Buscar

07 dezembro 2015

BATURITÉ - Detento mata companheira dentro de Cadeia Pública e se suicida

Um detento da Cadeia Pública de Baturité (100 Km de Fortaleza) matou a companheira estrangulada, na tarde deste domingo (6), durante o horário de visitas da unidade. De acordo com informações da Polícia, o preso teria cometido suicídio, em seguida. 
Segundo informações da 3ª Cia do 4º BPM, Carlos André Mesquita Moraes, 29, teria usado um barbante para matar Maria Natália de Queiroz Correia Moraes, 31, e se enforcar depois. No momento em que os agentes penitenciários iriam anunciar o fim da visita encontraram os dois corpos, na cela reservada. 
Conforme a equipe da Delegacia Regional de Baturité, Carlos Moraes é de Quixadá e respondia por estupro. Por conta da intolerância dos outros detentos a quem comete este tipo de crime, ele foi transferido para Baturité. 
Natália Moraes também morava em Quixadá. O automóvel que ela utilizou para ir até Baturité foi apreendido. O núcleo da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) de Canindé foi acionado e recolheu os corpos para que sejam feitas as necropsias. 
A Polícia Civil local acredita que o caso tenha razões passionais, mas as investigações continuam.

Fonte: DN 

Nenhum comentário:

Postar um comentário