Buscar

22 outubro 2015

Infarto seguido de morte de garoto de 13 anos comove equipe médica da UPA de Quixadá

banner_upa_quixadaA equipe médica de plantão na Unidade de Pronto Atendimento de Quixadá passou nesta quarta-feira, 21, por momentos de grande comoção.
Um garoto de apenas 13 anos, morador do Bairro Monte Alegre, neste município do Sertão Central, chegou à unidade com sinais claros de infarto. De acordo com a Sra. Silvia, assistente social, “tudo o que podia ser feito pelo garoto foi feito”.
O Serviço De Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), chegou a ser acionado e foi à UPA para levar o garoto para Fortaleza, mas já era tarde demais. A criança, que foi examinada pelo Dr. Cristiano, médico plantonista no momento da ocorrência, não resistiu e morreu.
De acordo com familiares do adolescente, cujo nome será preservado a pedido dos genitores, o jovem enfrentava problemas de saúde desde cedo na vida, sentindo-se bastante cansado às vezes.
Apesar da tentativa de salvar a vida do rapazinho, o pior não pôde ser evitado.
ATUALIZAÇÃO: 
Conforme Sivanda Sousa, prima do adolescente, o garoto havia sido levado três vezes à UPA na semana passada, porém, nenhum exame foi feito.
Segundo ela, nas vezes em que a família buscou socorro na unidade de saúde, o garoto foi medicado para problemas de garganta e mandado de volta para casa. Ao Monólitos Post ela também informou que, no laudo da necropsia, constava como causa da morte pneumonia, infecção e outras.
“Ficamos muito nervosas com a perda do nosso menino”, afirmou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário