Buscar

11 março 2015

Confira as principais notícias no Retrospectiva do Dia

Facebook remove status 'sentindo-se gorda' após petição pela internet

Após uma petição pela internet, o Facebook removeu nesta semana uma opção que permitia dizer "sentindo-se gorda" na rede social. O status aparecia na aba "O que você está fazendo?" do campo de postagens, e na tarde desta quarta-feira (11) não podia mais ser selecionada.
Liderada pela ONG Endangered Bodies, a campanha "Fat is not a feeling" (ser gordo não é um sentimento) juntou mais de 16 mil assinaturas, segundo o site The Verge, e disparou uma discussão na web sobre padrões de beleza.
De acordo com a petição, "[ser] gordo não é um sentimento. Gordura é uma parte natural do nosso corpo, não importa o seu peso. E todos os corpos merecem ser respeitados e cuidados".
Segundo a emissora de TV "CNBC", o próprio Facebook comentou na página da petição afirmando que iria retirar a opção. "Nós ouvimos da nossa comunidade que listar 'sentindo-se gorda' como uma opção de status pode reforçar uma imagem negativa do corpo, particularmente para pessoas que lutam contra distúrbios de alimentação. Por isso, vamos remover 'sentindo-se gorda' da lista de opções".
Postagem no Twitter comemora remoção do status 'sentindo-se gorda' do Facebook (Foto: Reprodução/Twitter/changeWomen)Postagem no Twitter comemora remoção do status 'sentindo-se gorda' do Facebook (Foto: Reprodução/Twitter/changeWomen)Fonte: G1

Professor de educação física é preso suspeito de assediar alunos, em GO

Professor de educação física é preso suspeito de assediar alunos, em Goianésia, Goiás (Foto: Divulgação/Polícia Civil)Professor assediava alunos por mensagens em redes sociais (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Um professor de educação física de 21 anos foi preso em Goianésia, no centro-oeste de Goiás, suspeito de assediar sexualmente, além de armazenar e divulgar imagens pornográficas de cinco alunos. Dentre as vítimas já identificadas estão duas meninas e três meninos. Todas tinham entre 11 e 13 anos e estudavam na mesma escola.
De acordo com a Polícia Civil, o caso foi descoberto depois que a mãe de uma das alunas do suspeito, uma garota que à época do crime tinha 11 anos, denunciou o professor por pedir fotos íntimas e encontros com a menina.
A aluna disse à polícia que o rapaz chegou a oferecer R$ 50 para que eles mantivessem uma relação sexual. A polícia também identificou que ele a obrigou a cometer atos libidinosos.
Os assédios ocorreram entre março e novembro do ano passado. Segundo a delegada responsável pelo caso, Poliana Bergamo, a escola onde ele trabalhava tomou conhecimento dos casos e o demitiu, mas a ocorrência só foi registrada na Polícia Civil em fevereiro deste ano.
O homem foi preso na terça-feira (10). De acordo com a polícia, na casa do professor foram encontrados CDs, DVDs, computador e cartas de alunos, que serão encaminhados à perícia.
“No inquérito estão anexadas 400 páginas de mensagens trocadas entre ele e as vítimas, pelo Facebook e Whatsapp. Nelas, ele envia fotos nuas dele próprio, vídeos de sexo e obriga os alunos a fazerem o mesmo”, afirmou ao G1 a delegada.
O homem já tinha trabalhado em outra escola no ano de 2013 e a investigação irá apurar se também há vítimas dele na outra unidade educacional.
O professor foi autuado por assediar crianças para praticar atos libidinosos, além de adquirir e divulgar registro de sexo explícito ou pornografia envolvendo criança ou adolescente e sem a autorização da vítima. Somadas, as penas pelos crimes podem chegar a 31 anos de prisão.
Fonte: G1

Ministério Público denuncia 13 pessoas por fraude no Seguro DPVAT

acidente canindéO Ministério Público do Estado do Ceará apresentou nesta quarta-feira (11) uma denúncia criminal contra 13 pessoas acusadas de fazerem parte de um esquema de fraude no Seguro DPVAT em Itapipoca e municípios vizinhos (Amontada, Uruburetama, Tururu e Trairi). As acusações são por associação criminosa, falsificação de documentos públicos, falsificação de documentos particulares, falsidade ideológica, falsidade ideológica qualificada, emissão de certificado ou atestado ideologicamente falso, inserção de dados falsos em sistema de informações, corrupção ativa, coação no curso do processo e estelionato.
A denúncia foi ajuizada pelo promotor de Justiça Francisco Lucídio de Queiroz Júnior e resulta de um trabalho de investigação que vem sendo desenvolvido pelo MPCE e pela Polícia Civil desde 2011. Nos últimos meses, a ocorrência de inúmeros casos suspeitos de fraude levou a uma intensificação das investigações, nas quais colaboraram também advogados e auditores da Seguradora Líder, consórcio de empresas que gerencia o Seguro DPVAT no Brasil.
De acordo com informações apuradas pelo delegado Marcos Aurélio Elias de França e sua equipe, ficou evidenciado que o esquema funcionava com a captação de pessoas que teriam se envolvido em acidentes e outras ocorrências não exatamente de trânsito, como, por exemplo, quedas. Elas eram aliciadas no hospital e acabavam sendo vítimas do golpe. Depois disso, o grupo falsificava documentos para ingressar com o pedido de indenização. Muitas das vítimas eram convencidas com a promessa de que receberiam o dinheiro de forma mais rápida, mas elas deveriam pagar à quadrilha um percentual que chegava a 50% do valor do seguro.
Segundo as investigações do MPCE, há também o envolvimento de médicos e outros profissionais de saúde, mas eles ainda não foram denunciados. O MPCE irá apresentar um aditamento para incluí-los no rol de acusados tão logo haja a conclusão de trabalhos complementares.
O promotor de Justiça Lucídio Queiroz faz um alerta às vítimas de acidentes que desejem receber o Seguro DPVAT, lembrando que não é necessário se sujeitar a agenciadores para receber a indenização.
“Operação Prêmio”
Três dos denunciados (Maria Aldeni Gonçalves do Nascimento, conhecida como “Loura do seguro”; Flávio Alves de Sousa; e Zeneide Praciano Castro) foram presos no último dia 24, durante a “Operação Prêmio”, executada com o objetivo de cumprir mandados de prisão e busca e apreensão em residências e escritórios de corretagem. Donos dos escritórios, os três são considerados os líderes da associação criminosa. Os mandados foram expedidos pelo juiz Gonçalo Benício de Melo Neto, da 2ª Vara de Itapipoca, no dia 23 de fevereiro. Ele também ordenou a interdição temporária dos referidos escritórios.
Além da apreensão de um vasto material, durante a operação outras 8 pessoas foram presas em flagrante, mas já estão em liberdade. Já Maria Aldeni Gonçalves do Nascimento, Flávio de Sousa e Zeneide Castro continuam presos – ele em Itapipoca e as duas no Instituto Penal Feminino Auri Moura Costa, em Fortaleza. Elas foram transferidas depois que o MPCE e a Polícia interceptaram mensagens em que determinavam ao restante da quadrilha que continuassem com o esquema de fraude independente da prisão dos três.
Fonte: Ceará Agora

STF vai discutir ensino religioso nas escolas públicas

ensino-religioso Supremo Tribunal Federal (STF) convocou audiência pública, no dia 15 de junho, para debater o ensino religioso nas escolas públicas. A audiência foi convocada pelo ministro Luís Roberto Barroso, relator da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI), na qual a Procuradoria-Geral da República (PGR) pede que a Corte reconheça que o ensino religioso é de natureza não confessional, com a proibição de admissão de professores que atuem como “representantes de confissões religiosas”.
Para participar da audiência, os interessados devem enviar e-mail para o endereço eletrônico ensinoreligioso@stf.jus.br até o 15 de abril. Na mensagem, deve constar a qualificação da entidade ou especialista, currículo resumido e um sumário das posições que serão defendidas no evento.  Os critérios de seleção dos participantes serão de acordo com a representatividade da entidade religiosa, qualificação do expositor e distribuição de pluralidade.
Além das inscrições de participantes, o ministro decidiu convidar diretamente 12 entidades envolvidas  no assunto, como a Confederação Israelita do Brasil (Conib); Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB); Convenção Batista Brasileira (CBB); Federação Brasileira de Umbanda (FBU); Federação Espírita Brasileira (FEB); Federação das Associações Muçulmanas do Brasil (Fambras); Igreja Assembleia de Deus, Liga Humanista Secular do Brasil (LIHS); Sociedade Budista do Brasil (SBB) e Testemunhas de Jeová.
A ação da PGR foi proposta pela então vice-procuradora Débora Duprat em 2010. Segundo entendimento da procuradoria,  o ensino religioso só pode ser oferecido se o conteúdo programático da disciplina consistir na exposição “das doutrinas, das práticas, das histórias e da dimensão social das diferentes religiões”, sem que o professor tome partido.
Segundo a procuradora, o ensino religioso no país aponta para a adoção do “ensino da religião católica” e de outros credos, fato que afronta o princípio constitucional da laicidade. O ensino religioso está previsto Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional e no Decreto (7.107/2010), acordo assinado entre o Brasil e Vaticano para ensino da matéria.
Fonte: Ceará Agora

Presidente do Senado ataca Planalto e diz que governo Dilma 'envelheceu'

Renan Calheiros
Renan Calheiros foi um dos incluídos na lista do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, entre os políticos que serão investigados na Operação Lava Jato
ANTONIO CRUZ/AGÊNCIA BRASIL
Depois de sinalizar uma trégua com o governo ao costurar acordo para a correção da tabela do Imposto de Renda, o presidente do SenadoRenan Calheiros (PMDB-AL), voltou nesta quarta (11) sua artilharia para o Palácio do Planalto ao afirmar que o governo "envelheceu".
Renan disse que os problemas entre oExecutivo e o PMDB, seu principal aliado no Congresso, não foram solucionados com o acordo em torno da medida provisória do IR.
"Eu acho que do ponto de vista da aliança, não se resolveu nada. Evidente que eu não falo pelo partido, eu falo pelo Congresso Nacional. A coisa da aliança, ela precisa ter um fundamento. Esse governo parece que envelheceu. Mas esse aí é outro assunto que está sendo tratado por outra instância do partido", atacou Renan.
O presidente do Senado disse que, na semana passada, houve uma "inversão" da relação do Senado com o Executivo após ele devolver à presidente Dilma Rousseff medida provisória que promoveu desonerações na folha de pagamento. "Nós devolvemos a medida provisória e hoje foi editada medida provisória [do Imposto de Renda] como produto da conversa com o Congresso", disse Renan, numa cobrança por maior diálogo com o Planalto.
O peemedebista reafirmou que "ninguém substitui o Congresso Nacional" e prometeu zelar pelas prerrogativas do Legislativo "até o último limite".
"A MP foi uma solução construída pelo Congresso. O governo editou uma medida provisória como produto dessa negociação. A relação do Congresso com o governo vai ser sempre uma relação institucional porque o Congresso cada vez mais vai ser Congresso."
Veto
Renan e o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), foram os principais fiadores do acordo que resultou na edição de medida provisória com a correção escalonada do imposto. Apesar dos atritos com o Planalto, o PMDB entrou em cena para evitar a derrubada do veto de Dilma à correção de 6,5% na tabela do IR.
Os congressistas, incluindo aliados do Planalto, prometiam derrubar o veto na sessão marcada para esta quarta. Com o acordo, o PMDB prometeu mobilizar sua base e partidos governistas para manter o veto. Em troca, o governo cedeu a correção de 6,5% para as faixas de renda mais baixas. Os que têm maior faixa de renda terão correções menores, entre 5,5% e 4,5%.
Apesar da aparente trégua, nos bastidores peemedebistas continuam manifestando irritação com o governo, em especial ao tratamento dispensado por Dilma ao PMDB.
Lava Jato
Renan e Cunha foram incluídos na lista do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, entre os políticos que serão investigados na Operação Lava Jato.
O fato irritou a cúpula do PMDB e do Congresso, o que provocou a subida de tom do presidente do Senado contra o Planalto. Os peemedebistas não receberam apoio público do governo, nem do PT, o que apimentou a crise entre os poderes.
Fonte: DN

PSDB dá 'apoio irrestrito' a protestos e estimula militantes; Aécio não vai

aécio
Para Aécio, Dilma precisa pedir desculpas aos brasileiros.
O senador Aécio Neves (PSDB-MG) afirmou nesta quarta (11) que o PSDB dá apoio "irrestrito" aos atos antigoverno marcados para o próximo dia 15 (domingo) e estimula seus militantes a comparecerem –mas que ele próprio não estará nas ruas.
"O PSDB está divulgando nota de irrestrito apoio às manifestações", disse. "Estamos estimulando que nossos companheiros estejam participando da forma que acharem mais adequada. Mas para não caracterizar esse movimento como algo partidário -quanto menos menos partidário ele for, mais expressivo e mais consistente ele será-, o PSDB estará nas ruas através de seus militantes, mas sem a presença institucional de seu presidente."
Segundo Aécio, ele optou por não ir para "não dar força a esse discurso de que nós estamos vivendo um terceiro turno no Brasil", um "discurso que não é verdadeiro", disse.
Para o senador, o apoio da sigla às manifestações não pode ser entendido como um apoio aos pedidos de impeachment da presidente Dilma Rousseff.
"Não [é um apoio ao impeachment]. Não proibimos nem estamos proibidos de dizer a palavra impeachment. Ela apenas não está na agenda do PSDB. Essa não é, nesse momento, a agenda do PSDB."
CUT
Sobre a outra série de atos, convocada pela CUT para a próxima sexta-feira (13), Aécio disse que eles indicam um governo "perdido".
"Estamos vendo um governo tão perdido que setores dele próprio articulam manifestações. É algo no mínimo extremamente arriscado. Não conheço na história da democracia brasileira momento em que o governo convoca a população a ir as ruas. Com uma exceção apenas: quando o presidente Collor fez isso, e nós assistimos o resultado."
Aécio se referiu a quando o hoje senador Fernando Collor de Mello (PTB-AL), vivendo aguda crise durante sua Presidência, pediu às pessoas que fossem às ruas vestidas de verde e amarelo, gerando uma resposta contrária -a população foi às ruas de preto para protestar. A reação acelerou seu processo de impeachment.
Para Aécio, Dilma precisa pedir desculpas aos brasileiros.
"Enquanto a presidente da República não vier a público fazer a sua "mea-culpa", pedir desculpas à população brasileira pelo descalabro moral de seu governo, pelos gravíssimos equívocos na condução das políticas na área de energia e no conjunto da economia, certamente ela estará se distanciando cada vez mais do sentimento da população brasileira."
Fonte: DN

UVC - Vereadores de Mauriti declaram apoio a Hérberlh Mota

A caminhada rumo à vitória seguiu na noite da terça,10. A comitiva da‪#‎AUVCédosVereadores‬ foi recebida com muito carinho pelos Vereadores e Vereadoras da Câmara Municipal de Mauriti. Na ocasião, o candidato a presidente da UVC Hérberlh Mota, recebeu o apoio de todo o parlamento mauritiense, que deseja uma entidade ainda mais independente, feita por Vereadores e para Vereadores. ‪#‎HérberlhPresidente‬ ‪#‎EleiçõesUVC‬‪#‎CaririQuerHérberlhPresidente‬ ‪#‎UVC‬

