Buscar

23 julho 2015

Parque Botânico de Caucaia frustra visitantes

IMG_0282Uma das maiores áreas verdes preservadas na Região Metropolitana de Fortaleza, o Parque Botânico do Ceará, que funciona na CE 090, em Caucaia, é um belo espaço de lazer, para reuniões de famílias, visitas, caminhadas, trilhas e grupos de estudos.
Recém-inaugurado pelo Governador Camilo Santana (PT), o Parque oferece informações sobre a nossa fauna e flora, sobre plantas nativas, e, também, distribui mudas de árvores para visitantes.
Muitas pessoas que saem de casa, aos sábados e domingos, para conhecer o Parque Botânico, ficam, porém, desencantadas com a falta de apoio institucional para caminhadas e, também, para receber as mudas de plantas à disposição do público.
O quadro de pessoal se resume a um funcionário que, na recepção, anota algumas informações, como número de documento e telefone dos visitantes, e a dois seguranças em motos.
Com uma área de 190 hectares, o parque dispõe de centro de visitantes, salão de exposições, trilhas internas revestidas em pedra e um viveiro de mudas.
Cada visitante pode levar até cinco mudas de plantas nativas. A distribuição das plantas acontece somente de segunda a sexta-feira, de acordo com o funcionário que recepcionava, no último domingo, os visitantes.
‘’É uma contradição a distribuição das plantas não acontecer aos sábados e domingos porque são os dias de maior movimentação.
A Secretaria do Meio Ambiente do Estado quer atrair visitantes ao parque e estimular a plantação de árvores, mas quando a gente chega aqui recebe a informação de que as mudas de plantas não são distribuídas’’, disse uma dona de casa que não quis se identificar e, ao lado dos filhos, elogiou a iniciativa do Governo do Estado em revitalizar a área de trilhas, caminhadas e estudos.
Outros visitantes, também, externaram insatisfação ao encontrarem o viveiro cheio de mudas, mas impossibilitados de levá-las para casa, sítios e casas de praia. ‘’A minha frustração maior foi ao pedir as mudas de plantas e receber a informação de que a distribuição é feita apenas de segunda a sexta-feira’’, disse ao Jornal Grande Porto, um professor da rede estadual de ensino que estava acompanhado de familiares.
Um dos papéis do Parque Botânico, além de abrir espaços para o lazer, é proteger a fauna e a flora local, servir como amostra dos ecossistemas cearenses, fomentar a cultura ecológica entre estudantes e professores e propiciar à população um local de lazer e recreação de caráter cultural.
Final de semana
A reportagem do Jornal Grande Porto confirmou in loco a realidade no Parque Botânico e ratifica as queixas dos visitantes que, no último final de semana, ficaram frustrados por encerrarem a visita sem receber as mudas de plantas. Sobre essas queixas, a Assessoria de Imprensa da Semace, em resposta à reportagem do Grande Porto, reconheceu que houve falha quanto a distribuição de mudas no último final de semana.
Disse, ainda, que a orientação do secretário Artur Bruno é que o Parque Botânico realize a distribuição de mudas diariamente, de segunda a domingo das 8 às 17h. Ao final da resposta ao Grande Porto, ‘’a Secretaria pede desculpas e afirma que a situação não reflete, de forma alguma, o posicionamento da instituição’’.

Nenhum comentário:

Postar um comentário