Buscar

27 janeiro 2015

2º escalão do governo Camilo deve ser definido até sexta-feira

Camilo Santana acompanhou o ministro da Educação e ex-governador do Ceará, Cid Gomes (Pros), durante inauguração da sede do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE)
Os nomes que irão compor o segundo escalão do Governo do Estado devem ser anunciados até o próximo dia 30 de janeiro, assegurou o governador Camilo Santana (PT). Segundo o petista, o novo gestor da Controladoria-Geral de Disciplina (CGD), cujo nome já estaria definido, também deve ser conhecido na sexta-feira.

Camilo acompanhou, ontem, o ministro da Educação e ex-governador do Ceará, Cid Gomes (Pros), durante inauguração da sede do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), em Itapipoca (147 km de Fortaleza). O governador também respondeu sobre ações estaduais de convivência com a seca.

Desde que anunciou o primeiro escalão do seu governo, Camilo tem conversado com secretários, deputados estaduais eleitos e lideranças partidárias para alinhar as ações de sua gestão. 

Sob comando provisório, empresas e órgãos públicos do Ceará passam por “transição prolongada” sem a indicação dos novos gestores. 

Cargos
Conforme O POVO antecipou ontem, o novo titular da CGD deve ser um delegado federal. A informação foi dada pelo secretário da Segurança Pública, Delci Teixeira, na última semana. Camilo disse que o novo gestor do órgão stá definido, mas não deu detalhes. 
A expectativa é de que o grupo do segundo escalão tenha padrão mais “técnico”, já que o perfil político predominou na indicação de titulares. Contudo, a lista de aliados políticos, remanescentes de uma coligação com 18 partidos, pode pesar na definição. Legendas como PRTB, PEN e PV não foram contempladas com cargos no primeiro escalão.

Entre os órgãos que aguardam definição, estão a Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) e a Superintendência de Obras Hidráulicas do Estado (Sohidra), importantes para o planejamento de convivência com a seca.

Sobre as ações que deve adotar diante do prognóstico da Funceme de chuvas abaixo da média pelo quarto ano consecutivo, Camilo ressaltou que o Governo formou um grupo de trabalho que deve apresentar um plano para a seca no Ceará em 2015.

Em relação à possibilidade de racionamento de água nos municípios cearenses, incluindo a Capital, o governador falou que a decisão dependerá da análise do grupo de trabalho.

O prazo para a divulgação do plano, no entanto, ainda não está definido. De acordo com o prognóstico da Funceme, o Ceará tem 64% de chances de ter mais um ano de seca.

Multimídia

Assista a vídeo da visita a Itapipoca www.opovo.com.br/videos

Saiba mais

Cid Gomes evitou temas políticos durante a visita a Itapipoca, como as eleições de 2016 e as ações do governo na segurança.

A inauguração da sede do IFCE contou com lideranças políticas como o senador José Pimentel (PT), os deputados federais José Guimarães (PT) e André Figueiredo (PDT), o secretário de Ciência e Tecnologia do Estado, Inácio Arruda, o presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (Pros), o deputado estadual, Elmano de Freitas (PT) e outros.

Com a sede de Itapipoca, o IFCE chega a 26 campi, com mais sete unidades a serem implantadas até 2016. O reitor do IFCE, Virgílio Araripe, ressaltou que até março a unidade fará processo seletivo para Edificação e Mecânica.
Fonte: O POVO

Inscrições para o Mais Médicos terminam nesta quinta

Médicos brasileiros têm prioridade
Até os dias 28 e 29de janeiro, respectivamente, 1.500 municípiosbrasileiros e médicospoderão aderir ao programa Mais Médicos.

O novo edital abre a oportunidade para os municípios ainda não atendidos pelo programa, com prioridade para as cidades de maior vulnerabilidade social e econômica, e ainda garante a inclusão de 100% das vagas do Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica (Provab).

A confirmação de participação, bem como a realização da inscrição ainda podem ser feitas por meio do site http://maismedicos.saude.gov.br.

Novidades

Priorizados no programa, os médicos brasileiros terão três oportunidades de escolher o município onde podem atuar. A concorrência será determinada, mediante a escolha dos municípios, e, caso não seja possível alocação, o candidato passará a ter acesso às vagas remanescentes.

Os candidatos brasileiros também terão a chance de escolher entre os benefícios do Mais Médicos ou 10% nas provas de residência do país. Caso restem vagas, o edital será aberto para brasileiros formados no exterior e, em seguida, para os profissionais estrangeiros.

Municípios economizam cerca de R$ 19 milhões após cortes

Pelo menos 25 prefeituras do Ceará deixarão de promover festas de Carnaval com recursos próprios em 2015. Destas, 22 estão em situação de emergência por causa da seca, segundo decreto publicado pelo Governo do Estado em novembro do ano passado. 
 As informações integram um balanço parcial doTribunal de Contas dos Municípios (TCM), feito entre os dias 19 e 23 de janeiro, após visita a 47 municípios cearenses.
Os cortes devem representar uma economia de cerca de R$ 19 milhões para os cofres públicos em um ano em que os municípios do Interior são castigados pela estiagem.
Apesar da recomendação do TCM para que gestores não priorizem recursos públicos com eventos carnavalescos, 16 municípios destinarão verba para a folia. Outras seis cidades ainda analisam a possibilidade de realizar a festa.

Esses recursos seriam destinados ao patrocínio de bandas, trios elétricos, montagem de palco e apoio financeiro a escolas de samba ou blocos de rua.
De acordo com o TCM, as prefeituras escolhidas para a visita dos técnicos estão em situação de emergência ou em estado de calamidade em razão da seca.
Até ontem presente na lista publicada pelo órgão que traz as cidades que ainda avaliam manter o gasto com as festas, o município de Maracanaú confirmou ontem ao O POVO que cancelará o Carnaval deste ano. Com isso, o município estima economia de R$ 2 milhões. 
Contenção
O balanço preliminar aponta ainda um gasto de R$ 6,5 milhões nas cidades visitadas pelos oito técnicos do TCM. Em relação ao ano passado, quando o TCM visitou 52 municípios, cerca de R$ 23,5 milhões foram declarados como despesas no evento. A redução é de 72%. Neste ano, porém, o órgão visitou cinco cidades a menos.


O TCM ainda analisa os documentos obtidos das administrações municipais que permitirão à Diretoria de Fiscalização formalizar relatórios retratando as situações de cada município, incluindo as possíveis irregularidades.
Em 2014, após visita às 52 cidades, foram instaurados 44 processos, que resultaram em 39 tomadas de contas especiais - exigência da prestação de contas do evento pelo município.
Neste ano, todos os prefeitos receberam a recomendação do TCM de que os gastos com o Carnaval “não são prioritários”. Em comparação ao último decreto estadual, 176 municípios estão em estado de emergência em decorrência da seca.

 NÚMEROS
72%
é o percentual representado pelo corte dos gastos com Carnaval

25
é o número de municípios que cancelaram o Carnaval

Fonte: O POVO

Justiça volta a suspender empréstimo para Prefeitura de Juazeiro do Norte


O juiz substituto da 2ª Vara Cível da Comarca de Juazeiro do Norte, José Acelino Jácome de Carvalho, concedeu decisão liminar ao vereador Tarso Magno (PR), em Ação de Mandato de Segurança contra a Prefeitura e a Câmara Municipal.

Na ação o vereador pediu, em regime de urgência, a suspensão dos efeitos legais da sessão que aprovou o Projeto de Lei 69/2014, de iniciativa do Executivo, que prevê a contratação de empréstimo, junto à instituição financeira, no valor de R$ 22 milhões.

A decisão, divulgada nessa segunda-feira (26), suspende os efeitos da votação da Câmara até que seja julgado o mérito da ação sobre a violação às exigências contidas no Regimento Interno da Casa.

Com a decisão a prefeitura fica proibida de contratar o empréstimo dentro do Programa de Modernização da Administração Tributária e de Gestão e dos Setores Sociais Básicos (PMAT), até que se decida pela regularidade do processo legislativo.

