Buscar

25 novembro 2015

Lava Jato: PF prende Senador Delcídio Amaral

Delcidio Amaral
A Polícia Federal prendeu, na manhã desta quarta-feira, em Brasília, o senador Delcídio Amaral (PT), líder do Governo no Senado Federal. A prisão foi autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e faz parte das investigações da Operação Lava Jato que apura os esquemas de corrupção na Petrobras. Delcídio teria sido flagrado na tentativa de prejudicar as investigações contra ele, em uma tentativa de destruir provas contra ele.

Esta é a primeira vez que um senador com mandato é preso. O Jornal O Estado de São Paulo apurou que pela manhã que o ministro Teori Zavascki convocou uma reunião extraordinária da Turma dedicada à Lava Jato. A reunião da Corte será reservada, que é algo raro.
De acordo com fonte no tribunal, a sessão foi marcada pelo presidente da Turma, ministro Dias Toffoli, a pedido do ministro Teori Zavascki, relator dos casos relativos ao esquema de corrupção na Petrobrás.
Zavascki informou nessa terça, 24, o presidente da Corte, ministro Ricardo Lewandowski, de que seria realizada sessão na quarta, 25, para debater uma decisão importante. O informe a Lewandowski foi feito pessoalmente pelo relator dos processos da Lava Jato na Corte e não pelo presidente da Turma, ministro Dias Toffoli, a quem cabe usualmente fazer os comunicados institucionais.
Além de Delcídio do Amaral, a PF prendeu também o chefe de gabinete dele, o banqueiro André Esteves do banco BTG Pactual e um advogado ligado ao senador.
Conteúdo Estadão e G1.
Fonte: Ceará Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário