Buscar

03 março 2015

Jovens marcham, batem continência e prometem "dar a vida em favor dos perdidos" em culto na Capital

gladiadores
Jovens marcham, batem continência e prometem "dar a vida em favor dos perdidos"
FOTO: REPRODUÇÃO FACEBOOK
A Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) em Fortaleza publicou um vídeo em sua página oficial no Facebook, em que um grupo de jovens uniformizados aparece marchando, batendo continência e gritando que estão "prontos para a batalha", durante um culto realizado na Capital cearense.
Fazendo gestos sincronizados, que lembram os movimentos realizados por membros de instituições militares, os jovens fazem parte de um grupo denominado Gladiadores do Altar. A iniciativa é parte de outro programa da igreja, chamado Força Jovem Universal.
O vídeo, que foi publicado na rede social no dia 15 de fevereiro, está alcançando grande repercussão na internet, tendo gerado até a manhã desta terça-feira (3) mais de 1,2 milhão de visualizações e 26,7 mil compartilhamentos.
Confira o vídeo

 
Polêmica
A publicação vem causando polêmica entre internautas, havendo quem apoie a iniciativa e pessoas que a condenem. "Isso é bíblico? Ser gladiador, marchar igual exército? Jesus marchou? Ensinou isso? Pediu que marchárssemos? Os discípulos fizeram ou ensinaram isso? Coisa estranha", comenta uma internauta. Em outra manifestação, um usuário da rede diz "Muito forte, quero ser um glaadiador do altar".
Esclarecimento
Tendo em vista o debate gerado em torno do vídeo, a Igreja Universal publicou nota em seu site oficial, explicando que o "Gladiadores do Altar é um projeto de orientação e formação de jovens vocacionados para a propagação da Fé Cristã, que funciona desde janeiro de 2015".

A nota também explica que "seus membros são voluntários da Força Jovem Universal, programa social que conta com milhões de jovens em todo o Brasil e em outros países e que desenvolve atividades culturais, sociais e esportivas para auxiliar no resgate e amparo de populações de rua, viciados, jovens carentes e em conflito com lei. O documento também diz que "a disciplina que o projeto Gladiadores oferece aos seus membros é apenas aquela espiritual".
Fonte: DN

Nenhum comentário:

Postar um comentário