Buscar

26 abril 2015

PT ainda não declarou como vai quitar dívidas

Image-0-Artigo-1842040-1
O presidente do PT Ceará, De Assis Diniz, diz que o momento não é propício para recorrer ao diretório nacional pedindo apoio financeiro
FOTO: LUCAS DE MENEZES
arte
O presidente estadual do PT, De Assis Diniz, afirmou que não entregará ao Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE) o cronograma de pagamento das dívidas herdadas da campanha de 2014 pelo fato de o partido não possuir recursos em caixa que permitam a fixação de datas para a quitação de cada débito. Além da falta de dinheiro, ele ressaltou que a agremiação tem feito negociações com credores, apesar de garantir já ter os termos de anuência de todos aceitando que a responsabilidade pelas dívidas agora é da legenda.
"São duas questões. A primeira é que ainda estamos negociando com os credores e a segunda é que não temos recursos em caixa para nos comprometer. Como é que eu vou fazer um cronograma de pagamento se eu ainda não tenho recursos para garantir quando eu vou pagar todos?", justificou o dirigente.
No entanto, o prazo para que todos os partidos políticos apresentem a documentação referente à prestação de contas relacionadas ao exercício de 2014 termina na próxima quinta-feira, dia 30. O Tribunal Regional Eleitoral e a Procuradoria Regional Eleitoral aguardam que o PT detalhe até essa data como tem se dado a execução da quitação das dívidas herdadas da campanha eleitoral, com a apresentação de um cronograma e dos termos de anuência dos credores.
No ano passado, a prestação de contas de campanha feita por Camilo Santana revelou uma dívida orçada no valor R$ 11,1 milhões, mas o diretório estadual do PT informou à Justiça Eleitoral, após ser autorizado pela executiva nacional, que assumiria a responsabilidade. Na ocasião, entretanto, a legenda apresentou o termo de anuência dos credores referente a apenas R$ 1,3 milhão das dívidas, levando os membros do TRE a aprovarem as contas com ressalvas.
"Há a autorização do órgão nacional para assunção da dívida pelo diretório partidário estadual, mas somente alguns termos de anuência de credores", declarou a relatora Joriza Magalhães na prestação de contas que foi dividida em 20 volumes.
Diligências
O chefe do Controle Interno do TRE, Hugo Pereira, afirmou que o órgão aguarda a apresentação dos documentos na prestação de contas do partido e ressaltou que, mesmo se a agremiação não anexar cronograma e termos de anuência, serão feitas diligências para que a sigla corrija o problema. "Agora tem que estar. Se não estiver, nós faremos diligências internas", pontuou.
Hugo Pereira ressaltou que a não apresentação do cronograma elaborado para o pagamento dessas dívidas, assim como a ausência dos termos de anuência dos credores, podem implicar na desaprovação da prestação de contas do PT referente ao exercício de 2014. "É algo que pode pegar os partidos em todo o Brasil de surpresa nesse ano", analisou, acrescentando que a exigência desses documentos é inovação inserida na legislação eleitoral de 2014.
A Procuradoria Regional Eleitoral do Ceará também revelou que acompanhará a prestação de contas para checar se o PT esclarecerá essas informações. O órgão informou que certamente irá recorrer caso o Tribunal Regional Eleitoral decida aprovar essas contas sem o cronograma e os termos de anuência dos credores, mas destacou não acreditar que os juízes do TRE deixem que esses esclarecimentos passem em branco.
Questionado se recorrerá à executiva nacional do partido para solicitar recursos para o pagamento das dívidas de campanha, De Assis Diniz revelou que o diretório estadual vai aguardar o cenário de crise enfrentado pelo partido. "Estamos aguardando, porque esse não é o momento mais oportuno", justificou o dirigente petista ao lembrar que a legislação permite que a quitação seja feita até 2018, antes do período para a prestação de contas da próxima disputa para o Governo do Estado.
De Assis Diniz se negou a detalhar à reportagem o valor total das dívidas que já teriam sido quitadas, alegando que a informação criaria um clima de pressão da parte dos credores. "Essa informação eu não posso dar, porque há uma gama de credores. No momento em que eu detalhar o que já foi pago, quem não foi pago vai pressionar o partido para também ser pago", disse.
Publicidade
No processo de prestação de contas da campanha de Camilo Santana, o documento apresentado pelo diretório estadual do PT revela que as dívidas são referentes aos serviços de 48 empresas, mas foram entregues à Justiça Eleitoral termos de anuência de apenas 15 empresas. Entre as atividades exercidas por cada uma delas, estão publicidade por material impresso, despesas com transporte e deslocamento, gastos com produção de programas eleitorais, custeio com aluguel de veículos e diferentes outros tipos de despesas.
O secretário de Finanças do PT no Ceará, Gil Filipe Cavalcante, informou ao Diário do Nordeste que entregará a prestação de contas do partido apenas no último dia permitido, na quinta-feira, dia 30 de abril. Ele revelou que ainda aguarda o escritório de contabilidade contratado pela agremiação finalizar a elaboração do processo.
O coordenador de Auditoria e Contas Eleitorais e Partidárias do TRE, Antônio Carlos Pinheiro, ressaltou que o trâmite da prestação das contas partidárias é semelhante ao processo em que são submetidas as contas de campanha. "A prestação segue o rito processual previsto na resolução. Ele vai direto para a secretaria judiciária para a atuação e distribuição. Após isso, ele é designado a um relator. Feito a designação, a gente registra o que está faltando, faz diligências para que o partido corrija os problemas e depois emite um parecer para o relator", destacou.
Antônio Carlos Pinheiro salientou que, se o partido não fizer as alterações sugeridas pelo Controle Interno, o setor emite o parecer com o registro dos pontos falhos na prestação das contas. "A função do controle é só verificar a situação e emitir o parecer técnico", explicou.
Alan Barros
Repórter
Fonte: DN

Charge

Charge

Radialista Antônio Viana é destaque do Aracoiaba News

Em sua 14ª edição dominical, a revista Destaque Aracoiaba News, desta semana estampa sua capa o radialista Antônio Viana.
Conheça a historia de vida de um dos maiores jornalistas cearenses. Antônio Viana de Carvalho é filho de Abrahão Scarcela de Carvalho (já falecido) e Antônia Viana de Carvalho (conhecida como "Dona Dazinha"). Nasceu no distrito de Vera Cruz, hoje Inhamuns, em Tauá, no dia 12 de abril de 1949. Tem treze irmãos, formando uma família de quatorze filhos. São seus irmãos: Fátima, José (falecido), João, Francisco, Joaquim, Luiz, Carlos Alberto, William, Abrahão Filho, Maristor, Maria Viana (Cemária), Emídio César e Balbina Marne, todos vivos.
Suas primeiras letras foram com a professora Noêmia, no próprio distrito. Desde os primeiros momentos de sua vida estudantil, deu demonstrações de amor ao jornalismo. Estudante do Ginásio e Escola Normal Antônio Araripe, logo na sua infância, fundou o Jornal "O Trici", que retratava a cobertura dos acontecimentos do Colégio e do Município como um todo. Cursou até a 3ª série (equivalente hoje à 7ª série do 1º grau).
No ano de 1967, transferiu-se para Fortaleza onde concluiu o 1º e o 2º grau no Liceu do Ceará. Não se submeteu ao vestibular. Em 1965, passou a ser correspondente dos principais jornais de Fortaleza, com destaque para o "Gazeta de Notícias" e "Tribuna do Ceará". Fixou residência definitivamente em Fortaleza, morando no Porangabussu, bairro Ellery e em 1978 adquiria seu imóvel residencial no bairro da Maraponga, onde reside com a família.

FAMÍLIA
Deixou sua namorada Regina (pedagoga formada pela UVA em julho de 2001), hoje sua esposa, em Tauá e portanto, ao concluir o 2º grau, cuidou de se empregar e já pensava no casamento, o qual aconteceu em 1971, de cujo consorte nasceram três filhos:
Antônio Viana de Carvalho Júnior - fisioterapeuta. Casado com Georgiana Rocha Viana de Carvalho (foto abaixo);
George César do Carmo Carvalho - Membro da equipe responsável por este site. Casado com Gisele Fernandes Nogueira de Carvalho. São pais de Gabrielle Fernandes Nogueira de Carvalho e Giulia Nogueira de Carvalho (foto abaixo, à esquerda); 
Regiane do Carmo Carvalho - Contadora, com especialidade em contabilidade pública é funcionária do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM)


TÍTULOS
O jornalista Antônio Viana de Carvalho é Cidadão Fortalezense, por iniciativa do vereador Raimundo Linhares; é cidadão de dezenas de cidades do interior cearense, com destaque para as de: Caucaia, Pacatuba, Ocara, Caridade, Umirim, Maracanaú, Maranguape, Pacajus, Aracoiaba, Pentecoste, Itapiúna e Apuiarés. Foi reconhecido com Notoriedade em Municipalismo e medalha do Mérito Legislativo, pela Assembléia Legislativa do Estado do Ceará e Câmara Municipal de Fortaleza, iniciativas dos respectivos parlamentares: deputado Antônio Jacó e vereador Maurílio Assêncio. Recebeu a machadinha do Corpo de Bombeiros, o título de Amigo dos Bombeiros, o título de Amigo da Polícia Militar, do bairro de João XXIII e ainda o Troféu Amigo da Ettusa e a Medalhas do Mérito Francisco Soares de Carvalho e Prefeito Antônio Jataí Sobrinho agraciado pela sua terra natal Tauá. É sócio remido do Cascatinha Clube de Serra, em Maranguape e do Recreio Clube de Campo, em Fortaleza, por reconhecimento de suas diretorias aos serviços prestados pelo referido profissional aos interesses da sociedade cearense.