MPF quer suspender corte em benefícios a estudantes da Unilab

foto_
FOTO: VIVIANE PINHEIRO
O Ministério Público Federal no Ceará (MPF-CE) ingressou com ação na Justiça Federalcontra a Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) para suspender o corte no valor de benefícios do Programa de Assistência ao Estudante (Paes). Segundo o MPF, a redução não tem amparo legal e está prejudicando 361 alunos do curso de Bacharelado em Humanidades.
Em um comunicado, a Unilab informou que a partir de janeiro de 2015, o pagamento dos auxílios do Paes seriam reajustados para menos em relação aos estudantes que também são beneficiários do Programa Bolsa Permanência (PBP), sob a responsabilidade do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Os estudantes de Humanidades preenchiam os pré-requisitos para serem atendidos pelos dois programas e vinham recebendo acumuladamente benefícios do Paes e do PBP.
A procuradora da República Nilce Cunha Rodrigues, autora da ação, sustenta que os universitários podem receber acumuladamente os benefícios e que é ilegal a decisão da universidade de reduzir valores. A procuradora alerta para os graves impactos financeiros e psicológicos causados aos estudantes e que afetam o desempenho acadêmico deles.
O MPF instaurou procedimento para apurar o caso a partir de denúncia feita pelo Centro Acadêmico da Unilab. Na ação, além do pedido de liminar para suspender imediatamente a medida adotada pela universidade, há também pedido para a condenação da instituição ao pagamento dos danos materiais e morais aos estudantes que foram prejudicados.
A universidade afirmou, em nota, que não foi oficialmente notificada e, só após isso, poderá se posicionar. De antemão, disse está está à disposição para prestar todos os esclarecimentos que forem necessários ao Ministério Público Federal ou a qualquer outro órgão.

Hérberlh Mota participou de café da manhã com os Vereadores e Vereadoras do Cariri


Na manhã desta quarta, 11, o Vereador Hérberlh Mota, candidato a presidente da UVC , participou de café da manhã com os Vereadores e Vereadoras do Cariri. Herberlh reafirmou seu compromisso em fortalecer a independência da classe no Ceará, a regionalização dos debates da entidade e a construção da sede própria da UVC. 
Participaram do café Vereadores e Vereadoras dos municípios de Mauriti, Brejo Santo, Jardim, Milagres,Barro, Tauá e Morada Nova.

Colisão entre ônibus e caminhão deixa 3 pessoas feridas na BR-230

Onibus
As causas do acidente ainda são desconhecidas
FOTO: VC REPÓRTER
Um ônibus de viagem da empresa Guanabaracolidiu na traseira de um caminhão, na madrugada desta quarta-feira (11), no km 90 da BR-230, nas proximidades do município cearense de Várzea Alegre. Devido oimpacto, a cabine do veículo ficou destruída.
Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF-CE), três pessoas, incluindo os condutores dos veículos, ficaram feridas. Eles foram socorridos por ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para o Hospital Regional da cidade.
Uma equipe da Unidade Operacional (UOP) de Icó também foi ao local para realizar os procedimentos de fiscalização da via. As causas do acidente ainda são desconhecidas. 
Este é o segundo acidente envolvendo ônibus nas rodovias federais em pouco mais de 24h.Na madrugada da última terça-feira (10), o ônibus da banda Garota Safada tombou no Km 81 da BR-222, em São Luis do Curú, deixando 14 pessoas feridas.. 
Fonte: DN

José Mayer e Kléber Toledo se beijam em cena de Império

O capítulo que foi ao ar nesta terça-feira (10) mostrou o beijo entre os personagens Cláudio (José Mayer) e Léo (Kléber Toledo), que vivem um casal homossexual na novela 'Império'. O selinho aconteceu durante a festa de casamento de Cristina (Leandra Leal) e Vicente (Rafael Cardoso).
José Mayer e Kléber Toledo se beijam em cena de Império
A cena já estava sendo comentada antes da novela começar. Na época, uma publicação do jornal 'O Dia', afirmou que eles dariam um um beijo casual, comum em toda relação. Ainda segundo a reportagem, as cenas seriam quentes e ousadas e que eles não iriam apenas insinuar uma atração, iriam se declarar abertamente e trocar carícias.
Na semana da gravação, Klebber Toledo postou uma foto ao lado do ator José Mayer nas redes sociais. "Todo o meu respeito e admiração por esse parceiro querido". Após postar a foto, os seguidores vibraram para que o casal ficasse junto no final. "Grandes atores. To torcendo pro 2 personagens ficarem juntos", disse um. "Vocês estão fazendo um ótimo trabalho..!", disse outra.
Este foi o segundo beijo entre homens que a TV Globo exibiu em novelas. O primeiro aconteceu em Amor à vida, de Walcyr Carrasco, que terminou em 2014. Os personagens Niko (Thiago Fragoso) e Félix (Mateus Solano) protagonizaram a cena histórica.
Foto: Reprodução/Instagram
Fonte: CORREIO

Cid Gomes foge do depoimento na Câmara e se interna no Sírio Libanês


O ministro da Educação, Cid Gomes, se internou na noite desta segunda-feira (10) no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, para não prestar depoimento em sessão marcada para 15h de hoje na Câmara dos Deputados.

Segundo informações publicadas no Estado de S. Paulo, Cid teria passado mal durante à noite. No site da Agência Câmara já está publicada informação de que o ministro não virá mais ao Plenário da Casa.

Ele teria que explicar a declaração em que se referiu a deputados como "achacadores" do governo. O Ministério da Educação enviou comunicado ao presidente da Casa, Eduardo Cunha, informando que Cid Gomes está internado desde ontem no hospital Sírio-Libanês. Não foi explicado, porém, o motivo da internação.

Para o líder do DEM, deputado Mendonça Filho (PE), o ministro tem de vir ao Congresso para apontar quem seriam os "achacadores" a que se referiu. Caso contrário, ofende todos os parlamentares. "Ele tem de dizer ao Brasil quem achacou, de que forma isso aconteceu e em que circunstâncias", disse.

O último ministro convocado para falar no Plenário da Câmara foi Antônio Cabrera, titular da pasta da Agricultura em 1991. Ele falou sobre os efeitos do Plano Collor 2 no setor rural.

STF notifica o ministro

Nesta terça-feira (10) o ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), notificou o ministro da Educação, Cid Ferreira Gomes, para que responda, no prazo de dez dias, querendo, à interpelação judicial com pedido de explicações (PET 5557) apresentada pelo deputado federal Raul Jungmann (PPS/PE). A notificação foi expedida nesta terça-feira (10).

Na interpelação, Jungmann pede esclarecimentos sobre declarações atribuídas a Cid Gomes e divulgadas no “blog” do jornalista Josias de Souza, sob o título “Câmara tem ‘uns 400, 300 deputados achacadores”. Segundo o deputado pernambucano, tais afirmações “poderiam configurar, em tese, o crime de injúria”, previsto no artigo 140 do Código Penal, por se tratar se acusação genérica, sem explicar quem são os “300 ou 400 deputados federais”.

Ao analisar a interpelação, o ministro Celso de Mello salienta a competência penal originária do STF para processar pedido de explicações em juízo contra ministro de Estado, formulado com apoio no artigo 144 do Código Penal, uma vez que se trata de autoridade com prerrogativa de foro no Supremo Tribunal Federal.

*Atualizado 11h19.

Fonte: CN7

Beneficiários do Bolsa Família têm até sexta-feira para fazer Revisão Cadastral


O prazo para revisão cadastral do Bolsa Família, referente a 2014, termina na próxima sexta-feira (20).

Toda família beneficiária do programa precisa fazer a atualização dos dados a cada dois anos, o que garante que o benefício é pago a quem mais precisa.

As famílias que não fizerem a revisão até dia 20 de março terão o benefício cancelado a partir do pagamento do mês de abril.

Para atualizar as informações, o titular do benefício – que tem o nome escrito no cartão de pagamento do programa – deve procurar o setor responsável pelo programa na sua cidade.

É preciso levar os documentos obrigatórios (CPF ou título de eleitor) e algum documento dos familiares, como carteira de identidade, certidão de nascimento das crianças e carteira de trabalho ou de habilitação.


Fonte: CN7

Garota Safada: Após acidente, integrantes da banda passam por cirurgias

Garota Safada: Após acidente, integrantes da banda passam por cirurgias
Na madrugada desta última terça-feira (10) um acidente com o ônibus da banda de forró Garota Safada, que tombou na estrada da cidade de São Luiz do Curu, a 79 Km de Fortaleza, no Ceará, deixou ao menos 18 pessoas feridas, com 4 vítimas em estado grave.
Entre os feridos, além da equipe, estavam também membros da banda. Segundo informações do portal EGO nesta tarde, o Instituto Dr. José Frota (IJF) divulgou o boletim médico com informações dos 14 pacientes que deram entrada no hospital após o acidente. Vale ressaltar que vocalista Wesley Safadão não viajava no ônibus. "Ele viaja só de carro ou de jato. A banda chega antes para organizar tudo para o show", explicou seu assessor de imprensa.
"Assim que soube, ele mesmo ligou para os familiares de vários músicos", completou o assessor. Uma apresentação estava marcada para esta terça, e obviamente foi cancelada. "Só vai ter show quando todo mundo tiver condições", afirmou o assessor.
John Jhones de Melo Veloso, integrante da banda, foi uma das vítimas com caso mais grave, tendo sofrido esmagamento em uma das mãos, precisando ser submetido a uma cirurgia. Outras três pessoas também devem passar por procedimentos cirúrgicos.
"A Assessoria de Comunicação do Instituto Dr. José Frota (IJF) informa que, até o momento, deram entrada 14 pacientes no hospital referente ao acidente envolvendo integrantes da Banda Garota Safada. Os nomes dos pacientes são:
João Paulo Ferreira de Lemos - realizou exames e está em observação. Robson Bezerra da Costa - vai passar por cirurgia. Sofreu fratura exposta no ombro direito. Itaro Silva – vai passar por cirurgia. Sofreu lesão no pé direito.  Ítalo Cleryston Alves – está passando por exames. Em observação. John Jhones de Melo Veloso - Já passou por cirurgia. Sofreu esmagamento de mão e está na Sala de Recuperação do IJF.  José Aldísio Oliveira - está passando por exames. Em observação. Eduardo Pereira Bento - Recebeu alta. Francisco Lúcio Sousa da Silva – Vai passar por cirurgia. Sofreu fratura exposta no braço direito. Lucivan Sousa da Silva - está passando por exames. Em observação. Sandro Soares da Silva - está passando por exames. Em observação. Marcos José dos Santos Rodrigues - está passando por exames. Em observação. Paulo Ricardo - está passando por exames. Em observação. Ederson de Lima Cardoso - está passando por exames. Em observação. Eleandro Rodrigo - está passando por exames. Em observação", diz o boletim médico.

O acidente

Conforme informações da Polícia Rodoviária Federal do Ceará (PRF-CE), o ônibus da banda de forró tombou na BR-222, na altura do quilômetro 82, quando a banda deixava Fortaleza em direção ao Piauí.
O portal do jornal Diário do Nordeste apontou ainda que os integrantes da banda que estão em estado grave foram atendidos no local e levados ao Hospital Instituto José Frota (IJF). Outros feridos foram encaminhados aos hospitais dos municípios de Umirim, Itapipoca e São Gonçalo do Amarante.
Com informações dos portais A Tarde e EGO.


