Buscar

29 agosto 2014

Datafolha mostra Dilma e Marina empatadas com 34%; Aécio tem 15%

Datafolha mostra Dilma e Marina empatadas com 34%; Aécio tem 15%

Na pesquisa anterior, divulgada dia 18, Dilma tinha 36% e Marina, 21%. Na simulação de segundo turno, Marina atinge 50% e Dilma, 40%.


Pesquisa Datafolha sobre a corrida presidencial, divulgada nesta sexta-feira (29), indica uma situação de empate entre a presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, e a ex-senadora Marina Silva, candidata do PSB. Cada uma aparece com 34% das intenções de voto. A seguir, vem o senador Aécio Neves (PSDB), com 15%. Na pesquisa anterior do Datafolha, divulgada no último dia 18, Dilma tinha 36%, Marina, 21% e Aécio, 20%.
Na simulação de segundo turno entre Dilma e Marina, a ex-senadora alcançou 50% contra 40% da presidente. Na pesquisa anterior, Marina tinha 47% e Dilma, 43%.
No levantamento desta sexta, Pastor Everaldo (PSC) obteve 2%. Os outros sete candidatos somados têm 1%. Segundo o levantamento, os que disseram votar branco ou nulo são 7%, mesmo percentual dos que não sabem em quem votar.
Veja os números do Datafolha para a pesquisa estimulada (em que uma cartela com a relação dos candidatos é apresentada ao entrevistado):
Dilma Rousseff (PT): 34%
Marina Silva (PSB): 34%
Aécio Neves (PSDB): 15%
Pastor Everaldo (PSC): 2%
José Maria (PSTU): 0% *
Eduardo Jorge (PV): 0% *
Luciana Genro (PSOL): 0% *
Rui Costa Pimenta (PCO): 0% *
Eymael (PSDC): 0% *
Levy Fidelix (PRTB): 0% *
Mauro Iasi (PCB): 0% *
- Brancos/nulos/nenhum: 7%
- Não sabe: 7%
(*) Os candidatos indicados com 0% são os que não atingiram 1% das intenções de voto; somados, os sete têm 1%.
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal "Folha de S.Paulo". O Datafolha fez 2.874 entrevistas em 178 municípios nestas quinta (28) e sexta (29). A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Isso significa que, se forem realizados 100 levantamentos, em 95 deles os resultados estariam dentro da margem de erro de dois pontos prevista.
A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-00438/2014.
Espontânea
Na modalidade espontânea da pesquisa (em que o pesquisador somente pergunta ao entrevistado em quem ele pretende votar, sem apresentar a lista de candidatos), os resultados são os seguintes:
- Dilma Rousseff: 27%
- Marina Silva: 22%
- Aécio Neves: 10%
- Outras respostas: 3%
- Em branco/nulo/nenhum: 3%
- Não sabe: 32%
Segundo turno
Nas simulações de segundo turno, o Datafolha avaliou os seguintes cenários:
- Marina Silva: 50%
- Dilma Rousseff: 40%
- Brancos/nulos/nenhum: 7%
- Não sabe: 3%
- Dilma Roussef: 48%
- Aécio Neves: 40%
- Brancos/nulos/nenhum: 9%
- Não sabe: 4%
O Datafolha não realizou simulação de segundo turno entre Marina e Aécio.
Rejeição
A presidente Dilma tem a maior taxa de rejeição (percentual dos que disseram que não votam em um candidato de jeito nenhum). Nesse item da pesquisa, os entrevistados puderam escolher mais de um nome.
- Dilma Roussef: 35%
- Pastor Everaldo: 23%
- Aécio Neves: 22%
- Zé Maria: 18%
- Eymael: 17%
- Levy Fidelix: 17%
- Rui Costa Pimenta: 16%
- Luciana Genro: 15%
- Marina Silva: 15%
- Eduardo Jorge: 14%
- Mauro Iasi: 14%
Avaliação da presidente
A pesquisa mostra que a administração da presidente Dilma Rousseff tem a aprovação de 35% dos entrevistados – no levantamento anterior, eram 38%. O índice se refere aos entrevistados que classificaram o governo como "ótimo" ou "bom".
Os que julgam o governo "ruim" ou "péssimo" eram eram 23% e agora são 26%, segundo o Datafolha. Para 39%, o governo é "regular" – 38% no levantamento anterior.
- Ótimo/bom: 35%
- Regular: 39%
- Ruim/péssimo: 26%
- Não sabe: 1%
A nota média atribuída pelos entrevistados ao governo foi 5,9 – na pesquisa anterior, foi 6,0.
Pesquisa Datafolha presidente 29.08.2014 (Foto: Editoria de Arte / G1)

Encontrou algum erro? Fale conosco
Fonte: G1


App que trava celular de filho que ignora pais já é usado por namorados

App que trava celular de filho que ignora pais já é usado por namorados

'Ignore No More' impede que celular execute atividades.
Aparelho só volta a funcionar normalmente se retornar ligações dos pais.


A alegria dos adolescentes e jovens que costumam evitar as ligações e mensagens dos pais pode estar com os dias contados. Tudo graças à irritação de uma mãe norte-americana. Sharon Standifird costumava ser solenemente ignorada pelos filhos. Para virar o jogo, criou o aplicativo “Ignore No More” (Ignorar Jamais, em tradução livre) para impedir o smartphone de fazer outra atividade até que contatem os pais. Ou seja: enquanto o chamado paterno não for atendido, nada de WhatsApp com os amigos, “Candy Crush”, Facebook ou YouTube.
Aplicativo 'Ignore No More' trava celular de filhos até que retornem ligações ou respondam mensagens dos pais. (Foto: DivulgaçãoIgnore No More)Aplicativo 'Ignore No More' trava celular de filhos até
que retornem ligações ou respondam mensagens
dos pais. (Foto: DivulgaçãoIgnore No More)
G1 entrou em contato com a empresa de Sharon, a Mountaineer Technology Ventures, que fica na cidade de Fulshear, no Texas (EUA). As perguntas foram respondidas por alguém que compartilha da mesma impaciência de Sharon quando os filhos não respondem: William Standifird, marido e parceiro na companhia.
“Sharon estava definitivamente brava por eles não responderem, mas isso foi [o aplicativo] mais sobre ficar preocupada como mãe que algo estivesse errado com as crianças. Fogo, roubo, acidente de carro etc", afirmou William ao G1.
A preocupação de Sharon foi reforçada quando Alexandria foi estudar Geociências na Universidade do Texas que, apesar de ficar no mesmo estado, está distante 410 quilômetros do aconchegante e protetor lar materno. "Então ela inventou o app para garantir a segurança deles mas como uma ferramenta de punição”, disse o pai. "Eu pensei que era uma boa ideia, mas não para mim", disse o outro filho, Brad, à rede de televisão ABC.
Usos criativos
O “Ignore No More” é o primeiro serviço criado pela empresa, fundada por Sharon, em 2013, após abandonar a carreira de professora para se tornar empreendedora. O app chegou à Google Play nesta terça-feira (26) ao custo de US$ 2 –a empresa trabalha em uma versão para iOS, mas não diz quando chegará aos iPhones. “Nós temos muitos usuários no Brasil”, afirmou William, sem dizer quantas vezes o app foi baixado no país e acrescentando que a contagem de downloads é informação confidencial da empresa.
Apesar do pouco tempo de vida, o app já chamou a atenção não só de pais, mas também de outras pessoas igualmente cansadas de serem enroladas. “Alguns pais estão usando o app para criar um 'intervalo digital' para seus filhos como punição, digamos, por notas ruins”, contou. “Outros o estão usando nos tablets durante a hora de dormir para garantir que os dispositivos não estão sendo usados tarde da noite”, completou.
A capacidade de suspender as atividades de um aparelho entrou ainda no radar de um grupo bastante particular. “Há algumas instalações de maridos e esposas ou de namorados e namoradas”, afirmou William. Para que o sistema funcione, porém, ele deve ser instalado em ambos os aparelhos.
No ano passado, um aplicativo também para Android e usado por namorados causou polêmica no Brasil e chegou a ser excluído pelo Google da Play. O programa em questão era o “Rastreador de Namorado”, que enviava ao celular de um dos cônjuges cópias dos SMS enviados, um registro das ligações e até um relatório de quando o aparelho esteve em modo avião. Na época, especialistas em direito digital atestaram que, se não houvesse consentimento, o app poderia ferir alei 12.737, de 2012, a chamada “Lei Carolina Dieckman”. O "Ignore No More" talvez não faça apenas adolescentes serem mais atenciosos com seus pais, mas, pelo que diz William, em breve forçará namoradas e namorados saidinhos a entrarem na linha.
Veja como configurar o aplicativo: 
1) Instale o aplicativo no celular de um dos pais (disponível para Android aqui);
2) Crie uma conta volta a pais: é preciso informar um endereço de e-mail e elaborar uma senha; é possível usar a mesma conta em outros aparelhos;
3) Instale o aplicativo no celular dos filhos;
4) Registre o aparelho como Filho; autorize a ativação do app, para que o aparelho possa ser controlado remotamente pelo dispositivo de um dos pais;
5) Atualize a lista de filhos no aplicativo instalado no smartphone dos pais;
6) Se o celular dos filhos for Samsung, LG, HTC, entre outros, vá até contatos e inclua no grupo “ICE – emergency contacts” os telefones que devem ser acionados para que o aparelho seja destravado.
Fonte:G1

Programa de governo de Marina defende que casamento gay vire lei

Programa de governo de Marina defende que casamento gay vire lei

Presidenciável do PSB formalizou nesta sexta propostas para a eleição. Programa diz que ela apoiará as proposta que já tramitam no Congresso.


Marina Silva e o candidato a vice, deputado Beto Albuquerque, durante lançamento do programa de governo da candidata a presidente pelo PSB (Foto: Paulo Whitaker/Reuters)Marina Silva e o candidato a vice, deputado Beto Albuquerque, durante lançamento do programa de governo da candidata a presidente pelo PSB, em São Paulo. (Foto: Paulo Whitaker/Reuters)
O programa de governo apresentado nesta sexta-feira (29) pela candidata do PSB à Presidência, Marina Silva, afirma que, se eleita, a ex-senadora apoiará a aprovação das propostas que tramitam no Congresso Nacional para garantir o casamento civil igualitário, que permite a união entre pessoas do mesmo sexo.
Atualmente, uma resolução do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), órgão de controle externo das atividades do Judiciário, obrigou todos os cartórios do país a cumprirem a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), de maio de 2011, de realizar a união estável de casais do mesmo sexo. Além disso, obrigou a conversão da união em casamento e também a realização direta de casamento civil entre pessoas do mesmo sexo. Porém, não há nenhuma lei no país que regulamente o assunto.
Com 242 páginas, o programa de governo de Marina está dividido em seis eixos principais. Na parte que trata sobre Cidadania, a candidata do PSB ao Palácio do Planalto destacou propostas para o segmento LGBT. Ao destacar sugestões sobre o tema, o programa diz que a candidata apoiará a aprovação do casamento homossexual no Legislativo.
"Apoiar propostas em defesa do casamento civil igualitário, com vistas à aprovação dos projetos de lei e da emenda constitucional em tramitação, que garantem o direito ao casamento igualitário na Constituição e no Código Civil", diz o conjunto de propostas do PSB para a disputa presidencial.
Na cerimônia de lançamento do programa de governo de Marina Silva, que reuniu a cúpula do PSB, a socióloga Neca Setúbal, umas das coordenadoras das propostas, destacou que um eventual governo da ex-senadora terá o compromisso de garantir todos os direitos civis aos homossexuais.
"Nosso compromisso é com o combate radical ao preconceito contra a comunidade LGBT. Vamos defender os direitos dessa população. Direito à saúde, oportunidades e direitos civis da população LGBT", anunciou Neca, gerando aplausos da plateia.
Fonte: G1

Torcedora é afastada do trabalho no RS após ofensas racistas a jogador

Torcedora é afastada do trabalho no RS após ofensas racistas a jogador

Jovem foi flagrada chamando goleiro Aranha de "macaco" na Arena.  Ofensa ocorreu durante o jogo entre Grêmio e Santos, pela Copa do Brasil.


Racismo Arena do Grêmio - NÃO USAR (Foto: Reprodução/ESPN)Torcedora foi flagrada chamando goleiro Aranha de 'macaco' (Foto: Reprodução/ESPN)
A torcedora gremista flagrada pelas câmeras de transmissão de TV chamando o goleiro Aranha de "macaco" durante a partida entre Grêmio e Santos na noite de quinta-feira (29), em Porto Alegre, foi afastada do trabalho no Centro Médico e Odontológico da Brigada Militar. Ela era funcionária de uma empresa terceirizada e prestava serviços de auxiliar de odontologia na clínica da polícia militar gaúcha.
Segundo a assessoria de imprensa da corporação, a torcedora foi identificada ainda na noite de quinta-feira (28). O pedido de afastamento partiu da própria direção do centro médico. De acordo com a Brigada Militar, tanto a clínica quanto o comando da corporação repudiam qualquer ato de violência de qualquer tipo de discriminação. 
O ato de racismo partiu da arquibancada posicionada atrás da meta defendida pelo goleiro, e levou o camisa 1 do Santos a paralisar a partida, aos 42 do segundo tempo, para reclamar ao árbitro Wilton Pereira Sampaio. Apesar da denúncia, o árbitro não relatou o episódio na súmula do jogo. O canal ESPN flagrou a torcedora gritando "macaco" em direção ao goleiro, atitude que gerou grande revolta nas redes sociais.
Logo após o episódio na Arena do Grêmio, imagens da torcedora ofendendo o goleiro santista começaram a circular pela internet. Criticada pelos seus atos, a torcedora excluiu os perfis que mantinha em sites como Facebook e Instagram.
A Polícia Civil gaúcha anunciou nesta sexta-feira (29) que também vai investigar o caso no âmbito criminal. Segundo o chefe da Polícia Civil do Rio Grande do Sul, Guilherme Wondracek, uma carta precatória será enviada para Santos, em São Paulo, para que o goleiro Aranha possa fazer a representação criminal denunciando o crime de injúria racial.
"O crime será investigado no âmbito criminal pelo delegado titular da 4ª DP, que cobre a área do estádio. Ele reunirá algumas provas, como as imagens da televisão, e vai pedir ao Grêmio que envie imagens do estádio, para que se possa identificar todos os possíveis autores", afirmou Wondracek ao G1.
O ato de racismo partiu da arquibancada posicionada atrás da meta defendida pelo goleiro. Na saída de campo, Aranha reclamou das ofensas que ouviu no fim do jogo. Cobrou providências das autoridades, mas não confirmou se tomaria alguma atitude. Inicialmente, manifestou decisão de não fazer o Boletim de Ocorrência após a partida, mas o advogado do clube, Cristiano Caus, disse que o BO será feito e que o caso terá desdobramentos. 
Fonte: G1

Ailton Lopes exibe beijo gay na TV e defende: "o amor tem causado mais choque do que a guerra"


"Eu sou gay e sei como foi difícil, me aceitar, me assumir. Enfrentei o medo da rejeição, a desconfiança se eu era normal, o medo de ser alvo de piadas", disse Ailton Lopes, na apresentação do vídeo.


ailton
Durante programa eleitoral nesta sexta-feira (29) Ailton Lopes expôs homossexualidade e defendeu a diversidade sexual
FOTO: REPRODUÇÃO/PROPAGANDA ELEITORAL PSOL
Na data em que se celebra o Dia Nacional da Visibilidade Lésbica, o candidato aoGoverno do Estado do Ceará, Ailton Lopes (Psol), expôs que é homossexual e apresentou cenas de beijos entre pessoas do mesmo sexo durante programa exibido no horário eleitoral da televisão cearense na manhã desta sexta-feira (29).
"Eu sou gay e sei como foi difícil, me aceitar, me assumir. Enfrentei o medo da rejeição, a desconfiança se eu era normal, o medo de ser alvo de piadas", disse Ailton Lopes, na apresentação do vídeo.
No vídeo com duração de 1 minuto e 44 segundos, o candidato defende a diversidade sexual. "É impressionante como o amor tem causado mais choque do que a guerra, a violência e a desigualdade", afirmou o candidato do Psol, em sua apresentação no programa eleitoral.
Confira vídeo da campanha na íntegra:
Fonte: Diário

"Camilo ganha e ainda dou 10 mil votos em Sobral" desafia Ciro

DISPUTA
"Camilo ganha e ainda dou 10 mil votos em Sobral" desafia Ciro
Secretário quer apostar na vitória do candidato do PT contra

O secretário da Saúde do Estado, Ciro Gomes (PROS), durante o jantar de adesão à campanha do senador Inácio Arruda (PCdoB) ao cargo de deputado federal, realizado ontem (28), no Marina Park, lançou um desafio ao candidato ao governo do Estado, Eunício Oliveira (PMDB), a quem voltou a chamar de "Riquinho".

Ao comentar a pesquisa Zaytec publicada com exclusividade pelo portal CearaNews7 apontando a vitória de Eunicio sobre Camilo por 10 pontos percentuais,  Ciro disparou: Camilo ganha e ainda dou 10 mil votos em Sobral".

Ciro, confiante na vitória de seu candidato ao Governo, Camilo Santana (PT), desafiou o candidato do PMDB a aceitar uma aposta com ele. Não disse o valor desse desafio. Quer apenas casar o valor sobre o resultado eleitoral em Sobral, onde Ciro dá de lambuja uma vantagem de 10 mil votos.

Segundo o levantamento do Zaytec, Eunício Oliveira (PMDB) lidera hoje com 34,5%, Camilo Santana (PT)  24,3%¨, Eliane Novaes (PSB) 2,3 %, Ailton Lopes 1,3%, Branco/Nulo - 13 % e não sabem - 24,6%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral com o número BR 00431/2014 e no Tribunal Regional Eleitoral com 00014/2014.


Fonte: http://cearanews7.com.br/ver-noticia.asp?cod=19733

Fã que ofendeu Aranha é atacada na web e removida de emprego



A torcedora do Grêmio que foi flagrada por câmeras do canal de televisão ESPN Brasil chamando o goleiro Aranha de "macaco" durante a derrota para o Santos por 2 a 0, na última quinta-feira, em Porto Alegre, apagou suas redes sociais após sofrer uma enxurrada de ofensas e xingamentos virtuais. Na página do Instagram da jovem, era possível ver inúmeros internautas chamando-a de racista, além de termos como "vadia" e "vagabunda". Ela ainda sofreu consequências no tabalho. 
A garota deletou seu perfil no Facebook apenas meia hora após a partida, e a página de Instagram também não durou muito tempo no ar. Em uma foto onde ela aparece vestindo a camisa do Grêmio e falando de sua paixão pelo time gaúcho, um internauta questionou: "e esse preto na sua camisa?".
Durante a partida entre Santos e Grêmio pela Copa do Brasil, Aranha foi alvo de abusos racistas por parte da torcida tricolor que estava atrás do gol. O goleiro, que teve grande atuação, se disse inconformado e revoltado após o jogo, mas preferiu não prestar queixa à polícia.
"A outra vez que viemos aqui jogar a Copa do Brasil tinha campanha contra racismo, não é à toa. Xingar, pegar no pé é normal. Agora, me chamaram de 'preto fedido, seu preto, cambada de preto'. Estava me segurando. Quando começou o corinho com sons de macaco eu até pedi para o câmera filmar, eu fiquei p... .Quem joga aqui sabe, sermpre tem racista no meio deles. Está dado o recado, agora é ficar esperto para a próxima", desabafou Aranha na saída do gramado.
O Grêmio emitiu nota oficial afirmando que o departamento jurídico do clube está trabalhando "para que os envolvidos neste episódio sejam identificados e para que os materiais disponíveis sejam enviados às autoridades policiais". O comunicado também diz que, caso haja participação de sócios no crime, os envolvidos serão "imediatamente suspensos do Quadro Social e proibidos de ingressar no estádio".
Emprego em risco
O corregedor da Brigada militar, Coronel Jairo, informou que a torcedora identificada é auxiliar de uma empresa terceirizada que presta serviços para uma policlínica que atende a entidade. Com a constatação das imagens, a Brigada solicitou que essa empresa retirasse a funcionária da policlínica.

Descubra 10 fatos curiosos sobre a prática do sexo

No dia 31 de agosto, é comemorado o Dia do Orgasmo. Para estimular você a celebrar a data, o Terrareuniu 10 fatos curiosos sobre a prática. Confira a seguir.
Mulheres têm cada vez mais orgasmos durante exercício físico
Cada vez mais, as mulheres estão experimentando orgasmos induzidos por atividades físicas, segundo estudo. O escritor Ahmed Zambarakji investigou o crescimento dos orgasmos durante as aulas de ioga e descobriu quais exercícios induzem ao clímax do prazer. Outro estudo recente, conduzido pela University of Indiana, sugere que exercícios como escalar postes ou cordas, levantamento de peso e praticamente todos que envolvem a região do abdômen podem levar ao orgasmo.
Mulheres podem ter orgasmo durante trabalho de parto
 Pesquisadores acreditam que o trabalho de parto pode levar a mulher ao orgasmo. Um estudo feito pela Rutgers University, em Nova Jersey, e publicado no jornal Sexologies, mostrou que em 0,3% dos partos a mãe é levada ao êxtase. 
Pensamentos eróticos ajudam a atingir o orgasmo
A chave para um bom sexo está principalmente na cabeça da mulher. De acordo com um estudo do Laboratório de Pesquisa da Sexualidade Humana da Universidade de Ottawa, no Canadá, são os pensamentos eróticos que ajudam a chegar ao orgasmo.
Parceiros sabem quando orgasmo é fingido
Especialistas canadenses dizem que a maioria das pessoas, independente do sexo, é capaz de perceber o nível de satisfação do parceiro, o que leva a crer que fingir ter prazer não convence tanto assim. Os pesquisadores da Universidade de Waterloo, em Ontario, no Canadá, concluíram ainda que homens e mulheres têm o mesmo nível de percepção em relação à satisfação sexual do parceiro, façam eles parte de um casamento de muito tempo e tenham uma grande carga de intimidade ou tenham acabado de se conhecer.
Clitóris pequeno atrapalha orgasmo da mulher
O tamanho do clitóris de uma mulher pode afetar sua capacidade de ter orgasmo, de acordo com estudo feito pelo Good Samaritan Hospital e publicado no Journal of Sexual Medicine. A descoberta pode levar a novos tratamentos para mulheres que sofrem de anorgasmia, ou seja, são incapazes de ter orgasmos. Essas mulheres costumam ter o clitóris menor e localizado mais distante da vagina.
Homens admitem fingir mais orgasmos que mulheres
Pelo menos na Austrália, parece que sim. Uma pesquisa feita com mais de 1.200 leitores do jornal australiano The Sunday Telegraph mostra que 23% dos homens fingem o orgasmo, enquanto apenas 20,6% das mulheres admitiram fazer o mesmo.
Um terço dos homens já fingiu orgasmo
Estudo realizado pela Universidade de Kansas, divulgado pelo jornal Daily Mail, apontou que sete em cada 10 mulheres já fingiram orgasmo, enquanto a taxa entre os homens ficou em 28%. 
O orgasmo é mais provável na primeira quinzena do ciclo menstrual
"Durante os primeiros 15 dias do ciclo menstrual os níveis de testosterona estão mais altos, o que garante mais tesão", diz o urologista, sexólogo e terapeuta sexual Celso Marzano em entrevista ao Terra. Com isso a mulher acaba fazendo mais sexo nesse período e a libido afeta também a probabilidade do orgasmo feminino.
Mulheres realmente demoram mais
Para que o homem fique excitado, seu organismo precisa bombear cerca de 10 ml de sangue para seu pênis. Já o órgão sexual feminino, que é mais complexo, precisa de aproximadamente 200 ml.
Camisinha não afeta o orgasmo
Segundo estudo realizado pela Universidade de Indiana, nos EUA, a qualidade dos orgasmos femininos não tem nenhuma relação com o uso da camisinha. Aliás, a camisinha pode até ajudar já que diminui a preocupação do casal, costuma retardar um pouco a ejaculação masculina, dando mais tempo para a mulher chegar lá, e ainda auxilia na lubrificação.
Mulheres têm mais orgasmos com homens ricos
De acordo com estudo britânico, da Universidade de Newcastle, o dinheiro pode influenciar o orgasmo. Para os cientistas responsáveis pela pesquisa, isso seria resultado de uma adaptação evolucionária. Aparentemente sem preocupações de como vão as contas, as mulheres conseguem se entregar mais à relação sexual.
Orgasmos de 5 mulheres podem acender uma lâmpada
Durante o orgasmo as paredes da vagina liberam energia e sofrem contrações musculares involuntárias, seguidas de uma sensação de relaxamento. Segundo Jairo Bouer e Marcelo Duarte, autores do Guia dos Curiosos – Sexo, a descarga elétrica produzida por cinco mulheres tendo orgasmo seria suficiente para acender uma lâmpada.
A ejaculação feminina não é lenda
Algumas mulheres, em virtude de um orgasmo vaginal intenso, liberam muito líquido durante o ato sexual e chegam até a achar que urinaram. Segundo Regina Navarro Lins e Flávio Braga, autores de O Livro de Ouro do Sexo, esse fenômeno ocorre por meio das áreas sexuais que circundam a uretra, especialmente o ponto G, normalmente localizado cerca de 2 a 3 cm a partir da entrada da vagina. Cerca de 10% das mulheres apresentam esse tipo de ejaculação.
Usar salto pode ajudá-la a chegar lá
Segundo um estudo da Universidade de Verona, usar salto ajuda a relaxar e a fortalecer os músculos da região pélvica intensificando as contrações durante o orgasmo. Porém, o efeito positivo não aumenta de acordo com o tamanho do salto. 
Orgasmo pode dar um riso incontrolável
O corpo libera endorfina durante o orgasmo, o que causa euforia, prazer e, às vezes, gera um riso incontrolável, segundo o site Cosmopolitan.
Orgasmo alivia dor de cabeça e favorece metabolismo
Na mulher, além de liberar endorfina, também ocorre a liberação do hormônio ocitocina, que promove a contração do útero. Esses fenômenos ajudam a aliviar dores de cabeça, reumáticas, menstruais, melhoram o sono, reduzem o estresse e favorecem o metabolismo. O orgasmo é capaz de deixar até a pele mais viçosa, já que melhora a circulação sanguínea.

6 erros que o homem pode cometer que vão broxar uma mulher

6 erros que o homem pode cometer que vão broxar uma mulher

Entender o que se passa na cabeça do sexo oposto não é fácil. A comunicação aberta entre o casal é o melhor caminho para conquistar isso, mas, em muitos casos, ela não acontece. Para facilitar um pouquinho a compreensão, listamos 6 atitudes que os homens costumam ter na hora do sexo, intencionalmente ou não, e que acabam cortando o clima por completo para as parceiras.
Beliscar os mamilos ou tocar o clitóris com muita força. Homens vêm isso nos filmes pornô e acham que as mulheres gostam, mas, na realidade, essas áreas do corpo são hipersensíveis, e o toque deve ser delicado. A mulher geralmente prefere o beijo e toque suave nos seios e vagina, e você pode aumentar um pouco a pressão conforme o clima esquentar, mas sempre com cautela.
Não tomar banho antes do sexo. Higiene é a regra número 1 para o sexo, e deixar de ter esse cuidado básico é até desrespeitoso.
Tentar a penetração sem que ela esteja lubrificada ou introduzir o pênis com muita força de primeira. Se ela gosta, irá te dizer isso. Caso contrário, tenha cuidado. Você pode achar esse clima selvagem sensual, e ela também, mas, se fizer isso sem avisar antes, há grandes chances de machucá-la. Comece devagar e aumente a intensidade conforme ela pedir ou você sentir que ela está bem lubrificada.
Pular as preliminares. A menos que vocês estejam fazendo uma rapidinha, nada justifica pular as preliminares, que são fundamentais para a mulher, e ir direto para a parte que interessa a você, que é a penetração. Sua parceira necessita preparar o corpo e a mente para o sexo, diferente dos homens, que conseguem fazer isso em questão de segundos.
Não tirar a roupa dela por completo. Mais uma vez: se vocês estiverem com pressa, é justificável. Porém, sempre que a relação for um pouco mais longa, nada de se despir completamente e tirar apenas a calcinha dela. Isso pode demonstrar que você não quer ver o corpo da companheira, o que pode deixá-la insegura, ou que só está preocupado com o próprio prazer e, portanto, ‘abriu caminho’ apenas para o necessário.

Melhores posições e lugares para uma rapidinha com seu parceiro

Melhores posições e lugares para uma rapidinha com seu parceiro

Sem tempo para aproveitar uma noite inteira de prazer? Descobrimos as melhores posições e os lugares mais hot para transformar pequenos momentos em grandes orgasmos! Toda mulher adora beijos e otras cositas antes da transa. Mas uma rapidinha é tudo o que a gente quer de vez em quando... Ou nem tão de vez em quando.
Estamos mais a fim de ir direto ao assunto, segundo pesquisa do Instituto Kinsey, da Universidade de Indiana, nos EUA. As brasileiras entrevistadas revelaram que estão curtindo sexo na versão nua e crua. Falta de romantismo? Não, apenas prática! "As jovens são mais liberadas", diz a sexóloga Carolina Ambrogini, da Unifesp. Inspirada por essa urgência, confira ótimas posições para dar rapidinhas inesquecíveis.
Vaivém Grau de dificuldade - 1 Nível de prazer - 10 Corpos grudadinhos é a regra.
O gato senta com as pernas cruzadas. Você se encaixa no colo dele, de frente, passando as pernas pela cintura dele. Assim, os dois podem ditar o ritmo da transa (essa negociação vai ser ótima!). O contato visual torna essa posição ainda mais excitante. Peça para ele beijar seus mamilos enquanto faz os movimentos lentos de vaivém. Conforme sua excitação aumenta, deixe o ritmo mais acelerado. Enquanto você sente a fricção no clitóris, o cara vai delirar vendo seus seios livres.
Furadora de ondas Grau de dificuldade - 2 Nível de prazer - 7,5
Você tem a fantasia de transar na água? Aproveite o verão para se jogar no mar ou na piscina! O gato senta (ou fica em pé) enquanto você se encaixa nele. Entrelace as pernas em sua cintura ou deixe-as ao lado das coxas dele. O importante é que os corpos fiquem bem coladinhos. Mas cuidado! A água costuma dificultar a lubrificação. Por isso, se vocês planejam se aventurar em alto-mar, abuse dos lubrificantes à base de silicone, que não saem com água, para não ficar na seca!
Prazer dois em um Grau de dificuldade - 2 Nível de prazer - 8
Paredes e batentes nunca mais vão passar despercebidos... Encoste-se com as pernas entreabertas em um desses lugares. O gato fica em pé à sua frente. Ele deve segurá-la pelo bumbum e levantar seu corpo até encaixar. Enlace as pernas dele com as suas abaixo do quadril. Se você é fã de sexo anal, quando estiver quase chegando ao orgasmo, peça para o gato introduzir um dos dedos no lado B. Como a região é cheia de terminações nervosas, isso vai aumentar seu prazer.
Trabalho de casa Grau de dificuldade - 2 Nível de prazer - 10
Seu parceiro senta com as pernas esticadas e levemente flexionadas. Fique de pé entre as pernas dele e sente-se no seu colo. Quando ele estiver dentro de você, incline-se para a frente e apoie-se em qualquer superfície próxima. Tire os pés do chão e eleve um pouco as pernas. Segurando você pela cintura, ele dita o ritmo do vaivém (você só obedece!). De bônus, ele ainda fica com uma das mãos livre para brincar com os seus mamilos, acariciar seu clitóris e tudo mais que o desejo mandar... Hummm!
Vapt-vupt Grau de dificuldade - 3 Nível de prazer - 7,5
Essa posição é ideal para os dias em que a excitação impede vocês de chegar até o quarto. Sente-se em uma superfície alta, enquanto seu parceiro fica em pé na sua frente. Encaixe-se nele e cruze as pernas por trás do bumbum do gato para que a penetração seja mais profunda. A grande fricção do clitóris fará você chegar às alturas rapidinho... Aposte nos gemidos e deixe seu parceiro mais excitado. Agonia e êxtase Grau de dificuldade - 3 Nível de prazer - 8,5 Sente no colo dele e direcione o pênis na entrada da vagina. Deixe a penetração rolar lentamente. Como vocês estão com a parte superior do corpo livre, não economizem em beijos e carícias por todo o corpo. Você é quem comanda. O tempo é curto e você está demorando muito para chegar lá? Coloque a mão do cara no seu clitóris. Ele vai entender o recado... Ohhh, se vai, pode apostar.
Escalada ao paraíso Grau de dificuldade - 3 Nível de prazer - 7
Você fica ajoelhada em um degrau de uma escada e seu parceiro em outro, logo abaixo. Com uma mão, para dar apoio, ele segura sua cintura e dita o ritmo. Com a outra, ele pode tocar seu clitóris - afinal, a ideia é acelerar o orgasmo, certo? E claro que você também vai ajudá-lo a apressar as coisas. Acariciar os testículos do gato durante a penetração é o atalho perfeito para chegar lááááá! // Aqui, agora! -
Os melhores lugares para uma rapidinha
Você já virou expert nas melhores posições para rapidinhas. Então exiba seus conhecimentos. Fizemos uma lista de lugares para tornar essa transa ainda mais inesquecível... 1. Varanda do hotel 2. Piscina ou praia 3. Carro 4. Escada de emergência 5. Banheiro do bar // "Não é o que vocês estão pensando!" - O que dizer ao ser pega no flagra Foram pegos no flagra? Use o humor (e a imaginação) para agir como se nada tivesse acontecido... - Se você estava por cima Finja que ele passava mal e precisou de uma massagem cardíaca. Afinal, vocês estavam mesmo brincando de médico... - Com a boca na botija
O zíper de qualquer um pode emperrar! Você estava ajoelhada apenas ajudando o gato a não andar por aí mostrando o... você sabe. - Se vocês acordaram as pessoas com os gritos Você é assim: quando sente aquela dor de cabeça, não consegue evitar o berreiro... - Pegos pela colega de quarto Apenas diga: "Da próxima vez vou pendurar uma meia na porta..." - "Oi, pai! Oi, mãe!" Bom, aí não tem muito o que fazer além de aguentar o climão na hora do jantar de família.
Fonte: Meio Norte