes da sede do município, além de manter uma aproximação entre a população e o Governo Municipal, criando um canal permanente de  diálogo. “Essa iniciativa é uma oportunidade de aproximar a administração da comunidade de Encosta de Baixo, uma vez que secretários, prefeito, vice-prefeito e vereadores estão presentes para atenderem as demandas da população”, argumentou o Prefeito Antônio Cláudio.

SERVIÇOS PRESTADOS
Várias ações em diversos seguimentos da prefeitura foram realizadas, como: patrolamento de estradas, limpeza de ruas, coleta de entulhos, poda de arvores, reparos na iluminação pública como, troca de lâmpadas e a colocação de braços de iluminação a onde não tinha, deixando as assim as ruas do Povoado bem mais iluminadas.
Na área da Saúde vários atendimentos foram realizados durante todo o dia, como, atendimento Medico, aferição de pressão e teste de Glicemia, além do importantíssimo trabalho da equipe de Endemias na coleta e prevenção contra o Mosquito da Dengue. Já na área do Social, foram realizados vários cadastros e recadastro da Bolsa Família e Corte de Cabelo.

Morre no Rio a jornalista Sandra Moreyra

sandra-moreira
Morreu na tarde desta terça-feira (10), no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, a jornalista Sandra Moreyra, da TV Globo, considerada uma das principais repórteres da emissora carioca. Sandra não resistiu a um câncer no mediastino, região próxima do esôfago, contra o qual lutava há sete anos, de acordo com informações da Central Globo de Comunicação (CGCOM).

Carioca, Sandra Maria Moreyra tinha 61 anos. O avô, o escritor Álvaro Moreyra, membro da Academia Brasileira de Letras, dirigiu importantes revistas nos anos 1950, entre elas Fon-Fon eParatodos. Seu pai, Sandro Moreyra, fez história como um dos mais importantes cronistas esportivos do jornalismo brasileiro. Sua mãe, Lea de Barros Pinto, era professora. Sandra era irmã da também jornalista e diretora da GloboNews, Eugenia Moreyra.
Fonte: Ceará Agora

TSE encurta tempo de campanha em 2016

tse
O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou, na noite dessa terça-feira (10/11), o Calendário Eleitoral das Eleições Municipais de 2016. A eleição ocorrerá no dia 2 de outubro, em primeiro turno, e no dia 30 de outubro, nos casos de segundo turno. O segundo turno é realizado nas cidades com mais de 200 mil eleitores. No Ceará, nesse perfil, estão enquadradas apenas Fortaleza e Caucaia.

O calendário contém as datas do processo eleitoral a serem respeitadas por partidos políticos, candidatos, eleitores e pela própria Justiça Eleitoral. Os eleitores vão eleger em 2016 os prefeitos, vice-prefeitos e vereadores dos municípios brasileiros.
Ao apresentar relatório e voto sobre a resolução do calendário, o ministro Gilmar Mendes informou que, em 19 de março de 2015, oficiou a todos os Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) para que enviassem ideias e sugestões a serem apreciadas na oportunidade da elaboração das instruções sobre as regras das eleições do ano que vem.
O ministro acrescentou que a minuta de resolução encaminhada aos gabinetes dos demais ministros considerou as sugestões das Cortes Regionais e dos grupos de trabalho e unidades técnicas do TSE. Ele agradeceu a valorosa contribuição do ministro Henrique Neves que, juntamente com as áreas técnicas, assessorias do Tribunal e equipe do gabinete do relator, “realizou em exíguo prazo estudos visando ao aperfeiçoamento do texto da minuta de resolução do calendário eleitoral”. O ministro salientou, ainda, a participação dos TREs com as suas propostas.
Gilmar Mendes ressaltou que, diferente de outras eleições, em que a minuta do calendário eleitoral foi aprovada no primeiro semestre do ano que antecede o pleito, esta foi submetida à apreciação do Plenário apenas agora em razão da perspectiva de reforma política pelo Congresso Nacional, que culminou com a sanção da Lei nº 13.165, de 29 de setembro de 2015.
“A expectativa de alteração de várias datas relevantes do processo eleitoral foi confirmada, como se sabe. O texto ora proposto contempla as alterações promovidas pela referida Lei na legislação eleitoral, a qual reduziu substancialmente o tempo de duração do processo eleitoral ao modificar o período das convenções partidárias, a data limite para o registro dos candidatos, o período para a realização das propagandas eleitorais, dentre outros marcos”, acrescentou o relator.
O presidente do TSE, ministro Dias Toffoli, disse que, realmente, a reforma eleitoral promovida neste ano “alterou de maneira significativa e profunda o calendário das eleições, inclusive com a redução do tempo de campanha”.
Dentre as principais mudanças no Calendário, estão:
Filiação partidária
Quem quiser concorrer no próximo ano, deve se filiar a um partido político até o dia 2 de abril de 2016, ou seja, seis meses antes da data das eleições. Pela regra anterior, para disputar uma eleição, o cidadão precisava estar filiado a um partido político um ano antes do pleito.
Convenções partidárias
As convenções para a escolha dos candidatos pelos partidos e a deliberação sobre coligações devem ocorrer de 20 de julho a 5 de agosto de 2016. O prazo antigo estipulava que as convenções partidárias deveriam acontecer de 10 a 30 de junho do ano da eleição.
Registro de candidatos
Os pedidos de registro de candidatos devem ser apresentados pelos partidos políticos e coligações ao respectivo cartório eleitoral até as 19h do dia 15 de agosto de 2016. Pela regra passada, esse prazo terminava às 19h do dia 5 de julho.
Propaganda eleitoral
A resolução do calendário das eleições de 2016 incorpora, ainda, outras alterações produzidas pela reforma eleitoral, como a redução da campanha eleitoral de 90 para 45 dias, começando em 16 de agosto. O período de propaganda dos candidatos no rádio e na TV também foi diminuído de 45 para 35 dias, tendo início em 26 de agosto, em primeiro turno. Com informação da redação do cearaagora.com.br e da assessoria de imprensa do TSE.
Fonte: Ceará Agora 

Celso Crisóstomo é ficha limpa, julga Pleno do TSE

 

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgou na noite desta terça-feira (10), o recurso Contra Expedição de Diploma do Prefeito de Canindé, Celso Crisóstomo. Por unanimidade, o colegiado formado pelos Ministros desproveu o recurso e julgou que Celso Crisóstomo é Ficha Limpa e pode e deve assumir sem nenhum impedimento o cargo de prefeito. A votação aconteceu em pleno durante sessão.

CANINDÉ-CE (33ª ZONA ELEITORAL - CANINDÉ) 

Resumo: 
RECURSO CONTRA EXPEDIÇÃO DE DIPLOMA - INELEGIBILIDADE - REJEIÇÃO DE CONTAS PÚBLICAS - CARGO - PREFEITO - VICE-PREFEITO

Decisão: 
O Tribunal, por unanimidade, desproveu o recurso, nos termos do voto da Relatora. Votaram com a Relatora os Ministros Gilmar Mendes, Rosa Weber, Maria Thereza de Assis Moura, Herman Benjamin, Henrique Neves da Silva e Dias Toffoli (Presidente). Registrada a presença do Dr. Sidney Neves, advogado dos recorridos.