EXPERIÊNCIA
Antônio Viana de Carvalho tem como experiências profissionais:
Ingressou por concurso no DAER, hoje DERT;
Depois na CITELC, depois COTELCE/TELECEARÁ e hoje TELEMAR;
Foi funcionário do Jornal O POVO durante 9 anos, seis meses e quinze dias, atuante ao lado do saudoso jornalista Edgar Costa, como sub-editor da Página dos Municípios;
Foi comentarista dos assuntos municipalistas e políticos da TVE (hoje TVC) durante 5 (cinco) anos, até o primeiro governo de Tasso Jereissati;
Foi colaborador efetivo com coluna e página de interior durante 25 (vinte e cinco) anos em Tribuna do Ceará;
Após 32 anos, trabalhando na Rádio Dragão do Mar de Fortaleza, com dois programas diários, de segunda à sexta-feira, de 6h às 7:30h e de 11h às 14h, cobrindo destacadamente com repórteres especializados, os trabalhos na Câmara Municipal de Fortaleza e Assembléia Legislativa, além de todos os eventos municipais, sejam na capital ou interior do Estado;
Mais recentemente, ingressou no Jormal O Estado, exatamente no dia 18 de junho de 2002, onde mantém coluna diária;
Sua retomada ao trabalho radiofônico, a partir de primeiro de dezembro/2008, no Grupo Cidade de Comunicação, através da Rádio Cidade AM 860, em dois horários (como tínhamos na emissora anterior): de 6:30 as 8 horas e de 10 as 11 horas, de segunda a sexta-feira.
O jornalista Antônio Viana tem sido um dos maiores divulgadores dos assuntos municipalistas, apoiando todas as iniciativas das Câmaras Municipais, Prefeituras e em especial, todos os embates acompanhados e de interesse da UVC (União dos Vereadores do Ceará), APRECE (Associação dos Prefeitos do Estado do Ceará) e TCM (Tribunal de Contas dos Municípios). O jornalista Antonio Viana de Carvalho, tem enraizado em sua personalidade de homem de comunicação, a notória especialização pelos assuntos comunitários, por assim dizer, municipalistas.

SOCIAL
Antônio Viana de Carvalho, como radialista, integra:
O Sindicato dos Radialistas e Publicitários do Estado do Ceará;
Diretor de Comunicação da ACEJI (Associação Cearense de Jornalistas do Interior);
Pertence aos quadros da ACI (Associação Cearense de Imprensa);
Ex-Presidente (em dois mandatos), do Comitê de Imprensa da Assembleia Legislativa, onde atualmente é membro do Conselho Superior;

Foi Vice-Presidente do Comitê de Imprensa, Rádio e Televisão da Câmara Municipal de Fortaleza.
Aguardem o próximo Destaque!!

Governo abre licitação para compra de novas viaturas; Spin e Duster são favoritos

Marca registrada dos oito anos do ex-governador Cid Gomes, as Hilux não estão mais entre as opções de compra dos novos carros para a polícia do Ceará. Segundo fontes ligadas ao mercado, dois carros estão na disputa para virar o novo veículo do programa de segurançaRonda do Quarteirão, do Governo do Ceará. Sai de cena a Toyota Hilux SW4 e entram na disputa a Chevrolet Spin, uma van, e o Renault Duster, um utilitário esportivo (SUV).
Imagens da Spin adesivada com os símbolos do programa Ronda do Quarteirão já circulam nas redes sociais, entretanto, não foi definido oficialmente qual carro será adquirido pelo Estado. A data para o pregão eletrônico para a compra dos carros ainda não foi anunciada pelo Governo do Estado.