Na decisão o juiz José Acelino citou a necessidade do projeto ser submetido à Comissão de Orçamento, Finanças e Fiscalização. Para o juiz a documentação acostada à ação demonstra a inobservância de requisitos necessários à formação do projeto, ainda, no seu nascedouro no Poder Legislativo.

A presidência da Câmara e o representante legal da Prefeitura de Juazeiro do Norte têm 10 dias para se manifestarem sobre a decisão.


Fonte: http://www.cearanews7.com.br/ver-noticia.asp?cod=24185

Parcela única do IPVA 2015 vence nesta sexta-feira


Para os contribuintes que querem pagar o IPVA 2015 de forma integral, e com desconto de 5% no tributo, o prazo segue somente até esta sexta-feira (30). Esse ano o pagamento será feito prioritariamente, por meio eletrônico. Os boletos do imposto encontram-se disponíveis no site da Secretária da Fazenda (www.sefaz.ce.gov.br).

Já o contribuinte que optar por parcelar o desembolso - sem nenhum abatimento especial - deverá pagar as parcelas, que não podem ser inferiores a R$ 50,00, nos dias 13 de fevereiro, 13 de março, 13 de abril e 13 de maio de 2015, em prestações iguais.

Como em 2014, o IPVA 2015 poderá ser pago nos cartões de crédito vinculados ao Banco do Brasil ou Bradesco. De acordo com o secretário Mauro Filho, a redução do IPVA decorre da política de desoneração gradual da carga tributária no Estado, bem como da alteração no conceito de alguns modelos.

Em 2015, 1.990.863 veículos foram tributados, com uma previsão de arrecadação de R$ 661,8 milhões.  A rede arrecadadora do IPVA inclui o Banco do Brasil, a Caixa Econômica, o BNB, Bradesco, casas lotéricas e farmácias Pague Menos.

*Com informações da Assessoria da Sefaz.

Fonte: http://www.cearanews7.com.br/ver-noticia.asp?cod=24195

Valores bloqueados na Operação Lava Jato chegam a R$ 120 milhões


O valor bloqueado pela Operação Lava Jato já chega a quase R$ 120 milhões em contas e aplicações financeiras de 16 investigados e três empresas. O levantamento foi feito pelo juiz Sérgio Moro e ainda não conta com o montante encontrado no exterior. Somente o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa tinha US$ 26 milhões em contas na Suiça e nas Ilhas Cayman.

Os valores bloqueados, ao decorrer do processo, são depositados em uma conta judicial. Em caso de comprovação do crime, a vítima, no caso, a Petrobras, é ressarcida. Se houver mais dinheiro do que o prejuízo apurado, o que pouco provável, o restante é repassado à União. Valores mantidos em ações também ainda não foram apurados, mas os papeis estão bloqueados.

Confira a lista:

Gerson de Mello Almada, vice-presidente da Engevix - R$ 37.501.580,02

Ildefonso Colares Filho, ex- presidente da Construtora Queiroz Galvão - R$ 18.143.300,59

Agenor Franklin Magalhães Medeiros, presidente da área internacional da OAS - R$ 11.999.872,86

Erton Fonseca, presidente da divisão industrial da Galvão Engenharia - R$ 9.064.215,67

Technis - R$ 6.643.516,19

Hawk Eyes - R$ 6.565.741,41

Eduardo Hermelino Leite, vice-presidente Camargo Corrêa - R$ 4.728.421,16

Renato Duque, ex-diretor de Engenharia e Serviços da Petrobras - R$ 4.045.446,63

João Ricardo Auler, presidente do Conselho de Administração da Construções e Comércio Camargo Correa - R$ 2.783.400,41

Othon Zanoide de Morais Filho - Diretor-de desenvolvimento comercial da Vital Engenharia,do Grupo Queiroz Galvão - R$ 1.148.552,68

Sérgio Cunha Mendes, Vice-Presidente Executivo da Mendes Júnior Trading Engenharia - R$ 734.615,62

José Ricardo Breghirolli, funcionário da OAS - R$ 691.177,12

Walmir Pinheiro Santana, diretor da UTC - R$ 663.964,87

Dalton Avancini, presidente da Camargo Corrêa Construções e Participações - R$ 151.647,42

D3TM - R$ 151.647,42

José Aldemário Pinheiro Filho, presidente da OAS- R$ 67.903,99

Valdir Lima Carreiro, diretor da UTC - R$ 32.366,77

Fernando Falcão Soares, representante de vendas, apontado como lobista - R$ 8.873,79


Fonte: http://www.cearanews7.com.br/ver-noticia.asp?cod=24193

MEC divulga aprovados no Sisu 2015

Site do Sisu traz todas as listas de aprovados (Foto: Reprodução/Inep)Site do Sisu traz todas as listas de aprovados (Foto: Reprodução/Inep)
O Ministério da Educação divulgou na manhã desta segunda-feira (26) a primeira chamada de aprovados na edição do primeiro semestre do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) de 2015. Um total de 2.791.334 candidatos se inscreveram para concorrer às 205.514 vagas de 5.631 cursos em universidades federais e institutos tecnológicos.
lista de aprovados está disponível no site do processo seletivo: sisu.mec.gov.br. O Sisu usa como critério de seleção a nota do candidato no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014. O candidato pode consultar seu desempenho inserindo o número de inscrição no Enem e a senha de inscrição. O site permite ainda recuperar a senha do Enem.
No site do Sisu, é possível selecionar a instituição, o curso e a modalidade do turno para filtrar a lista de aprovados.
Matrícula
Os candidatos aprovados deverão fazer a matrícula nos dias 30 de janeiro, 2 e 3 de fevereiro nas instituições de ensino que oferecem as vagas, apresentando os documentos exigidos por elas e pela lei federal de cotas.
O candidato selecionado pelo Sisu deverá verificar, junto à instituição de ensino em que foi aprovado, o local, horário e procedimentos para matrícula.
sisu mobilidade (Foto: Editoria de Arte/G1)Muita gente passa no Sisu e para estudar em
outro estado (Foto: Editoria de Arte/G1)
Passou? Vai estudar em outra cidade?
Muitos candidatos foram aprovados em instituições de outra cidade ou até outro estado em relação aonde residem. A especialista em educação, Andrea Ramal, colunista do G1, dá dicas para as famílias que vão ver o filho estudar longe. Veja as dicas
Não passou? Veja o que fazer
Quem não foi aprovado pode se inscrever na lista de espera até o dia 6 de fevereiro e acompanhar as chamadas que serão feitas a partir de 11 de fevereiro. A participação na lista de espera somente poderá ser feita na primeira opção de vaga do candidato.
Do total de vagas ofertadas por universidades federais, institutos tecnológicos e universidades estaduais nesta primeira edição do Sisu, 82.879 (ou 40%) estão destinadas a estudantes que atendam aos quesitos da Lei de Cotas, ou seja, que tenham cursado todo o ensino médio em escolas públicas.
Pela lei, neste processo seletivo do Sisu, pelo menos 37,5% de suas vagas são para cotistas. Até 2016, as instituições deverão atingir o percentual de 50% de vagas reservadas.
Além da Lei de Cotas, algumas instituições promovem reserva de vagas por ações afirmativas, como vaga para deficientes, quilombolas ou um índice maior para alunos negros, pardos ou indígenas. No total, 12.825 vagas do Sisu são reservadas para ações afirmativas das universidades e institutos.
Prouni x Sisu
Outra opção para os alunos que não forem aprovados nas universidades públicas pelo Sisu é se inscrever no Prouni. O programa concede bolsas de estudo integrais e parciais (50%) em instituições privadas de ensino superior, em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, a estudantes brasileiros sem diploma de nível superior. As inscrições foram abertas nesta segunda-feira.
O candidato do Prouni precisa ter feito ensino médio em escola pública ou como bolsista em escola particular.
Mesmo quem é aprovado no Sisu em uma universidade pública em outra cidade ou estado, mas não pode se mudar, costuma optar por fazer uma faculdade particular em seu município com bolsa do Prouni.
O candidato pode se inscrever no Sisu e no Prouni, desde que atenda aos critérios do programa. Mas caso seja selecionado nos dois programas, terá de escolher entre a bolsa do Prouni ou a vaga do Sisu.
10 MAIORES NOTAS DE CORTE DO SISU*
IES
Curso
Nota
de corte
UFF
Direito
830,39
UFRJ
Medicina (Rio)
821,46
UFRJ
Eng. química
816,23
UFPE
Medicina (Caruaru)
810,71
UFMG
Medicina
809,88
UFOP
Medicina
809,83
UFTM
Medicina
805,06
UFU
Eng. aeronáutica
804,44
UFRJ
Cie. econômicas
804,13
UFRJ
Medicina (Macaé)
803,49
(*) Instituições que ofertam integralmente suas vagas pelo Sisu e que não dão bônus às notas dos candidatos
Números do Sisu
- 2.791.334 candidatos inscritos
- 1.595.368 mulheres inscritas (57%)
- 1.195.966 homens inscritos (43%)
- Minas Gerais teve o maior número de inscritos (327.601), seguido por São Paulo (306.956), Rio de Janeiro (249.252), Bahia (208.231) e Ceará (182.581)
- 51,9% das inscrições foram pela ampla concorrência, 42,7% pela lei de cotas, e ainda 5,4% para ações afirmativas. A relação candidato por vaga pela lei de cotas é maior que na ampla concorrência (27,99 contra 25,66)
- O curso de arquitetura e urbanismo do Instituto Federal de São Paulo (IFSP) foi o mais procurado, com 13.777 inscrições
- Entre as universidades federais, o curso mais procurado foi medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com 12.062 inscrições (75,39 candidatos por vaga)
- A Universidade Federal do Ceará (UFC) teve o maior número de inscrições (187.563), seguida pela UFMG (186.881), UFPE (177.235), UFRJ (174.110) e UFBA (149.487)
- Administração é a carreira mais procurada do Sisu, com 312.991 candidatos para 7.541 vagas. Em seguida vem direito (262.255 inscritos), pedagogia (249.348), medicina (237.267) e educação física 192.866
- Entre as universidades que colocam 100% das vagas no Sisu e não dão bônus por ação afirmativa, o curso com maior nota de corte foi o de direito da Universidade Federal Fluminense (UFF), com 830,39 pontos (veja ao lado a tabela com as dez maiores notas de corte).
Fonte: G1