Leia mais: http://www.diario24horas.com.br/noticia/39115-garota-safada-apos-acidente-integrantes-da-banda-passam-por-cirurgias#ixzz3U5KGgfUU

Prazo para multa de extintor antigo deve ser adiado em mais 90 dias

Após o adiamento da exigência do uso dos extintores do tipo ABC em veículos no início do ano, o Ministério das Cidades informou que o prazo para a cobrança de multas deve ganhar mais 90 dias para seu início. Novo pedido já foi encaminhado ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) pelo ministro, Gilberto Kassab.
De acordo com o ministério, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicará uma nova resolução que revogará o último prazo, previsto para começar em 1º de abril e ainda não foi definida uma nova data para seu início. O motivo do pedido foi a dificuldade enfrentada por consumidores para encontrar o item nas lojas,mesma causa o adiamento no começo de 2015.
O descumprimento da regra resultaria em multa de R$ 127,69, 5 pontos na carteira de habilitação e retenção do veículo para regularização.
Validade do extintor deve ser verificada (Foto: Karla Cabral/G1)Extintor veicular ABC (Foto: Karla Cabral/G1)
Quem precisa trocar?
O extintor ABC, que combate incêndio em um maior número de materiais que o antigo, começou a equipar carros mais novos a partir de 2009. Com validade de 5 anos, já está presente em grande parte dos veículos, ou seja, quem tem carro produzido depois do 2º semestre de 2010 não precisa trocar.
A mudança na lei ocorreu porque o extintor antigo, do tipo BC, é recomendado para materiais como líquidos inflamáveis e equipamentos elétricos. O ABC, além destes, também é capaz de combater incêndios em madeira e tecidos, materiais comuns em carros.
Fonte: G1

CIDADE ALERTA - Ônibus da banda de Wesley Safadão tomba em rodovia do Ceará

Ônibus da banda de Wesley Safadão tomba em rodovia do Ceará

O ônibus da banda Garota Safada seguia para a cidade de Luzilândia (PI), quando tombou em uma rodovia, durante a madrugada. 28 pessoas estavam no veículo. 14 pessoas ficaram feridas e foram levadas para um hospital de Fortaleza. Após o acidente, o músico enviou uma mensagem tranquilizando os fãs. Veja!

IJF divulga boletim sobre músicos da banda Garota Safada

Durante a tarde desta terça-feira (10), o Instituto Dr. José Frota (IJF), emitiu um boletim sobre o estado de saúde de 14 músicos, integrantes da banda de forró Garota Safada.
Até o momento, apenas um paciente recebeu alta. Os demais passarão por cirurgia ou seguem em estado de observação. 
De acordo com a PRF, o veículo estava acima da velocidade, no momento em que o acidente aconteceu. O cantor Wesley Safadão divulgou um vídeo, agradecendo o apoio dos fãs e tranquilizando familiares das vítimas. 
Confira o estado de saúde dos pacientes:
João Paulo Ferreira de Lemos - realizou exames e está em observação.
Robson Bezerra da Costa - vai passar por cirurgia. Sofreu fratura exposta no ombro direito.
Itaro Silva – vai passar por cirurgia. Sofreu lesão no pé direito.
Ítalo Cleryston Alves – está passando por exames. Em observação.
John Jhones de Melo Veloso - Já passou por cirurgia. Sofreu esmagamento de mão e está na Sala de Recuperação do IJF.
José Aldísio Oliveira - está passando por exames. Em observação.
Eduardo Pereira Bento - Recebeu alta.
Francisco Lúcio Sousa da Silva – Vai passar por cirurgia. Sofreu fratura exposta no braço direito.
Lucivan Sousa da Silva - está passando por exames. Em observação.
Sandro Soares da Silva - está passando por exames. Em observação.
Marcos José dos Santos Rodrigues - está passando por exames. Em observação.
Paulo Ricardo - está passando por exames. Em observação.
Ederson de Lima Cardoso - está passando por exames. Em observação.
Eleandro Rodrigo - está passando por exames. Em observação.
Fonte: CNEWS