A diferença de preço da Duster e Spin em relação ao Toyota Hilux SW4 é grande. Enquanto a SW4 custa, em média, cerca de R$ 140 mil; a Chevrolet Spin é vendida por cerca de R$ 58 mil. Já a Renault Duster chega ao consumidor ao preço final de R$ 62 mil. Não se sabe ainda o desconto desses carros para o Governo.
Um consultor de automóveis ouvido pelo Diário do Nordeste, explica que a Chevrolet Spin deve partir na frente na disputa em função de dois fatores: o preço menor e por ter mais espaço no porta-malas, que é usado para o transporte de pessoas detidas pela polícia.
Fonte: DN

Nova avalanche atinge Everest, e alpinista cearense está incomunicável há mais de 24h

campobase
O Campo Base da expedição se escalada ao monte Everest foi destruído por uma avalanche
rosier
Rosier Alexandre, em escalada ao monte Everest. A foto foi publicada três dias antes do terremoto, no Facebook do alpinista
O momento é de apreensão para familiares e demais envolvidos com o Projeto Sete Cumes, liderado pelo alpinista cearense Rosier Alexandre. O último contato feito pelo montanhista aconteceu às 7h30 da manhã (horário de brasília) do último sábado (25). Mas, desde então, tremores menores continuam assolando o Nepal. Uma nova avalanche foi registrada neste domingo, segundo agências de notícias internacionais.
Em nova tentativa de escalar o monte Everest, a expedição de Rosier foi atingida por deslizamento de neve após o primeiro tremor no Nepal, na madrugada de sábado. Até o momento, foi confirmada a morte de uma integrante da expedição, a médica Marisa Eve Girawong, que estava no Campo Base, destruído por uma avalanche. A informação foi publicada na página oficial da empresa guia da expedição, Madison Mountaineering.
O filho de Rosier, Davi Saraiva, que também estava no Campo Base, passa bem. Davi foi resgatado da montanha e levado para um vilarejo próximo, chamado Gorak Shep “onde não há energia, água, telefone, nem internet”, publicou a assessoria de imprensa do projeto, em nota, no Facebook de Rosier, justificando a dificuldade de comunicação.
Rosier havia afirmado, no sábado, por telefone via satélite, que estava no Campo 2, a 6.400 metros de altitude e passava bem. "Estamos bem e não sabemos como está daqui para frente. O campo base foi destruído. Não se sabe como vai ser a descida. Não sabe se resgate vai ser de helicóptero", disse o Alpinista, na manhã de sábado.
Família está confiante no senso se sobrevivência de Rosier
“A família está ansiosa por mais informações e também confiante no desfecho desta situação. Todos confiam na prudência e senso de sobrevivência do Rosier. Nossos mais profundos sentimentos a todos os familiares das vítimas desta terrível tragédia que atingiu o povo do Nepal”, encerra a nota publicada pela assessoria.
Esta é a segunda grande tragédia testemunhada pelo alpinista cearense no monte Everest. Em tentativa de escalada anterior, em abril do ano passado, a expedição foi surpreendida por uma grande avalanche, que deixou 12 mil mortos, incluindo integrantes de sua equipe.
Mapa mostra localização da tragédia que matou 2 mil pessoas no Nepal
Mapa Nepal TerremotoMapa Nepal TerremotoFonte: DN

Prefeito e Vice-Prefeito de Capistrano recebidos em audiência pelo Governador Camilo Santana

O Prefeito de Capistrano Claudio Saraiva e o Vice-Prefeito Rochinha acompanhados do Líder do governo na Assembléia Deputado Estadual Evandro Leitão, foram recebidos nesse sábado, 25 de abril às 13:00h. em audiência pelo Governador Camilo Santana no palácio abolição, sede do governo estadual.
Durante uma hora de conversa, ficou acertada a visita do Governador Camilo ao município para autorizar o início das obras da adutora do Açúde Pesqueiro a Capistrano, no valor de mais de 4 milhões e meio de reais. O dia da visita do Governador será divulgado nos próximos dias.
Ficou acertado também que o asfalto de algumas ruas da cidade será executado ainda este ano, bem como a recuperação de outros trechos.
O Governador Camilo solicitou ao Prefeito Claudio, que após terminar a elaboração do projeto de Saneamento básico da cidade de Capistrano, dê entrada na Cagece, para que seja iniciado os trabalhos de viabilização dos recursos. O Saneamento básico de Capistrano foi promessa de campanha de Camilo, por ocasião de sua visita ao município. O valor da obra ficará em torno de 15 a 20 milhões de reais.
Outros assuntos, como Poços Profundos, Praças, Calçamentos, Ampliação e reforma da Câmara, foram abordados pelo Prefeito Claudio e o Vice - Prefeito Rochinha.
O Governador Camilo Santana agradeceu o apoio recebido do Prefeito, Vice-Prefeito, Vereadores e aliados e pessoalmente, durante sua visita a cidade, vai agradecer os votos recebidos da população de Capistrano.

PRIMEIRO DUELO - Quem sairá na frente?

jog
O momento esperado por leoninos e alvinegros finalmente chegou: a decisão do Campeonato Cearense. Leão e Vovô iniciam hoje, às 16 horas, com a primeira de duas partidas no Castelão, a disputa pelo título tão cobiçado por motivos distintos.
Enquanto o Alvinegro quer conquistar seu segundo pentacampeonato estadual, o Tricolor luta para evitar a sequência do rival e claro, retomar a hegemonia do Estado, fatores que acirram ainda mais a rivalidade entre os dois.
Embora o clima seja de decisão, como não poderia deixar de ser, o ambiente que circunda Pici e Porangabuçu é diferente para a primeira partida.
Enquanto o Leão vem se preparando para o confronto desde o dia 17 de abril, quando eliminou o River/PI pela Copa do Brasil, o Ceará divide suas atenções com a decisão da Copa do Nordeste.
O Alvinegro atuou na última quarta-feira, quando bateu o Bahia em Salvador por 1 a 0 e ainda terá o 2ª jogo da decisão regional no meio de semana, ante do segundo Clássico-Rei, marcado para o dia 3 de maio.
Com preparações tão distintas, perguntas são inevitáveis. No Leão, pesará mais a preparação exclusiva para as finais - com seu elenco mais descansado - ou o time sentirá a falta de ritmo de jogo?
Já no Ceará, seus jogadores podem sentir hoje a maior sequência de jogos ou entrará em campo no embalo de duas decisões?
Para os alvinegros, o segunda opção é a mais provável, como analisa o vice-presidente Robinson de Castro. "O Fortaleza está mais descansado, treinando para nos enfrentar, pode ter em tese uma vantagem por isso, mas por estarmos em duas finais, o time do Ceará está, como se diz na gíria, pilhado, energizado, em ritmo de decisão. Vamos ver o que prevalece", disse ele. Já o técnico leonino, Marcelo Chamusca, não viu com bons olhos o período de dez dias de inatividade de seu time.
"Parar por mais de uma semana, eu nunca vejo como benefício, pois perdemos ritmo de jogo. Uma semana é suficiente para você recuperar, treinar e jogar. A gente tem que respeitar a situação do calendário, recuperar os jogadores na condição que tem e depois fazer uma semana boa de treino para partir bem para os dois jogos", disse o técnico.
Equilíbrio
Teorias à parte, uma vitória hoje para qualquer um deles, seria um passo para o título.
Para o Ceará, seria alargar a vantagem que já tem, por jogar por dois resultados iguais, devido ter melhor campanha geral. Para o Leão, é trazer a vantagem para si, e jogar por um empate no jogo de volta.
Para Marcelo Chamusca, mais do que uma vantagem, o objetivo é manter o equilíbrio nos dois jogos.
"A gente tem que montar uma estratégia que seja efetiva nos 180 minutos. Não adianta fazer um grande primeiro jogo e não ter equilíbrio e performance no segundo. Pelo regulamento, você precisa ter regularidade e, principalmente, eficiência nos 180 minutos. Sabendo do grau de dificuldade pela qualidade e organização do nosso adversário, mas apostando em fazer um grande jogo", disse ele.
Já o técnico do Vovô, Silas, confia no equilíbrio que seu time vem mostrando nos últimos jogos. "Nossa equipe vem numa crescente de resultados e mais do que isso, de atuação. Temos um sistema de jogo definido e os jogadores estão assimilando isso. O importante nesta decisão é jogar as duas partidas com equilíbrio e inteligência".
Desfalques
Enquanto o Leão não terá dois titulares importantes, o Vovô não terá três peças para o decorrer do jogo.
No Fortaleza, o zagueiro Lima e o volante Vinícius Hess, estão suspensos, entrando Genilson e Auremir em seus respectivos lugares, enquanto no Vovô, o meia Wescley, suspenso, além do zagueiro Sandro e o atacante William, lesionados, desfalcam a equipe.
Como se tratam de opções para o decorrer do jogo, o técnico Silas Pereira tem tudo para manter a equipe que venceu o Bahia na quarta-feira, mantendo Marinho no time titular.
Contrastando com os jogadores suspensos que perdeu, Marcelo Chamusca poderá utilizar dois atletas importantes no time titular, que se recuperaram de lesão recentemente: o volante Correa e o meia-atacante Daniel Sobralense.

jogojogo

Vladimir Marques
Repórter
(Colaborou Afonso Ribeiro)
Fonte: DN

Confira as principais notícias no Retrospectiva do Dia