Aprovados no Sisu celebram o 'final feliz' da maratona iniciada no Enem


A aprovação em uma vaga em universidade federal pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) foi o 'final feliz' de uma maratona de estudos iniciada na preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2014. Estudantes de todo o país que foram aprovados no Sisu comemoraram a conquista confirmada nesta segunda-feira (26) depois que o MEC divulgou a relação dos aprovados para as 205.514 vagas de 5.631 cursos em universidades federais e institutos tecnológicos.
lista de aprovados está disponível no site do processo seletivo: sisu.mec.gov.br. O Sisu usa como critério de seleção a nota do candidato no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014. Os candidatos aprovados deverão fazer a matrícula nos dias 30 de janeiro, 2 e 3 de fevereiro nas instituições de ensino que oferecem as vagas, apresentando os documentos exigidos por elas e pela lei federal de cotas.
VEJA HISTÓRIAS DE QUEM FOI APROVADO NO SISU 2015
Paulo Lutero II durante passagem por Israel, em 201 (Foto: Arquivo pessoal/Paulo Lutero II)Paulo Lutero II durante passagem por Israel, em
2011 (Foto: Arquivo pessoal/Paulo Lutero II)
Voluntário na África passa na UFMG
“Minha bochecha estava doendo porque eu não conseguia parar de sorrir”, confessou Paulo Lutero II, de 25 anos, foi aprovado em medicina na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). O jovem, que mora em São Paulo e já trabalhou como voluntário em Gana, pretende se mudar e começar uma vida nova na capital mineira, tudo para realizar um velho sonho: dedicar a vida e a profissão à filantropia.


