Buscar

03 dezembro 2015

Mais um capítulo da novela chamada “Sessão na Câmara Municipal de Baturité”.

Desta vez, a seção foi de requerimentos. Começou com a presidente da Câmara D. Edileusa solicitando através de um requerimento a presença da Secretária de Educação na Câmara para esclarecer algumas dúvidas e principalmente a questão do transporte escolar. 
Foto 03
Logo depois, a Irmã passou a fala para o Sr. Gleydson Gadelha, que expressou de maneira enfática sua indignação com o prefeito, pois o mesmo agiu de forma desonesta e desrespeitosa ao demitir seus cargos comissionados, não honrando seus compromissos de pagar os salários dos mesmos na íntegra em sua representação total (mas apenas o salário base). Relatou ainda que procurou a justiça para buscar os seus direitos. O Sr. Gleydson solicitou a ajuda do Poder Executivo para que possa intervir por todos os comissionados para que eles possam receber o restante de seus salários. Pediu ainda que a Câmara solicite do TCM um parecer técnico para essa questão. Falou ainda que existe dinheiro, mas o Sr. Prefeito “coloca debaixo do sovaco” e que restaram apenas três capachos dele (entre eles o Lute), que afirmaram ter provas contra o prefeito e por isso o mesmo não o demite.

Foto 01
A Presidente da Câmara, D. Edileusa, fala que recebeu uma denúncia contra o prefeito, mas mandou para análise jurídica posterior. O Vereador Ozanam perguntou por que ela não o fazia naquela mesma seção, pois o mesmo estava ansioso para votar na cassação do Prefeito.

O Vereador Ozanam falou que o problema da Gestão não é dos comissionados porque o impacto na folha não é tão exorbitante, mas sim dos funcionários públicos que lotam a máquina administrativa. Também sugeriu para o prefeito Bosco uma comissão técnica para mostrar soluções para essas questões. O mesmo vereador afirma que “o prefeito enlouqueceu” e que “não toma mais o seu gardenal”. Afirma ainda que “o Bosco é o homem mais mentiroso do mundo e não tem a mínima condição de governar Baturité”.
Foto 02
A vereadora Simoni fez um requerimento verbal pedindo a limpeza dos esgotos da cidade, em virtude dos focos de dengue em nosso município. Também requereu uma pequena restauração da Praça do Mondego em virtude da bela reforma que o Padre Edimilson está realizando na capela da comunidade.

E assim aconteceu mais uma seção em nossa cidade. Farpas e agressões contra um gestor que a cada dia demonstra ser mais ineficiente em solucionar os problemas do município e que pode mostrar de que lado estão os nossos representantes do executivo: se do lado deles, do lado deles ou simplesmente do lado deles mesmos, visto que a única preocupação que têm é com os próprios umbigos que esses carregam no ventre, salvo algumas exceções.
Foto 04
Lembrando que faltam menos de oito meses para as eleições e que é sempre bom acompanhar os trabalhos do executivo, pois essas mesmas caras carimbadas estarão em sua porta pedindo o seu voto. Não esqueçam: atrás desses rostos, há a sombra de um Cigano que devastou a nossa cidade.
Até a Próxima…
Texto e fotos: João Paulo Freitas Gomes
Fonte e Matéria: TV Maciço

Nenhum comentário:

Postar um comentário