Buscar

22 junho 2014

Alfinetado, Maradona responde Grondona com dedo médio: 'Pobre coitado'

Alfinetado, Maradona responde Grondona com dedo médio: 'Pobre coitado'

Diego Maradona foi alfinetado pelo presidente da Federação Argentina, Julio Grondona, e não deixou barato
Maradona mandou um dedo médio a Grondona (© Reprodução/TV)
Maradona mandou um dedo médio a Grondona
Diego Maradona foi alfinetado pelo presidente da Federação Argentina, Julio Grondona, e não deixou barato. Após o dirigente e desafeto de El Pibe relacionar gol da vitória contra o Irã por 1 a 0 à saída do ex-jogador antes do fim da partida no Mineirão, veio a resposta nada sutil.

LEIA MAIS
Depois de estreia fraca e sufoco contra Irã, Messi admite que Argentina está 'devendo'
Klose quer quebrar recorde de gols da Copa contra os Estados Unidos
Hazard diz sentir pressão na Bélgica
No programa de televisão "Va de Zurda", do qual participa, ele foi breve na réplica e ainda mostrou o dedo médio. "Alguém disse que o gol que Messi fez foi por causa que eu saí. Pobre estúpido. Foi tudo mérito do Lío Messi", disse.
"A Grondona, digo que, o que tenho, eu ganhei trabalhando, e o que ele tem, é da Fifa", completou Maradona.
A Argentina teve muito trabalho para bater o Irã, que se defendeu com eficiência e contra-atacou com eficiência ao longo dos 90 minutos. Porém, nos acréscimos da etapa final, Messi fez jogada individual e definiu o triunfo, que, com a vitória da Nigéria sobre a Bósnia também por 1 a 0, classificou os bicampeões mundiais às oitavas de final.

Fonte: http://esportes.br.msn.com/copa-2014/noticias/alfinetado-maradona-responde-grondona-com-dedo-m%C3%A9dio-pobre-coitado

Cinco coisas que você não sabia sobre os seios delas

Fonte: Think StockNão é preciso provas científicas para dizer o quanto o sexo masculino admira os seios das mulheres, mas mesmo assim há muitas pesquisas que sustentam essa afirmação. Por exemplo, um estudo da Universidade de Nebraska-Lincoln descobriu que os homens passam mais tempo admirando os seios de uma mulher do que qualquer outra parte do seu corpo. Sendo assim, nada mais apropriado do que explorar essa zona erógena do corpo feminino e tratá-la da forma devida. Se ligue nas cinco coisas sobre os seios da mulher que vão te inteirar sobre esse mundo que você pouco domina.
1) O tamanho deles pode variar
Às vezes é possível saber que ela está menstruada com apenas um olhar. De acordo com o Instituto Nacional de Saúde dos EUA, os níveis de progesterona e prolactina aumentam cerca de uma ou duas semanas antes de a gata menstruar. Isso faz com que seu corpo retenha mais água e seu tecido mamário e glândulas mamárias inchem. Algumas mulheres podem apresentar um aumento de até um copo grande. Mas cuidado: se ela estiver prestes a menstruar, o estímulo pode ser mais doloroso a excitação sexual proporcionada pela região menor, conta Leah Millheiser, professora na Escola de Medicina de Stanford.
Fonte: Think Stock2) Orgasmos no peito existem
Parece bom demais para ser verdade, certo? Pesquisadores da Universidade de Rutgers descobriram que a estimulação do mamilo ativa o lóbulo paracentral medial — ou a parte do cérebro de uma mulher que também se acende com a ação genital. Mas como fazer ela chegar lá apenas com os seios? Experimente esta nova técnica excitante da Dra. Ava Cadell, sexóloga e autora do livro“NeuroLoveology, The Power to Mindful Love & Sex”:
Lamba e beije cada centímetro de seus seios acariciando-os com os dedos ao mesmo tempo, e deixando seus mamilos por último. "Feche a mão sobre um seio de cada vez de modo que a ponta do mamilo dela repouse entre seu dedo polegar e indicador. Aperte os dedos juntos e levante o mamilo um pouco para lambê-lo com a ponta da língua", indica Ava. Para aumentar a sua excitação, a especialista sugere manter um cubo de gelo na boca. "Envolver os olhos dela numa venda irá aumentar a sensação ainda mais", aconselha Emily Morse, sexóloga e apresentadora do podcast “Sex With Emily”. Ah, e o mais importante de tudo: seja paciente. Enquanto Ava afirma que as mulheres devem levar por volta de vinte minutos para gozar, cada pessoa é diferente e o tempo de resposta pode variar.
3) Não vá direto na cereja do bolo
Embora você queira ir direto ao que interessa, lembre-se de que estimular o peito todo é importante. Na verdade, o mamilo é o menos sensível ao toque, revela Debbie Herbenick, Ph.D. e pesquisadora de saúde sexual no Instituto Kinsey da Universidade de Indiana.
Pesquisadores austríacos descobriram que a parte de cima dos seios da mulher é mais sensível que as auréolas — a parte mais escura em volta dos mamilos — e que os mamilos são na realidade os menos sensíveis. Por isso, não se concentre em apenas uma área, aconselha Debbie. Quanto maior território que você cobrir, melhor.
Fonte: Think Stock4) Um deles é (quase) sempre maior
Não se desespere se eles parecerem diferentes: Cerca de um quarto de todas as mulheres tem um peito maior que o outro, explica Keri Peterson, especialista em medicina interna de Nova York. "Os seios das mulheres são seres independentes, que respondem de forma diferente ao estrogênio durante a puberdade", incrementa Keri. Em cerca de 65% das mulheres com assimetria mamária, a esquerda domina. Há estudos que sugerem que o lado esquerdo de seu corpo tem uma hipersensibilidade imunológica maior, um fator que afeta os hormônios, como o estrogênio, que controlam a forma e o tamanho da mama. Essa desigualdade só é motivo de preocupação se uma mama tornar-se excessivamente maior que a outra, alerta Peterson. Quando esse for o caso, ela provavelmente vai notar a mudança assim como você — sentindo nódulos ou aumento da sensibilidade, que podem ser sinais de infecção, cistos, ou até mesmo câncer de mama.
5) Brinque de médico para ajudá-la
Se sentir algo estranho aconselhe-a a fazer um exame de mama profissional apenas para confirmar que tudo está normal, previne Leah. A maioria desses nódulos ou cistos nos seios são massas não-cancerosas causadas por alterações hormonais. As mulheres devem fazer um check-up todo ano, principalmente se tiverem histórico de câncer de mama na família.

Fonte: YAHOO

Pré-selecionados do ProUni devem ficar atentos aos horários das instituições

Para evitar contratempos por conta do jogo entre Brasil e Camarões nesta segunda-feira, os candidatos devem ficar atentos aos horários das instituições de ensino

PRAZO

Pré-selecionados do ProUni devem ficar atentos aos horários das instituições

Os estudantes têm até a próxima terça-feira (24) para confirmar as informações da inscrição nas instituições de ensino


Os estudantes pré-selecionados na primeira chamada do Programa Universidade para Todos (ProUni) têm até terça-feira (24) para confirmar as informações prestadas na inscrição nas instituições de ensino. Os candidatos devem ficar atentos pois, nesta segunda-feira (23), jogam Brasil e Camarões, às 17h, em Brasília. Para evitar contratempos, o candidato deve verificar na instituição os horários e o local ao qual deve comparecer para aferir as informações.
A lista dos pré-selecionados está disponível na página do ProUni.

Tasso continua no páreo para vice de Aécio Neves

A nove dias para a definição do vice na chapa do candidato a presidente pelo PSDB, Aécio Neves, o ex-senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) continua entre os cotados. A indicação de Tasso, afirmam seus defensores, ajudaria Aécio a conseguir votos no Nordeste, onde a presidente Dilma Rousseff tem eleitorado mais numeroso.

Segundo o líder do PSDB na Câmara dos Deputados, Antônio Imbassahy (BA), “a bancada tem admiração e respeito pela história do Tasso e pela grande contribuição que ele vem oferecendo nesses momentos decisivos. Ele teve grande expressão na definição da candidatura do Aécio”.

Na última quinta, Aécio recebeu Tasso em seu apartamento no Rio. Aécio publicou em sua página no Facebook uma foto com Tasso na ocasião, gerando centenas de comentários de internautas em defesa da chapa com o cearense.

Além de Tasso, são elencados como possíveis parceiros de Aécio na chapa o senador tucano Aloysio Nunes Ferreira (SP) e o ex-presidente do Banco Central no governo Lula Henrique Meirelles, do PSD.

De acordo com o deputado federal Raimundo Gomes de Matos, vice-presidente do PSDB do Ceará, Tasso é o nome preferido da bancada do partido na Câmara. Mas a cúpula da legenda veria mais vantagens em Meirelles.

“A cúpula tem preferência pelo Meirelles, também para trazer o PSD para a coligação, puxar o grupo do Gilberto Kassab (presidente nacional do PSD e ex-prefeito de São Paulo). O Meirelles tem peso, tem a confiança dos investidores. Se ele sinalizasse para ser vice, o próprio Tasso concordaria”, disse Matos.

Segundo Imbassahy, “a decisão será baseada em critérios que podem ser de região ou de partido que venha apoiar o Aécio. Tudo está sendo avaliado pelo candidato”. O vice será anunciado durante reunião da executiva nacional tucana em Brasília no dia 30 de junho - o último do prazo dado pela Justiça Eleitoral.

Tasso e Eunício
Tasso e o senador e pré-candidato ao governo Eunício Oliveira (PMDB-CE) se reuniram em Fortaleza, na última quarta. Eunício não informou o teor da conversa. Disse apenas que não descarta aliança com tucanos, mesmo apoiando a reeleição de Dilma. 

Mas o presidente do PSDB-CE, Luiz Pontes, salientou que o interesse prioritário dos tucanos no Estado é fazer palanque para Aécio. “O Eunício tem que apoiar o Aécio”.
Fonte:  O POVO

Cid Gomes desmaia em convenção do PDT


O governador Cid Gomes passou mal durante a convenção do PDT na manhã deste domingo, 22, no Náutico.
 O governador estava discursando ao lado de Zezinho Albuquerque, Domingos Filho, Inácio Arruda, o ministro do Trabalho, Manuel Dias, e correligionários, quando passou mal, chegou a vomitar e desmaiou. Cid foi carregado para fora do Clube e levado de carro para o Hospital Geral de Fortaleza.
EVILÁZIO BEZERRA
Foto: Evilázio Bezerra







Segundo assessoria de imprensa do HGF, o governador Cid teve uma hipotensão, já foi medicado e passa bem. "Está querendo ir logo para casa", informaram. Zezinho Albuquerque, Inácio Arruda, e o irmão do governador, Ciro Gomes, estão no HGF acompanhando Cid.
Segue nota do HGF sobre estado de saúde do governador:
"Cid Gomes deu entrada no início da tarde deste domingo, 22, com hipotensão postural - queda de pressão arterial. A equipe médica esclarece que o paciente está hemodinamicamente estável, com pressão normalizada e recebeu alta".
Vídeo registra o momento em que o governador é carregado para fora do Clube:
 

 Convenção
Os membros do partido estavam reunidos para definir os candidatos à Assembleia Legislativa e à Câmara Federal, além de reafirmar o apoio à candidatura do PROS.

Masturbação faz bem: veja dicas para se soltar e ter prazer

Masturbação faz bem: veja dicas para se soltar e ter prazer

Sexóloga ensina técnicas para se sentir a vontade consigo mesma e se permitir ter prazer

As mulheres se masturbam menos do que os homens ou simplesmente falam pouco sobre o assunto? Segundo a sexóloga e psicóloga Carla Cecarello, pesquisadora do assunto, esta não é apenas uma questão de discrição: elas, de fato, se tocam com menos frequência do que eles.
De acordo com a especialista, o problema não está na falta de desejo, mas sim na repressão sexual que as mulheres sofreram ao longo dos anos e ainda sofrem. “Nós, homens e mulheres, temos as mesmas vontades. Porém, enquanto o menino é estimulado desde cedo a explorar e expressar sua sexualidade, a menina é reprimida, sendo ensinada a sentar de perna fechada, a não andar sem calcinha pela casa, etc.”, exemplifica Carla. “Do mesmo jeito, na adolescência, é aceitável que o garoto fique com várias meninas, ou assista pornografia. Já a menina não, ela é tida como ‘galinha’ se fizer essas coisas”, completa.

Masturbar-se é saudável

Por conta desses fatores, muitas mulheres acabam não desenvolvendo o hábito de se masturbar, o que as prejudica em alguns pontos. Um deles é a falta de conhecimento do próprio corpo, que pode levar a uma vida sexual insatisfatória e um desconforto generalizado consigo mesma. Isso também pode levar à dificuldade em atingir o orgasmo, já que essas mulheres, muitas vezes, são tão travadas que não conseguem relaxar na hora do sexo.
“Masturbar-se todos os dias é normal e saudável, desde que haja desejo para isso. Sem dúvida, recomendo para todas as mulheres”, afirma a sexóloga, ressaltando que a masturbação em excesso (mais de três vezes por dia) também é prejudicial.
A masturbação é um tabu para muitas mulheres (Thinkstock)
A masturbação é um tabu para muitas mulheres (Thinkstock)

Como se masturbar

A seguir, Carla indica uma sequência de exercícios para as mulheres que nunca se masturbaram, mas desejam começar e explorar melhor sua sexualidade. “A repressão faz com que a mulher não sinta vontade de se masturbar, mas, na verdade, se trabalharmos seu psicológico nesse sentido, ela vai descobrir que não é pecado, não é feio, que isso não irá torná-la homossexual e que é bom”, garante a psicóloga. Trabalhe esses passos pouco a pouco, ao longo dos dias, conforme for se sentindo mais confortável.
Passo 1
Em um primeiro momento, a sexóloga não indica o toque genital. “Encontre um lugar reservado, onde você se sinta a vontade e protegida, e comece a andar nua. Isso vai fazer com que você fique mais a vontade e se liberte da vergonha as poucos”, orienta Carla.
Passo 2
A psicóloga afirma que, geralmente, a mulher que nunca quis se masturbar tem vergonha de se mostrar de uma maneira geral. Por isso, tente ousar um pouco mais no figurino, usando decote e mostrando as pernas. Familiarize-se com o seu próprio corpo.
Passo 3
Tire a roupa e olhe-se no espelho: observe seu corpo de frente e de costas, atentando-se para os detalhes. Perceba quais partes você gosta menos e mais e por quê.
Passo 4
Ainda na frente do espelho, comece a acariciar seu rosto, fazendo movimentos circulares. No dia seguinte, repita o exercício, mas, desta vez, tocando também o pescoço.
Passo 5
Passe a acariciar também os seios e observe suas reações. “Se você se sentir constrangida, tente descobrir onde está esse constrangimento. Volte no dia seguinte e tente de novo”, aconselha a sexóloga. Toque também a barriga, os braços, as pernas, mas não a genital.
Escolha um lugar onde você se sinta confortável (Thinkstock)
Escolha um lugar onde você se sinta confortável (Thinkstock)
Passo 6
“Encontre um lugar confortável: pode ser na cama, no sofá, deitada ou em pé – tanto faz, desde que você esteja a vontade”, orienta. Abra as pernas e segure um espelho entre elas. Observe a vagina, os grandes e pequenos lábios, o clitóris, a entrada do canal vaginal, etc. Não tenha medo de abri-la para enxergar melhor: o objetivo é que você conheça o seu corpo.
Passo 7
Comece a se tocar, focando nas reações do seu corpo. Mexa no clitóris, fazendo movimentos circulares, de um lado para outro ou de cima para baixo. Coloque mais ou menos pressão e velocidade conforme sentir vontade. Você também pode introduzir um ou mais dedos na vagina, movimentá-los lá dentro ou simular a penetração.
A partir daí, observe os jeitos que mais gosta de ser tocada e o que te excita. Aos poucos, você vai se soltar, aprimorar suas técnicas e querer fazer cada vez mais.

Dicas para ter prazer

  • Explore as zonas erógenas do seu corpo: toque os seios, a parte interna da coxa, virilha, parte interna dos braços, etc.
  • Para se excitar, imagina situações que considera estimulantes. Quando estiver mais desinibida, tente assistir a um filme erótico ou vídeos na internet.
  • Não se preocupe em ter um orgasmo. “Foque no que você sente com cada toque. O orgasmo vai ser uma consequência com o tempo”, afirma a sexóloga.
  • Num primeiro momento, não use lubrificantes. “É importante que você aprenda a fantasiar para que perceba sua secreção natural.”

Primeira vez: dicas de sexo e orientações

Primeira vez: dicas de sexo e orientações

Sexóloga esclarece as principais dúvidas e dá indicações para mulheres

Tudo sobre a primeira vez

Dói?

Somente se a mulher estiver tensa. “Dói porque a menina já perguntou para as amigas como se faz e todas falaram que vai doer. Ela espera pela dor. É o que acontece com a maioria”, diz Carla.
Segundo explica a especialista, a vagina é elástica e não oferece resistência. Porém, quando a mulher está tensa, ela enrijece tanto a musculatura que o pênis encontra dificuldade na penetração. Isso faz com que o homem tenha de forçar a entrada, causando incômodo.
“É como ombros e pescoços, que ficam duros quando estamos tensos. A dica é tentar não travar a parte interna da coxa. Assim, a musculatura interna ficará relaxada e a mulher não sentirá dor”, orienta.

Sangra?

Não necessariamente. Algumas mulheres possuem o hímen complacente, que é mais elástico e por isso não rompe com tanta facilidade. Outras possuem o hímen fibroso, que provoca sangramento. “Mas é pouco sangue, não é como a menstruação e nem sai em jatos”, esclarece a sexóloga.

Como ter prazer?

“É bem possível que a menina sinta prazer”, garante Carla. “Algumas são orientadas, leram bastante, estão com o cara que gostam, e isso tudo ajuda. E, às vezes, o cara também é bom, o que contribui”, completa.
Além de relaxar a musculatura interna da coxa e procurar não ficar nervosa, existem outras dicas para relaxar e ter prazer na primeira relação:
  • Introduzir o dedo na vagina antes da penetração. “Ajuda muito, pois a menina consegue ter um primeiro contato com a penetração, quebrando as resistências e permitindo que ela sinta como é ter algo dentro dela”, afirma a sexóloga. No entanto, é preciso fazer isso com calma e delicadeza para não machucar.
  • Estar entregue. “A menina precisa sentir o momento, estar presente de corpo e alma e buscar o melhor para ela.”
  • Dar diretrizes ao parceiro. Não há problema nenhum em dizer se você está gostando ou se está incomodando e sugerir outras posições.
  • Ter o hábito de se masturbar. “A menina que já tem conhecimento sobre o próprio corpo e reações sem dúvida terá uma primeira vez mais prazerosa do que aquela que não sabe o que está acontecendo”, defende.
  • Fazer preliminares.

Estar relaxada e à vontade é o segredo para sentir prazer (Thinkstock)
Estar relaxada e à vontade é o segredo para sentir prazer (Thinkstock)

Preliminares

São fundamentais, não só na primeira vez, mas sempre. “É uma forma de preparar o corpo para receber o pênis. A musculatura vai relaxar, o útero vai se elevando e, com isso, puxa o canal vaginal, alongando-o. O canal assume um tamanho de 14 a 15 cm, o que permite a penetração de qualquer tamanho de pênis. É muito importante para a mulher se preparar internamente”, descreve Carla.

Melhor posição

Não existe uma regra: a melhor posição é aquela que for mais confortável para ambos e na qual a mulher consiga relaxar.

Usar lubrificante ou não?

Só é necessário caso a mulher esteja muito seca – o que não é esperado de uma garota saudável na faixa dos 18 anos.
“Se ela estiver muito tensa e, por isso, não conseguir ficar lubrificada naturalmente, pode até usar. Porém, neste caso, eu nem recomendo que ela transe, porque com certeza vai sentir dor e ter uma experiência ruim”, aconselha a especialista.

É preciso consultar um médico antes?

“Sem dúvida, é fundamental”, afirma Carla. Isso ajuda a mulher a se preparar e é essencial para que receba orientações quanto a métodos preventivos. “A partir dos nove anos de idade, a menina já pode tomar vacina contra HPV”, diz a sexóloga.

O que fazer na primeira vez?

O que fazer na primeira vez?

Sexóloga dá orientações para homens e mulheres

Dicas de sexo

Segundo Carla, a escolha do local é muito importante. “Não é legal ter a primeira transa no carro, com o casal constrangido, desconfortável e um monte de gente passando. Em casa, com os pais no cômodo ao lado, também não é recomendado, porque a situação é tensa por si só, ainda mais com o risco de alguém entrar no quarto e pegar”, diz a sexóloga. É preciso que ambos estejam tranquilos e em um local que permita que eles relaxem.
Em relação aos movimentos e técnicas para aplicar, Carla diz: “É uma coisa tão instintiva que acontece naturalmente.” No entanto, algumas orientações podem evitar constrangimentos:

Homens

Sem pressa. Segundo a sexóloga, os adolescentes são muito despreparados e estão com os hormônios a mil, o que acaba resultando em muita pressa para fazer a penetração. “O menino deve estar supertranquilo, ser gentil e mostrar que ele não está preocupado só em penetrar”, orienta. “Em geral, a menina idealiza essa situação e espera romantismo”, completa.
Muitas meninas esperam romantismo na primeira vez (Thinkstock)
Muitas meninas esperam romantismo na primeira vez (Thinkstock)
Filmes pornôs. A especialista afirma que basear-se em filmes pornográficos é furada. “O homem que faz isso é muito prejudicado, porque ele acaba aprendendo que a mulher é um objeto – e ela não é. Ele tem de aprender a conquistar, a seduzir”, aconselha.
Preliminares. Isso é o que difere os homens dos meninos na cama. As preliminares são importantíssimas para preparar a mulher para o sexo, especialmente na primeira vez. Além disso, elas ajudam muito o homem a controlar sua ansiedade. Se você está com medo deejacular rápido, foque no prazer dela para ganhar tempo e deixá-la no mesmo “ponto” que você.
Camisinha. “Muitos meninos perdem a ereção na hora de colocar o preservativo. É interessante treinar sozinho em casa, para aprender a colocar, e se masturbar com a camisinha, para se acostumar com a textura”, orienta.
Ela que manda. “Os homens precisam entender que é a mulher quem dá o tom da coisa: se ela disser não, é não. Além disso, é necessário saber que, se ela não estiver bem lubrificada, vai doer tanto nele quanto nela”, afirma a sexóloga.

Mulheres

Para muitas meninas, perder a virgindade é um momento confuso, que mistura expectativas, desejo e medo. Para piorar, existem muitos mitos que envolvem a primeira vez, o que as deixa ainda mais desorientadas. Algumas coisas que a mulher deve saber sobre a primeira transasão:
Tanto o homem quanto a mulher devem saber como colocar o preservativo (Thinkstock)
Tanto o homem quanto a mulher devem saber como colocar o preservativo (Thinkstock)
Dor. Só vai doer se você estiver nervosa. “Por conta da tensão, a mulher tende a contrair a musculatura da coxa, enrijecendo também os músculos internos e dificultando a entrada do pênis. É isso que causa a dor”, esclarece Carla.
Prazer. “É possível, sim, sentir prazer na primeira vez”, afirma a especialista, que orienta que a menina procure relaxar e se entregar ao momento.
Filmes pornôs. Assim como atrapalham os homens, também podem prejudicar as mulheres.
“A menina pensa que deve agir daquela forma e que os homens só gostam de mulheres assim. Ela vai se vulgarizar e ser permissiva”, afirma a psicóloga. Segundo ela, a mulher deve dizer o que quer ou não fazer e, durante a relação, dar diretrizes para o parceiro, falando se está ou não sentindo dor ou se prefere tentar de outra maneira.
Contar que é virgem ou não? Carla afirma que essa decisão é pessoal e depende do nível de relacionamento do casal. “Independente de ela ser virgem ou não, o homem nunca deve ser bruto, e deve sempre fazer com que ela se sinta à vontade”, diz.

Como colocar camisinha

Tanto o homem quanto a mulher têm a obrigação de saber como colocar o preservativo. Segundo Carla, o modelo masculino é mais fácil de ser manuseado, portanto mais indicado para a primeira vez.
Camisinha masculina: abra o pacote com as mãos, não com o dente, tesoura ou outro objeto cortante. Assopre para ver qual é o lado correto de desenrolar. Posicione o preservativo na cabeça do pênis, aperte a pontinha (que é onde o esperma vai ficar) e desenrole-o até a base do órgão. Se perceber que começou a desenrolar do lado errado, descarte e use um novo.
Camisinha feminina: tenha os mesmos cuidados ao abrir a embalagem. O preservativo feminino possui dois anéis: um dentro da camisinha e um na abertura. Aperte o primeiro com os dedos: ele ficará “compridinho”. Introduza-o na vagina, até o final. O outro anel ficará do lado de fora, revestindo a entrada. O pênis deve ser inserido dentro dele.

Fazer sexo menstruada faz mal? Pode engravidar? Tire dúvidas

Fazer sexo menstruada faz mal? Pode engravidar? Tire dúvidas

Sexóloga esclarece principais mitos e verdades sobre o assunto

Sexo e menstruação são dois assuntos que ainda despertam muitas dúvidas nas mulheres, o que faz com que muita gente fique sem saber como agir, especialmente na hora em que os dois são colocado “juntos”. Algumas por desconforto, outras por acharem que não é recomendado.
Mas afinal, tem problema fazer sexo menstruada? Faz mal para a saúde? Há risco de engravidar? A sexóloga Luni Freire, da Corpus de Lune, no Rio de Janeiro, esclarece alguns mitos e verdades.

Dúvidas sobre sexo na menstruaçãosexo-menstruacao-2

Pode fazer sexo menstruada?

Muitas mulheres não ligam de fazer e até acham mais prazeroso. Para as que se incomodam, uma possibilidade é usar o absorvente íntimo próprio para ser usado durante as relações. É uma espécie de esponjinha que, no entanto, não substitui a necessidade do uso de camisinha e pílula anticoncepcional. A primeira marca comercializada no Brasil é o Soft Tampom.

Fazer sexo menstruada pode engravidar? Verdade.

“Nesse período a mulher não ovula, mas podem haver alguns ciclos irregulares e muito curtos e. nesses casos, a mulher pode engravidar. Mas independente de estar ou não menstruada, é preciso usar um método contraceptivo, pois, além da gravidez, também é preciso se precaver das doenças sexualmente transmissíveis”.

Durante a menstruação há mais riscos de contrair DSTs

“Nesse período, o PH da vagina passa de ácido para alcalino e, além disso, como o tampão que protege a subida de germes para o útero é desfeito e substituído pelo sangue, é preciso mais cautela na hora das relações sexuais. Se a mulher adquirir qualquer infecção neste período, será mais grave do que em qualquer outra fase”.

Sexo oral na menstruação

“Existem pessoas que gostam e não têm problema com isso. Mas para a maior parte das pessoas o sangramento é algo que se torna incompatível com o sexo oral. É uma questão de preferência. Uma dica é usar proteções como aquele plástico fininho que usamos para embalar alimentos na geladeira, já que da para praticar o sexo oral com razoável qualidade mesmo durante a menstruação. Outra opção é usar a camisinha feminina, colocada do jeito certo, para que possa ocorrer o sexo oral de forma segura”.

Absorvente para fazer sexo menstruada: como funciona?

Absorvente para fazer sexo menstruada: como funciona?

Ginecologista fala sobre os riscos de infecção e outras particularidades do produto


Uma alternativa para as mulheres que não se sentem confortáveis é um absorvente íntimo para transar menstruada. Ele é feito exatamente para isso e a primeira marca comercializada no Brasil é o Soft Tampom.

Como funciona o Soft Tampon

absorvente-transar-menstruadaO ginecologista Daniel Luchesi, da Clínica Livon, em Joinville (SC), explica que o produto é feito de um material maleável (um tipo de esponja) e é introduzido na vagina o mais profundo possível, para que possa ter uma melhor ação. “Como não possui fio-guia, para sua retirada é necessário introduzir dedo e tracioná-lo, mas o próprio produto possui um orifício de encaixe para facilitar sua retirada”, diz.
Antes de entrar no mercado brasileiro, algumas brasileiras foram selecionadas para testar o absorvente e a maioria dos relatos foram que não houve incômodo ou desconforto, nem no uso diário nem na relação sexual.
“Pessoalmente, acredito que, em pacientes que já usam absorventes íntimos, não haveria muita mudança em relação ao dia a dia. Fico um pouco temeroso porque as brasileiras não têm muita noção de sua anatomia vaginal e pouco se tocam para conhecê-la”, afirma.

Absorvente para fazer sexo pode causar infecção?

absorvente-sexo-menstruada-como-tirarA empresa fabricante diz que o material é o mesmo de esponjas e que é absolutamente livre de produtos químicos, o que significa que os absorventes não causam irritações nas mulheres.
Mas o ginecologista faz um alerta: ”Acredito que, por ser esponjoso, poderia favorecer a proliferação bacteriana e os odores desagradáveis, além de ser um meio propagador de infecções para a região do colo e corpo uterino. Se a mulher optar pelo seu uso, o absorvente deve ser trocado a cada quatro horas”.

Dicas para transar menstruada

transar-menstruada-dicasJá em relação à principal promessa do produto, que é de permitir relações sexuais no período menstrual, o médico diz que irá depender de cada casal avaliar se existe ou não um incomodo. “A sensibilidade vaginal não seria prejudicada, mas a paciente deve avaliar se ter relação com um produto colocado internamente em sua vagina pode ser muito desconfortável”, afirma.
O Soft Tampom tem três tamanhos diferentes de acordo com o fluxo menstrual da mulher. A empresa explica que cada tampão pesa apenas dois gramas e a sua capacidade de absorção é muito superior a dos absorventes tradicionais. “É possível sim que a absorção seja efetiva e que não haja sangramento na relação. Mas isso só vamos verificar de fato com os relatos feitos em nosso consultório e através de pesquisas públicas”, diz o médico.