Buscar

08 julho 2014

Galvão abandona otimismo e critica apatia do Brasil: “jamais vi”

galvao
Até o sempre otimista narrador Galvão Bueno, da Globo, se abalou com a goleada sofrida pelo Brasil no primeiro tempo contra a Alemanha, na semifinal da Copa de 2014. Na transmissão do jogo, o locutor chegou a cornetar duramente o time “sub-20” de Felipão.
“É um time de verdade contra um sub-20”, falou enquanto o Brasil sofria gols atrás de gols na etapa inicial.
Depois do apito final do árbitro para o intervalo, o narrador voltou a falar e citou que perder faz parte, mas não do jeito que foi.
“Perder é do jogo, é esporte, mas perder o primeiro tempo dessa maneira, olhando o adversário fazer gol atrás do outro, jamais, ninguém viu”, completou.
Enquanto chamava os comentaristas para comentar a partida, Galvão ainda citou o “maior apagão da história do futebol mundial”.
Quem também admitiu estar abalado com o resultado foi o comentarista Casagrande. “Não tem como explicar, é difícil analisar. Estou meio baqueado, chocado com o que está acontecendo, tem de fechar mais o meio, jogar fechadinho, nosso time não é tudo isso, nós abusamos da coragem”, falou o ex-jogador.
Durante o primeiro tempo, Ronaldo, que também participava da transmissão, criticou a opção tática de Felipão, quando o jogo já estava 5 a 0. “Temos de terminar com dignidade, opção tática está errada”, afirmou.
Ampliar

Brasil e Alemanha se enfrentam no Mineirão, pela semifinal da Copa42 fotos

34 / 42
Sami Khedira marca o quinto gol da Alemanha sobre o Brasil e comemora no primeiro tempo da partida no Mineirão Leia mais Jamie McDonald/Getty Images

Nenhum comentário:

Postar um comentário