Lara recebeu apoio do argumento de inclusão para garantir vaga no curso de medicina em Caicó (Foto: Glácia Lima/G1)Lara recebeu apoio do argumento de inclusão
para garantir vaga no curso de medicina
em Caicó (Foto: Glácia Lima/G1)
1º lugar na maior nota de corte
Ter cursado os ensinos fundamental e médio na cidade em que cresceu impulsionou a estudante Lara Valeska de Medeiros Rocha, de 19 anos, para o primeiro lugar no curso de medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) em Caicó, no Seridó potiguar. Isso porque os candidatos de regiões próximas ao campus são beneficiados com o argumento de inclusão. O curso teve a maior nota de corte entre "Não sabia que ficaria em primeiro lugar. Fiquei surpresa. Minha nota foi de 790 para 948 com o argumento", afirma a estudante.

Maria Clara Araújo, aprovada no curso de pedagogia da UFPE (Foto: Arquivo pessoal/Maria Clara Araújo)Maria Clara passou em pedagogia na UFPE
(Foto: Arquivo pessoal/Maria Clara Araújo)
Transexual aprovada na UFPE
Em novembro de 2014, a estudante recifense Maria Clara Araújo, de 18 anos, foi uma das 95 transexuais com autorização do Ministério da Educação para fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) usando seu nome social. Nesta segunda-feira (26), ela é uma de 6.562 estudantes na lista de primeira chamada para as vagas da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), selecionadas pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu).


Victoria Maria Luz mostra resultado do Enem 2014 (Foto: Gilcilene Araújo/G1)Victoria Maria Luz mostra resultado do Enem
2014 (Foto: Gilcilene Araújo/G1)
Do Piauí para Minas Gerais
A piauiense natural de Picos, no semiárido, Victoria Maria Luz, 18 anos, que obteve nota máxima na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), vai realizar o sonho de ser médica. A jovem conquistou uma das vagas do curso de medicina na Universidade Federal de Minas Gerais. “Estou muito feliz com esta conquista. É uma sensação indescritível ver seu nome na lista de aprovados. Todo o reforço e abdicação foram recompensados com esta aprovação. Minha família é só alegria”, afirmou a jovem.

Yank Cordeiro foi aprovado em sistemas de informação (Foto: Arquivo pessoal)Yank Cordeiro foi aprovado em sistemas de
informação (Foto: Arquivo pessoal)
500 km de distância da família
Yank Cordeiro, de 17 anos, soube nesta segunda que foi aprovado no curso de sistemas de informação na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) pelo Sisu e, apesar da distância imposta pelo curso – são cerca de 500 km entre o campus da UFMS e São Carlos (SP) –, está feliz e pretende garantir o primeiro diploma em universidade pública da família. "Queria sair de casa e gosto de computação, então juntei as duas coisas", explicou o jovem.

Leia a reportagem completa

Aline passou para jornalismo em faculdade federal, más aguarda resultado da Unir (Foto: Karla Cabral/G1)Aline já foi aprovada em jornalismo na UFV, mas
aguarda resultado da Unir (Foto: Karla Cabral/G1)
Ansiedade e perda de peso
O esforço e a dedicação da estudante Aline Cavalcante, de 18 anos, que emagreceu quatro quilos por causa da ansiedade, já começaram a dar resultados. A estudante conseguiu uma vaga no curso de jornalismo na Universidade Federal de Viçosa (UFV), em Minas, pelo Sisu. Mas, mesmo com o lugar garantido na faculdade mineira, o plano é permanecer em Porto Velho. O sonho da jovem é cursar direito na Universidade Federal de Rondônia (Unir), por isso, ela ainda aguarda o resultado da seleção da instituição.

Jovem é aprovado em universidade do Rio de Janeiro pelo Sisu (Foto: Renan Bento/ Arquivo Pessoal)Renan estudou pela internet e tirou 920 na redação
(Foto: Renan Bento/ Arquivo Pessoal)
Curso online de redação
Na terceira tentativa de garantir uma vaga em um ensino superior por meio do Enem, o piracicabano Renan Silveira Bento, de 20 anos, optou por um curso online de redação e conseguiu a pontuação necessária para cursar publicidade e propaganda na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). O estudante disse que o método foi fundamental para atingir o bom desempenho. “As aulas presenciais no cursinho eram importantes, mas descobri que conseguia me preparar melhor sozinho. Eu enviava um texto por mês e recebia a correção”, explicou.

Leia a reportagem completa

Vitória Dantas, estudante (Foto: Reprodução/ TV Asa Branca)Vitória Dantas, estudante (Foto: Reprodução/
TV Asa Branca)
Medicina na UFPE
Vitória Chaves de Souza Dantas de Barros, 18 anos, entrou em medicina na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), no campus de Caruaru. O curso teve uma nota de corte muito alta, de 810,71 pontos. Vitória fez 835,2 pontos. Vitória ainda não sabe em qual área da medicina pretende se especializar. Porém, uma decisão já é certa: "independente da área, quero ser pesquisadora. Por isso que eu queria tanto a federal, pois há muito incentivo para a área acadêmica".

Estudante de Patos, na Paraíba está entre os 250 candidatos do Enem que conseguiram nota máxima na redação (Foto: Bervely Lima Nunes/Arquivo pessoal)Leoberto Batista foi um dos 250 alunos que 
conseguira nota máxima na redação do Enem
(Foto: Bervely Lima Nunes/Arquivo pessoal)
Da Paraíba para a UFRN
A partir do segundo semestre deste ano Leoberto Batista, de 17 anos, estudante de Patos (PB) vai cursar medicina na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Ele avalia que a nota da redação foi essencial para o resultado conhecido nesta manhã. Ele foi o 19º colocado do curso que oferecia 20 vagas pelo Sisu. A aprovação veio após conseguir a nota máxima na redação do Enem. Em todo o país, apenas 250 pessoas conseguiram o feito e Leoberto sabe da importância dessa nota no resultado que foi divulgado nesta manhã. “Não teria conseguido sem a nota da redação”, afirmou.

Dinah Punskowski foi aprovada em medicina aos 17 anos (Foto: Arquivo Pessoal)Dinah Punskowski foi aprovada em medicina aos
17 anos (Foto: Arquivo Pessoal)
Jovem troca física por medicina
Aos 17 anos, Dinah Punskowski, de São Carlos (SP), conseguiu o que muitos jovens de sua idade desejam: ser aprovada no curso de medicina de uma universidade pública. Mas há poucos meses o plano não era, nem de longe, ingressar na área da saúde. "Sempre quis fazer física, mas em agosto começaram a surgir dúvidas. Minha mãe é enfermeira e sonha que eu seja médica. Ela está vendo o sonho se realizar. Acho que foi Deus que me fez mudar", contou a estudante

Tancredo Souza foi aprovado via Enem/Sisu para o curso de ciência da computação na UFPE (Foto: Reprodução / Facebook)Tancredo Souza foi aprovado em ciência da
computação (Foto: Reprodução / Facebook)
'Troquei de curso várias vezes'
Tancredo Souza, de 17 anos, passou em segundo lugar no curso de ciência da computação na UFPE, mas passou a semana de inscrições do Sisu cheio de dúvidas. “Na verdade, eu troquei de curso várias vezes. Por estudar todas as áreas de forma intensa, me interessava por vários cursos”, conta o estudante. O jovem lembra ainda que a preparação para a prova foi de muito estudo. “O mais importante não é você ter os melhores livros ou os melhores professores, é a força para não desistir de tornar o sonho realidade."

Estudante fez uma selfie demonstrando sua alegria com a nota na redação do Enem (Foto: Thayonara Marina/Arquivo pessoal)Thayonara tirou 920 na redação do Enem
(Foto: Thayonara Marina/Arquivo pessoal)
Viagens diárias para estudar
Ela driblou o tempo para percorrer três cidades diariamente, trabalhar e estudar. O esforço de Thayonara Mariana da Silva, de 17 anos, foi recompensado com a aprovação em oitavo lugar no curso de ciências sociais da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), no sistema de cotas para escolas públicas e raciais. Apesar de a sua primeira opção ter sido o curso de ciências biológicas, a jovem comemorou a aprovação: "Eu gosto dos dois cursos. Vou cursar ciências sociais, com certeza! Caso eu seja aprovada em ciências biológicas eu troco. Contudo, já estou muito feliz, é um sonho e a nota da redação foi fundamental para a aprovação."
Fonte: G1