Buscar

20 setembro 2015

Baturité - Polícia prende homem por exercício ilegal da medicina

medico
Um homem foi preso pela Polícia Civil, no sábado, na cidade de Baturité, acusado de exercício ilegal da medicina no município. Conforme informações dos policiais, o homem utilizava registro de Conselho Regional de Medicina (CRM) pertencente ao seu pai, para atender a população. Após depoimento e pagamento de fiança, o suspeito foi liberado neste domingo . Ele vai responder ao processo em liberdade.

O homem de 33 anos é formado em medicina na Bolívia, mas não obteve aprovação na prova Revalida, realizada por graduados fora do Brasil, visando a validação do diploma. O homem atuava na cidade de Baturité, mas morava em Iguatu, supostamente para disfarçar a atividade ilegal.
Uma denúncia anônima acionou a polícia que foi averiguar a veracidade da acusação. Ao mser abordado o suspeito apresentou a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), alegando ter esquecido o CRM em casa. Mas acabou confessando o exercício ilegal da profissão. Caso seja condenado o falso médico poderá pegar até três anos de prisão.
Fonte: Ceará Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário